Anjo de Luz

Informação é Luz , ajude a propagar

AUTO ESTIMA: VOCÊ TEM MEDO DE SER MELHOR QUE OS OUTROS?

Vemos muitas pessoas que exploram muito pouco do seu potencial, que estão constantemente se contendo para não crescer e não se destacar. As vezes isso parece um excesso de humildade. Mas pode ser mesmo um ponto negativo na autoestima.
 
Vamos investigar o que pode estar por trás desse comportamento. O medo da crítica tem uma grande influencia nesse contexto. Pessoas que se destacam estão mais sujeitas a julgamento, obviamente, já que aparecem mais. Se cometem um erro, este será muito mais visível. E mesmo que não cometam erros, outras pessoas vão discordar dela. E é certo que algumas críticas serão negativas.
 
Mesmo que a pessoa seja bastante elogiada, é incrível como o ser humano é muito mais afetado pela critica. É como se uma critica negativa tivesse um peso cem vezes maior que o de um elogio. Emocionalmente, as criticas costumam provocar seqüelas bem maiores do que os benefícios provocados pelos elogios. A maioria das pessoas é capaz de dar a volta em vinte quarteirões só pra evitar ser criticada.
 
Outro ponto aspecto a ser considerado é o medo de ser visto como arrogante, presunçoso, pretensioso. Pessoas que aparecem mais, freqüentemente serão julgadas dessa maneira.
 
Existe ainda o medo de fazer os outros se sentirem inferiores, um medo de ser melhor, se destacar e  provocar desconforto nas outras pessoas. Além de tudo isso, quem é bom no que faz está sujeito a provocar inveja e despeito.
 
Juntando todos esses sentimentos, o que acontece é que as pessoas começam a se sabotar para não crescer e se destacar. Se encolhem para não ser julgadas negativamente, para não sentir o desconforto de alguém discordar delas, para não fazer outras pessoas se sentirem menores, para não provocar inveja...
 
Quanto mais baixa a autoestima, mais a pessoa terá uma tendência a evitar o sucesso. Sentir-se inferior ou ter inveja de pessoas bem sucedidas, mais bonitas ou inteligentes é também sinal de pontos negativos na própria autoestima.
 
Recebi um texto de uma amiga que me levou a refletir e escrever sobre esse tema. Achei bastante interessante (não sei quem é o autor, se alguém souber por favor me avise):
 
“Nosso medo mais profundo não é o de sermos inadequados.
Nosso medo mais profundo é o de sermos poderosos.
É nossa luz e não nossa escuridão que mais assusta.
Nós nos perguntamos quem sou eu para ser brilhante,
Atraente, talentoso, fabuloso?
Na verdade, quem é você para não ser?
Você é a criação do Espírito.
Você, pretendendo ser pequeno não serve ao mundo.
Não tem nada de iluminado no ato de se encolher para que
Os outros não se sintam inseguros ao seu redor.
E à medida que deixamos nossa luz brilhar, damos a permissão  para os outros fazerem o mesmo.
À “medida que nos libertamos de nosso medo, nossa presença libera do medo todas as outras pessoas.” 
 
            Veja como o medo de brilhar pode influenciar nosso comportamento. Tive uma cliente que era muito bonita. Ela se sentia muito mal quando era elogiada na frente de outras amigas que eram, digamos, menos favorecidas esteticamente pela natureza.
 
Imagine então, ao invés de sentir-se bem com um elogio, a pessoa começa a fazer de tudo para evitá-lo a fim de não ficar numa situação desconfortável. Sendo assim, vai acabar evitando sair com algumas pessoas, gerando isolamento, e pode até mesmo se sabotar para ficar menos bonita.
 
Outra cliente me procurou por uma dificuldade em aprender a falar inglês. Entre outros bloqueios, ela descobriu que tinha medo de falar bem e se destacar para que outras pessoas não pensassem que ela estaria “se achando”. E conseguiu perceber que fazia o mesmo em outras situações.
 
Para se manter “confortável” emocionalmente, a solução que a pessoa arranja é ser medíocre. Isso normalmente não é algo consciente, apenas parcialmente. A pessoa se mantém em um patamar baixo, aquém do seu potencial, e muitas vezes não consegue entender a razão. Analise se você em determinadas situações tem esse medo de crescer. Eu já tive bastante, diminuiu muito aplicando EFT.
 
Esse tipo de medo pode influenciar nas mais diversas áreas: medo de melhorar financeiramente, medo de ficar mais bonito, de ter um cargo maior, de ter um casamento melhor que o das amigas, de ser um profissional conhecido, de falar bem uma língua,  tocar um instrumento, dançar, cantar etc...
 
O interessante é que, mesmo que você não cresça e que se mantenha pro resto da vida bem encolhidinho, jamais vai poder evitar a critica. Todo mundo é criticado, não tem jeito. É melhor então ser criticado sendo bonito, inteligente, bem sucedido, feliz, saudável, cantando, dançando e etc...
 
Tem uma parte do texto que eu gostaria de comentar:
 
“Você, pretendendo ser pequeno não serve ao mundo.
Não tem nada de iluminado no ato de se encolher para que
Os outros não se sintam inseguros ao seu redor.”
 
Qual é o seu objetivo? Você está aqui nesse planeta pra que? Acredito que é para ser o mais feliz possível e para influenciar da melhor forma, o maior numero de pessoas. Isso pode ser feito através do seu trabalho, das artes, das relações sociais (ou tudo junto). Ser “pequeno” serve menos pra você e pro mundo. Melhor que você pense grande. Você tem mais é que “se achar” mesmo.
 
Tempos atrás quando comecei esse meu novo trabalho e passei a descobrir esse fantástico mundo do “eu posso, eu consigo, eu faço, vai dar certo...” formulei o seguinte objetivo com relação ao meu trabalho: influenciar, tocar de forma positiva, o maior numero de pessoas que eu conseguir. E como fazer isso? Ajudando o maior numero possível de pessoas a conhecer a EFT para que elas tenham a possibilidade de se libertar de traumas, medos, vícios, fobias, inseguranças, depressão, pessimismo, dores e mais um monte de lixo emocional.
 
E é por isso que tenho site na internet, comunidade no Orkut, newsletter, manual gratuito, cursos online e presenciais em várias cidades (Dvds e livro online em breve)... É tudo baseado nesse objetivo. Cada vez mais, pretendo atender menos individualmente e fazer mais trabalhos em grupo (cursos e trabalhos terapêuticos). Assim consigo atingir mais pessoas. Prefiro atuar formando terapeutas e ensinando grupo de pessoas a aplicar EFT, assim consigo impactar muito mais gente. Creio que assim sou bem mais útil a sociedade, e ainda ganho por tabela, satisfação pessoal e financeira.
 
O objetivo é atingir milhares, que dizer, milhares não, milhões de pessoas em todas as parte do Brasil, e onde quer que tenha alguém falando português no mundo. Português só? E se o material for traduzido para o espanhol e inglês? Pareceu muito pretensioso??? Tem gente que vai pensar que eu to “me achando”...
 
André Lima
 
 
workshop de EFT sem São Paulo dias 26, 27 e 28 de fevereiro:
 
http://www.eftbr.com.br/mostra_cursos.php?idconteudo=104&idseca...

Exibições: 20

Responder esta

Respostas a este tópico

É isso ai Querido irmãozinho, tome posse de seu poder de Anjo Dourado.
Te confesso que já tive grandes problemas com poder ora me sentia atrevida, ora timida, sem contar as inimizades que eu arrumava por não aceitar o mundo sem espiritualidade e sempre que possível assim declarar... , mas hoje digo,
a cada dia mais me entrego à vontade do Deus que habita o interior de cada célula , e aí
eu fico super à vontade, pois o meu ego tem sentado lá no banco de tràs do veículo , à meu pedido....
e tenho com ajuda dos Bons espiritos que habitam aqui dentro de mim, sentido o Eu Maior e Superior
tomar as rédeas da criatividade em minha vida .... Carinhos...( Nem sempre há flores , mas é bem melhor do que caminhar sozinha ...)
Nas escolas tradicionais da Psicologia Junguiana e Freudiana, podemos pensar em termos três complexos envolvidos nessa temática: Complexo de superioridade, complexo de inferioridade, complexo de castração, que por sua vez tem ligação direta com os núcleos narcísicos do ego. Para a Psicologia de Adler, podemos substituir todas essas nomenclaturas por apenas uma: Poder. Qual a relação que cada um de nós tem com seu poder pessoal, seu poder divino? Posso ou não posso? Faço ou não faço? Sou melhor? Sou pior?
Gostei bastante do tópico, especialmente por que estou aprendendo a duras e longas penas a lidar com essa situação.
Pessoalmente, eu adicionaria um outro viés a essa discussão, o que remete a questão da responsabilidade. Assumir seu poder traz grande responsabilidade, principalmente aqueles que sabem/sentem/pressentem que assumir o seu poder o deixará sem escolhas, diminuir o lívre arbítrio, pois terá maior responsabilidade, esse medo ou fuga da responsabilidade também pode influenciar o medo de assumir seu poder. Na Psicologia junguiana, a discussão esbarra no mito de puer aeternus (aquele que não quer crescer, o eterno adolescente), quer viver no mundo dos adultos com a responsabilidade de uma criança.
Gostaria que pudéssemos discutir mais sobre esse assunto para podermos ampliar nossas percepções, compreensão, insight sobre o tema.
Nossa!!...Este tema é tudo o que se passa no interior da gente!...Como é dificil se relacionar e se adequar pelo melhor sem que isto pareça uma pretensão ou arrogância!...Amei...vou ler mais vezes para fixar cada frase....Parabéns!...Abraço!!
SONIA GOMES, muitas vezes deichei de ser EU, para não contrariar outra pessoa, isso me colocava para baixo, me abatia com muita facilidade, hoje eu sei que posso, hoje EU SOU. um abraço carinhoso paz e muita luz.

RSS

Seja um apoiador de Anjo de Luz

Para mantermos os sites de Anjo de Luz, precisamos de ajuda financeira. Para nos apoiar é só clicar!
Ao fazer sua doação você expressa sua gratidão pelo serviço! Lembre-se que dar e receber são aspectos diferentes do fluxo de energia no Universo.

 
Visit Ave Luz

 

PUBLICIDADE




Badge

Carregando...

Co-criando A NOVA TERRA

«Que os Santos Seres, cujos discípulos aspiramos ser, nos mostrem a luz que
buscamos e nos dêem a poderosa ajuda
de sua Compaixão e Sabedoria. Existe
um AMOR que transcende a toda compreensão e que mora nos corações
daqueles que vivem no Eterno. Há um
Poder que remove todas as coisas. É Ele que vive e se move em quem o Eu é Uno.
Que esse AMOR esteja conosco e que esse
PODER nos eleve até chegar onde o
Iniciador Único é invocado, até ver o Fulgor de Sua Estrela.
Que o AMOR e a bênção dos Santos Seres
se difunda nos mundos.
PAZ e AMOR a todos os Seres»

A lente que olha para um mundo material vê uma realidade, enquanto a lente que olha através do coração vê uma cena totalmente diferente, ainda que elas estejam olhando para o mesmo mundo. A lente que vocês escolherem determinará como experienciarão a sua realidade.

Oração ao Criador

“Amado Criador, eu invoco a sua sagrada e divina luz para fluir em meu ser e através de todo o meu ser agora. Permita-me aceitar uma vibração mais elevada de sua energia, do que eu experienciei anteriormente; envolva-me com as suas verdadeiras qualidades do amor incondicional, da aceitação e do equilíbrio. Permita-me amar a minha alma e a mim mesmo incondicionalmente, aceitando a verdade que existe em meu interior e ao meu redor. Auxilie-me a alcançar a minha iluminação espiritual a partir de um espaço de paz e de equilíbrio, em todos os momentos, promovendo a clareza em meu coração, mente e realidade.
Encoraje-me através da minha conexão profunda e segura e da energia de fluxo eterno do amor incondicional, do equilíbrio e da aceitação, a amar, aceitar e valorizar  todos os aspectos do Criador a minha volta, enquanto aceito a minha verdadeira jornada e missão na Terra.
Eu peço com intenções puras e verdadeiras que o amor incondicional, a aceitação e o equilíbrio do Criador, vibrem com poder na vibração da energia e na freqüência da Terra, de modo que estas qualidades sagradas possam se tornar as realidades de todos.
Eu peço que todas as energias e hábitos desnecessários, e falsas crenças em meu interior e ao meu redor, assim como na Terra e ao redor dela e de toda a humanidade, sejam agora permitidos a se dissolverem, guiados pela vontade do Criador. Permita que um amor que seja um poderoso curador e conforto para todos, penetre na Terra, na civilização e em meu ser agora. Grato e que assim seja.”

© 2020   Criado por Fada San.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço