Anjo de Luz

Informação é Luz , ajude a propagar

….

Tenho que relaxar… Mas como é que se faz isso afinal? Relaxar… Assim, não o é de certeza, tanto tento concentrar-me em relaxar, que não consigo!
Vou tentar da forma que me explicaram, também, não tenho nada a perder mesmo…
O pensamento chega, não o evito, deixo fluir, mas, não é o pensamento que me guia, é a minha vontade de relaxar. Continuo no mesmo ponto, a mente não para, ora é o problema que necessitei resolver, ora é a doença da amiga, ora é o assunto que deixei para o amanhã.
Já vou longe de novo, calma, voltemos ao inicio, deixar as ideias fluirem, com a rédea curta, não vá repetir-se a amalgama de ideias.
Interessante, não conheço isto, é novo… (O Inicio)
Estou numa montanha típica de um qualquer deserto da América, vejo uma ave de rapina a rondar os céus a procura de algo, olho em frente e no crepúsculo avisto um vulto que se aproxima, vagarosamente como se o tempo não existisse. É um Xamã, índio nativo-americano, conduz-me através daquela vastidão, uma areia vermelha, quente e confortável, aproximamo-nos de uma cabana.
No seu interior, um ar quente, a fogueira arde, queima o pouco oxigénio e juntos, partilhamos um cachimbo, não sei o que fumo, mas sinto-me em casa, confiante, embebido numa tarefa trivial…
O meu consciente alarma-me, tenta puxar-me, diz-me em alta voz, Que fazes, não conheces este homem, pode querer-te mal. Como podes estar a fazer isto, estás louco, vivemos em pleno século XXI…
Indiferente, não lhe presto atenção, afinal, ele coordena toda a minha vida metodicamente.
Deslumbrado, vejo-me bem junto daquela ave majestosa, desafiamos a gravidade, a vista é fabulosa, estou em casa.
Num pestanejar, todo o cenário muda drasticamente e vislumbro uma grande baleia a respirar, envolvida por enormes glaciares… Confuso, estou integrado numa equipe de caça esquimó, todos os movimentos são coordenados, não me engano, afinal, o sustento da aldeia brotou no defronte, corpulenta, vagarosa e opulenta, envolvida pela vastidão do oceano. Metodicamente, o plano é levado avante e somos recebidos em grande alegria pelos patrícios, conduzidos ao acolhedor iglô, onde descansamos o corpo estafado e o ego vitorioso, os olhos fecham-se novamente.
No aconchego, sinto algo de extraordinário naquele ambiente, ouço uma enorme cachoeira, de curioso fico assombrado com o cenário, uma vegetação densa, um ar húmido e quente envolve todos os meus poros, os pés descalços pisam uma turfa fofa. Aproxima-se um sujeito invulgar, familiar, baixo, os cabelos sedosos, moreno, rosto caricato, redondo com a franja perto dos olhos, um semblante pacífico e divertido, conduz-me á origem do som.
Abismado, abeiramo-nos da enorme cachoeira, com o seu ar divertido, convida-me a saltar naquela vertiginosa queda de água.
Sem hesitar, sigo-o. No fim daquele salto vertiginoso, o sentimento é indescritível, uma comunhão com a natureza inexplicável, na lagoa os peixes tocam-me nos pés, divertidos, atónito, estou em constato no seio da magnífica selva Amazónica, por estranho que pareça, sinto-me em casa, rodeado dos amigos.
De volta o meu Ego, tenta que eu perceba que nada disto é possível, tenta baralhar-me, transmitir-me Medos, mas já é tarde para este meu amigo inseparável.
Sem saber porque, avisto uma vasta planície na savana africana, o Sol tórrido não me incomoda, pelo contrário, sinto-me bem, alegre e mais uma vez em casa.
Vejo-me com umas novas vestes, agora sou um negro corpulento, vestido de tanga, com uns colares muito estranhos ao peito, danço incansavelmente, sem saber o porque… de volta a confusão incitada pelo meu Ego… mesmo maravilhado, os meus sentidos vão-se apurando, tristemente, porque sinto que falta qualquer coisa, volto ao consciente…

Exibições: 13

Responder esta

Respostas a este tópico

Muitas vidas em uma só. Muitas existências paralelas.

SORRIA PARA A VIDA

Tem dia que ao acordar olhamos pela janela e parece que há uma nuvem negra sobre o céu.
O sol está lindo mas nem olhamos para ele.

Os pássaros cantam e só escutamos o barulho ensurdecedor dos carros.

A vida está sorrindo mas estamos sérios demais para viver e sorrir com a vida. Sentimos uma profunda tristeza...

É como se estivéssemos sentindo "a dor do mundo".
Quando isso acontece é hora de parar tudo. Repensar sobre o que você está fazendo com a sua vida.
Pare de ouvir essa voz invisível!
Ela apenas lhe coloca para baixo, se alimenta da sua tristeza e quer ser mais forte que você.

Vamos lá!!!
É hora de dar um tempo para você mesmo. Se é ruim viver assim manda esse baixo astral para longe. Não alimente essa "voz" invisível que está ao seu lado fazendo com que você não ache mais graça na vida.

Traga bons pensamentos para dentro de você.
Não se deixe abater pelos problemas, ninguém é infeliz para sempre. E você já teve bons momentos em sua vida.
Momentos esses, onde você sentiu muita felicidade e foi tanta, que você agradeceu centenas de vezes a Deus por estar vivo.

Então não deixe que essa tristeza
lhe turve os olhos da alma ou aprisione seu coração.
Acredite!!! O céu está mais azul do que nunca.
Você pode ver e sentir a Luz do sol. O movimento conturbado das ruas continuam.
Mas os pássaros ainda estão cantando.
E irão sempre cantar para quem souber ouví-los.

A vida, tem momentos de seriedade, mas irá sempre sorrir para você se você aprender a sorrir para ela!
Ola....
Sabes, por vezes tenho receio porque estou sempre a rir-me para a vida... o receio esta em perder qualquer coisa, tipo, rir-me para ela e esquecer-me de reparar que ela tambem retribui...
hehehe
So um devaneio..
Obrigado pelo profundo comentário... gostei muito.
P.S. desculpe a demora na resposta, andei meio perdido....

RSS

Seja um apoiador de Anjo de Luz

Para mantermos os sites de Anjo de Luz, precisamos de ajuda financeira. Para nos apoiar é só clicar!
Ao fazer sua doação você expressa sua gratidão pelo serviço! Lembre-se que dar e receber são aspectos diferentes do fluxo de energia no Universo.

 
Visit Ave Luz

 

PUBLICIDADE




Badge

Carregando...

Co-criando A NOVA TERRA

«Que os Santos Seres, cujos discípulos aspiramos ser, nos mostrem a luz que
buscamos e nos dêem a poderosa ajuda
de sua Compaixão e Sabedoria. Existe
um AMOR que transcende a toda compreensão e que mora nos corações
daqueles que vivem no Eterno. Há um
Poder que remove todas as coisas. É Ele que vive e se move em quem o Eu é Uno.
Que esse AMOR esteja conosco e que esse
PODER nos eleve até chegar onde o
Iniciador Único é invocado, até ver o Fulgor de Sua Estrela.
Que o AMOR e a bênção dos Santos Seres
se difunda nos mundos.
PAZ e AMOR a todos os Seres»

A lente que olha para um mundo material vê uma realidade, enquanto a lente que olha através do coração vê uma cena totalmente diferente, ainda que elas estejam olhando para o mesmo mundo. A lente que vocês escolherem determinará como experienciarão a sua realidade.

Oração ao Criador

“Amado Criador, eu invoco a sua sagrada e divina luz para fluir em meu ser e através de todo o meu ser agora. Permita-me aceitar uma vibração mais elevada de sua energia, do que eu experienciei anteriormente; envolva-me com as suas verdadeiras qualidades do amor incondicional, da aceitação e do equilíbrio. Permita-me amar a minha alma e a mim mesmo incondicionalmente, aceitando a verdade que existe em meu interior e ao meu redor. Auxilie-me a alcançar a minha iluminação espiritual a partir de um espaço de paz e de equilíbrio, em todos os momentos, promovendo a clareza em meu coração, mente e realidade.
Encoraje-me através da minha conexão profunda e segura e da energia de fluxo eterno do amor incondicional, do equilíbrio e da aceitação, a amar, aceitar e valorizar  todos os aspectos do Criador a minha volta, enquanto aceito a minha verdadeira jornada e missão na Terra.
Eu peço com intenções puras e verdadeiras que o amor incondicional, a aceitação e o equilíbrio do Criador, vibrem com poder na vibração da energia e na freqüência da Terra, de modo que estas qualidades sagradas possam se tornar as realidades de todos.
Eu peço que todas as energias e hábitos desnecessários, e falsas crenças em meu interior e ao meu redor, assim como na Terra e ao redor dela e de toda a humanidade, sejam agora permitidos a se dissolverem, guiados pela vontade do Criador. Permita que um amor que seja um poderoso curador e conforto para todos, penetre na Terra, na civilização e em meu ser agora. Grato e que assim seja.”

© 2020   Criado por Fada San.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço