Anjo de Luz

Informação é Luz , ajude a propagar

Maria Alexandra Barrinha
  • Sacavém
  • Portugal
Compartilhar
  • Mensagens de blog
  • Tópicos
  • Eventos
  • Grupos
  • Fotos
  • Álbuns de Fotos
  • Vídeos

Amigos de Maria Alexandra Barrinha

  • IVANILDO FALCÃO DA GAMA
  • Celia
  • Fada San

Presentes recebidos

Presente

Maria Alexandra Barrinha ainda não recebeu nenhum presente

Dar um presente

 

Página de Maria Alexandra Barrinha

Informações do Perfil

Tem alguma informação de luz para compartilhar ?
Poderia copiar tantas que estão por ai, mas nao o quero fazer, e não me ocorre nada neste momento!
Quem é você ?
EU? , EU SOU EU...!
Musicas e livros favoritos
Vários

Caixa de Recados (5 comentários)

Você precisa ser um membro de Anjo de Luz para adicionar comentários!

Entrar em Anjo de Luz

Às 8:12 em 17 maio 2016, Amigo dos Anjos(Fernando) disse...



Espero que você goste dessa mensagem fraterna Maria Alexandra.
Qual o seu e-mail ou facebook? O meu é:
https://www.facebook.com/amigo.dosanjos.9
amigo_dos_anjos_144br@hotmail.com
Fan Page: https://www.facebook.com/anjoseartes1

Às 8:12 em 17 maio 2016, Amigo dos Anjos(Fernando) disse...



Você ouve essa mensagem de elevação espiritual que conforta o seu Coração Maria Alexandra.
Às 11:31 em 11 abril 2015, IVANILDO FALCÃO DA GAMA disse...

DESPEÇO-ME...

 

Despeço-me sem saudades do que já fui,

Do que seria o meu porvir,

Dos sonhos que naufragaram,

Do que precisava pensar, ver, sentir e agir.

Despeço-me de minhas ilusões,

Despedindo-me de minhas frustrações,

Daquilo que não fiz e precisava fazer.

 

Despeço-me daquilo que não pude saber,

Despedindo-me do meu pretérito viver,

Sabendo hoje mais do que jamais,

Que é exatamente no instante milimétrico do agora,

Bem aqui, que devo integralmente viver,

Para mais qualitativamente pensar, sentir e querer.

Donde sonhos desfeitos podem ser refeitos,

Donde as ilusões do passado me ensinaram.

E as frustrações de outrora me alicerçam sólido porvir,

Pretendendo viver inteiro no devir

De cada dia, de cada estação, na comunhão diária com o Divino.

 

Despeço-me do acalanto do manto de menino,

Mas conservo desse tempo indeléveis, sábias e alegres lembranças

Re-aprendendo com elas,

Acalentando o calor do imprescindível amor,

Que devo em tudo que faço, fizer,

Sedimentar e instalar amorosamente nas ações de meus dias,

Acalentando novo acalanto da minha vida em novo canto,

Sem mais o encanto

Das fascinações que já tive.

 

Olho agora para dentro de mim e qual detetive de minha Alma

Busco me saber, me entender, me desprender

Das amarras de meus apegos, dos grilhões de meus pré-conceitos

Despedindo-me das imperfeições

Que tive o privilégio de viver,

Pois esses erros, essas frustrações, essas ilusões, os sofrimentos,

Fizeram-me mais forte e consciente hoje,

Fizeram-me crescer.

 

Despeço-me de todas as mágoas, ressentimentos,

Que porventura em mim fizeram morada,

Invocando de minha Alma o perdão

Para todos quantos fizeram parte de minha vida

Perdoando-me primacialmente, primeiramente.

Despeço-me da dor acalentada ou sofrida,

E assim vislumbro novos horizontes:

A Ascensão aos Céus de Mim mesmo!

Despeço-me do andar inconsequentemente a esmo,

E me dou agora boas vindas a radiante futuro,

No esforçar-me sem esforço,

Para me redescobrir, me re-achar,

Apesar do turbilhão do ego,

Que outrora como um cego,

Dantes me iludia com sua falsa identidade.

Pois tudo é vaidade, vaidade...

E a ilusão está na transitoriedade

Pois tudo passa, tudo passa...

Só nossa Imortalidade em Unicidade com Deus,

Não passa.

 

Despeço-me assim da identificação com a personalidade,

Que ontem era senhor, hoje é nova realidade...

O ego deve ser sempre um instrumento

De iniciação, de crescimento,

Deve ser afiado para servir

Aos propósitos superiores da vida.

 

E assim, abrindo caminhos para novo tempo, para novo espaço

Nos ilimites de nosso Eu Maior, nosso Eu Crístico, nosso Eu Superior.

E quando a Ele temos acesso,

Não mais conheceremos o dual sofrimento, a dor.

 

Despedindo-me do supérfluo, do banal

E me redescobrindo paulatinamente,

Não no que fui ou serei,

Mas no que realmente Eu

Às 11:27 em 11 abril 2015, IVANILDO FALCÃO DA GAMA disse...

NÃO HÁ...

 

 

Não há sofrimento que dure para sempre.

 

Não há lágrimas que não possa ser ofertadas ao Cristo, retornando em bênçãos...

Não há amor-paixão  que um dia não possa se transformar em Amor Verdadeiro.

Não há nada que dure para sempre,

A não ser

O viver

Da própria eternidade, que reside dentro e fora de nós, neste AGORA infindo!

Não há situação aflitiva que perdure.

Não há problemas financeiros que não possam ter uma solução.

Não há nada que a Fé, a Esperança nos sábios processos que a vida nos traz,

Não possa dar a correta solução, preparando-nos para novo evento

Do aprendizado existencial. Não há nada que a gratidão e um sorriso não possam esclarecer-nos redirecionando nossa rota, iluminando faces, na vida. Em vidas...

 

Não há nada no mundo material que seja digno de apegos...

Não há estrela ou sóis que não estão também dentro do mais profundo de nossa Alma, não há a chamada morte – essa grande mentira inventada, não real.

 

Não há amor, que, se provisoriamente separados, não possa retornar reunindo corações amantes.

Não há espaço que não possa ser visitado pelo AMOR.

Não há desesperança para quem sabe orar, perdoar, vigiar, cuidar.

Não há quem não tenha sido uma criança inocente, feliz.

E que portanto não possa aprender com essa mesma criança que está em todos nós através da pureza, da inocência, das fadas, dos anjos que estão fielmente cumprindo suas missões na contínua assistência a todos nós...

 

Não precisamos de mais nada, senão de DEUS.

E seguir Suas Leis Divinas... E tudo o mais nos será dado por acréscimo,

Já nos exortava o Grande e Amado Mestre dos Mestres, CRISTO, em Jesus.

 

Não há nada estático, parado, estacionado no universo.

Portanto, precisamos ser dinâmicos, aproveitando com o sentido do útil, do oportuno,  com amor e sabedoria, a dádiva de cada segundo vivido aqui na Terra.

Pois todos sabemos que é no doar-se que encontramos o retorno de todas as glórias, aos seres humanos sinceros, honestos, abertos para o aprendizado do dia-a-dia, e que assim em DEUS, em Jesus, no Amor, nada nos faltará...

Ivanildo Falcão da Gama 

emamoreluz@gmail.com –

Às 20:38 em 12 novembro 2014, MARGARIDA MARIA MADRUGA disse...

 
 
 

Seja um apoiador de Anjo de Luz

Para mantermos os sites de Anjo de Luz, precisamos de ajuda financeira. Para nos apoiar é só clicar!
Ao fazer sua doação você expressa sua gratidão pelo serviço! Lembre-se que dar e receber são aspectos diferentes do fluxo de energia no Universo.

 
Visit Ave Luz

 

PUBLICIDADE




Badge

Carregando...

Co-criando A NOVA TERRA

«Que os Santos Seres, cujos discípulos aspiramos ser, nos mostrem a luz que
buscamos e nos dêem a poderosa ajuda
de sua Compaixão e Sabedoria. Existe
um AMOR que transcende a toda compreensão e que mora nos corações
daqueles que vivem no Eterno. Há um
Poder que remove todas as coisas. É Ele que vive e se move em quem o Eu é Uno.
Que esse AMOR esteja conosco e que esse
PODER nos eleve até chegar onde o
Iniciador Único é invocado, até ver o Fulgor de Sua Estrela.
Que o AMOR e a bênção dos Santos Seres
se difunda nos mundos.
PAZ e AMOR a todos os Seres»

A lente que olha para um mundo material vê uma realidade, enquanto a lente que olha através do coração vê uma cena totalmente diferente, ainda que elas estejam olhando para o mesmo mundo. A lente que vocês escolherem determinará como experienciarão a sua realidade.

Oração ao Criador

“Amado Criador, eu invoco a sua sagrada e divina luz para fluir em meu ser e através de todo o meu ser agora. Permita-me aceitar uma vibração mais elevada de sua energia, do que eu experienciei anteriormente; envolva-me com as suas verdadeiras qualidades do amor incondicional, da aceitação e do equilíbrio. Permita-me amar a minha alma e a mim mesmo incondicionalmente, aceitando a verdade que existe em meu interior e ao meu redor. Auxilie-me a alcançar a minha iluminação espiritual a partir de um espaço de paz e de equilíbrio, em todos os momentos, promovendo a clareza em meu coração, mente e realidade.
Encoraje-me através da minha conexão profunda e segura e da energia de fluxo eterno do amor incondicional, do equilíbrio e da aceitação, a amar, aceitar e valorizar  todos os aspectos do Criador a minha volta, enquanto aceito a minha verdadeira jornada e missão na Terra.
Eu peço com intenções puras e verdadeiras que o amor incondicional, a aceitação e o equilíbrio do Criador, vibrem com poder na vibração da energia e na freqüência da Terra, de modo que estas qualidades sagradas possam se tornar as realidades de todos.
Eu peço que todas as energias e hábitos desnecessários, e falsas crenças em meu interior e ao meu redor, assim como na Terra e ao redor dela e de toda a humanidade, sejam agora permitidos a se dissolverem, guiados pela vontade do Criador. Permita que um amor que seja um poderoso curador e conforto para todos, penetre na Terra, na civilização e em meu ser agora. Grato e que assim seja.”

© 2019   Criado por Fada San.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço