Anjo de Luz

Informação é Luz , ajude a propagar

Há uma necessidade de uma transmutação para que a mais pura energia transforme-se na matéria. A criação da Tríade Superior (Ruah), do homem (Neshemah) e da mulher (Nefesh) na realidade apresentou passos intermediários. A Cabala nos indica 9 (nove) estágios, chamaremos de Sephirot, que apresentam características próprias:

1- Kether, habitação dos diretores do universo, os Querubins, detentores do PODER;

2- Chokmah, morada dos Serafins, detentores da SABEDORIA;

3- Binah, habitado por Tronos, detentores do CONHECIMENTO;

4- Chesed, habitado por Potestades, detentores da MIZERICORDIA:

5- Geburah, habitado por Virtudes, detentores da JUSTIÇA;

6- Tiphareth, habitado por Dominações, detentores ARMONIA;

7- Rodh, habitado por Arcanjos, detentores do REPOUSO;

8- Netzach, habitado por Principados, detentores do ESPLENDOR;

9- Iesod, habitado por Anjos, detentores dos FUNDAMENTOS.

Esquematicamente, poderíamos dizer que a criação deu-se em etapas sucessivas como um raio cósmico que foi se adensando e dando forma aos planos divinos que anteriormente existira somente na "memória" de Deus. Cabe ressaltar que até o momento o universo material ainda não foi gerado.

Malkut, que representa nosso universo material, morada dos ELEMENTAIS, só foi criado após a liberação do fluxo da energia de criação que, por ordem de "Deus" (na realidade, Ruah repassando a ordem que o próprio Cristo recebera - O Grande Adão via Ruah como seu criador, era natural que o tratasse como Deus) havia sido proibido de dar-se continuidade por Neshemah e Nefesh quando os proibiu de "comer do fruto da árvore do conhecimento do bem e do mal"; ou seja, o fruto proibido era a criação (daí parece lógico ter sido associado ao sexo o pecado original).


O esquema acima explica a seqüência em que foram criados os diversos planos de existência, do Cristo Cósmico ao mais denso. Uma visão tridimensional mais fácil de ser compreendida é um comparativo com a figura 02, como camadas sucessivas de uma esfera. Quanto mais interna, mais densa.

Como está claro no esquema acima, chamaremos atenção para o fato das macros almas ( Tríade Superior, Homem e Mulher ) serem chamados por tríade e terem, cada um, três orbes angélicas à sua disposição. Cada um destes orbes possui um plano de vibração ao qual habitam, planos estes que são as Sefiras ou Sefirot. As orbes angélicas foram citadas no início desta capítulo.

Notamos aqui neste esquema Clipot, que não é comum ser representada em todos os esquemas da árvore da vida. Nele esta a base do mundo físico. É a matéria densa no interior dos astros estelares, em mutação e elaboração. Neste plano, assim como no primeiro, não existimos. Ele não é transitório como o nosso plano, as forças vivas que ali habitam tem função de manter o estado de ebulição dos interiores dos corpos estelares, provavelmente as mesmas forças que atuaram no início da formação do nosso universo.

Porém, entre as duas primeiras tríades temos a chamada não-sefira de Daat. Segundo a tradição, nela está a sombra da criação, as criaturas angélicas que optaram por afastar o homem de seu melhor caminho para unir-se ao Pai. Foi a chamada Rebelião de Lúcifer.

Pois bem, as determinações que seguiam da tríade superior para o homem sofriam interferência daquelas criaturas. Sendo o homem uma criatura livre por excelência, a escolha do momento de dar passagem ao fluxo da criação do universo material era sua. Se aguardasse conforme a instrução que recebera, desfrutaria de um imenso jardim do éden físico. Antes disso sofreria conseqüências pelo seu despreparo para criá-lo.

Sabemos que escolhemos a segunda opção sob influência de Daat.

Podemos interpretar este mito por uma outra face. Lúcifer, o anjo das Luz, que representava o raciocínio, tem uma história parecida com a do homem, ascensão e queda. Pelo que aqui foi exposto, admitamos então a Tríade Superior, como manifestação do Cristo Cósmico, perene, e o restante da criação, as outras sete sefíras, sejam transitória (assim como aqui no universo físico, está sujeito a constante mudança). Pois então Daat é o véu que separa a "criação imutável" da "mutável". Lúcifer representa aqui o raciocínio do Adam (lembremos então que este é um grande deus, representado pela árvore toda), que quando deseja saber como seria a criação caso pudesse ser diferente do estado que vivia, como seria se não seguisse a ordem estabelecida, permite a existência do plano físico, para ter a experiência do sabor, de não apenas saber, mas viver e experimentar por si mesmo. A figura mítica infernal atribuída a Lúcifer seria uma maneira de querer livrar-se do sentimento de culpa e erro, repassando a, supostamente, outro personagem (como é bem comum ao homem).

Exibições: 16

Seja um apoiador de Anjo de Luz

Para mantermos os sites de Anjo de Luz, precisamos de ajuda financeira. Para nos apoiar é só clicar!
Ao fazer sua doação você expressa sua gratidão pelo serviço! Lembre-se que dar e receber são aspectos diferentes do fluxo de energia no Universo.

 
Visit Ave Luz

 

PUBLICIDADE




Badge

Carregando...

Co-criando A NOVA TERRA

«Que os Santos Seres, cujos discípulos aspiramos ser, nos mostrem a luz que
buscamos e nos dêem a poderosa ajuda
de sua Compaixão e Sabedoria. Existe
um AMOR que transcende a toda compreensão e que mora nos corações
daqueles que vivem no Eterno. Há um
Poder que remove todas as coisas. É Ele que vive e se move em quem o Eu é Uno.
Que esse AMOR esteja conosco e que esse
PODER nos eleve até chegar onde o
Iniciador Único é invocado, até ver o Fulgor de Sua Estrela.
Que o AMOR e a bênção dos Santos Seres
se difunda nos mundos.
PAZ e AMOR a todos os Seres»

A lente que olha para um mundo material vê uma realidade, enquanto a lente que olha através do coração vê uma cena totalmente diferente, ainda que elas estejam olhando para o mesmo mundo. A lente que vocês escolherem determinará como experienciarão a sua realidade.

Oração ao Criador

“Amado Criador, eu invoco a sua sagrada e divina luz para fluir em meu ser e através de todo o meu ser agora. Permita-me aceitar uma vibração mais elevada de sua energia, do que eu experienciei anteriormente; envolva-me com as suas verdadeiras qualidades do amor incondicional, da aceitação e do equilíbrio. Permita-me amar a minha alma e a mim mesmo incondicionalmente, aceitando a verdade que existe em meu interior e ao meu redor. Auxilie-me a alcançar a minha iluminação espiritual a partir de um espaço de paz e de equilíbrio, em todos os momentos, promovendo a clareza em meu coração, mente e realidade.
Encoraje-me através da minha conexão profunda e segura e da energia de fluxo eterno do amor incondicional, do equilíbrio e da aceitação, a amar, aceitar e valorizar  todos os aspectos do Criador a minha volta, enquanto aceito a minha verdadeira jornada e missão na Terra.
Eu peço com intenções puras e verdadeiras que o amor incondicional, a aceitação e o equilíbrio do Criador, vibrem com poder na vibração da energia e na freqüência da Terra, de modo que estas qualidades sagradas possam se tornar as realidades de todos.
Eu peço que todas as energias e hábitos desnecessários, e falsas crenças em meu interior e ao meu redor, assim como na Terra e ao redor dela e de toda a humanidade, sejam agora permitidos a se dissolverem, guiados pela vontade do Criador. Permita que um amor que seja um poderoso curador e conforto para todos, penetre na Terra, na civilização e em meu ser agora. Grato e que assim seja.”

© 2020   Criado por Fada San.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço