Anjo de Luz

Informação é Luz , ajude a propagar

O DIA SEGUINTE



Aztón: GAIA: Como eu gosto que se estejam rindo!

Eu também quero me somar à esta alegria pelo que está acontecendo neste dia tão maravilhoso no qual estou retomando toda minha força, toda minha plenitude, em que vou retornando ao meu estado de saúde pleno.

Eu queria vir, ainda que brevemente, porque estou muito ocupada neste momento com tudo o que me está acontecendo, para lhes dar um relatório de atualização, poderíamos assim dizer.

Quero contar a todos que o processo já está em plena ativação e que o raio está totalmente incorporado em mim e que estamos desenvolvendo toda a tarefa. Digo ´estamos´ porque somos muitos; sou eu, a principal consciência que sustenta este espaço físico, mas também há o pessoal restante, integrado pelas Deusas Luz, pelos Mestres Ascensionados, os diferentes Deuses que estão ajudando através de seus próprios elementos para que se consiga uma Terra renovada que possa receber a todos vocês novamente, neste mesmo “continuum espaço-tempo”.

Eu sou a Terra e me despeço muito contente.





Alexiis: Eu Sou o ACONCAGUA. Vocês me conhecem por nome, embora alguns tenham tentado me escalar, uns conseguindo, outros não.

Sou uma representação das altas cúpulas nevadas de seu país (Argentina), e como tal miro da minha alta posição o que passa abaixo. Felizmente posso ver que está acontecendo o que Gaia diz que está se produzindo; o solo está sendo purificado e limpo, estão-se desencardindo as águas, os montes, as montanhas. Todos estamos recebendo uma purificação que vem por meio desses raios cósmicos, os quais nos estão abençoando.

Devo agradecer, em nome de todas as cadeias montanhosas do planeta, essa purificação tão necessária, essa limpeza de nossas partes sujas e negativas, enfim, tudo que estava em detrimento à natureza da Mãe Terra, da humanidade e dos outros reinos.


Escrito por Colaborador(a) do Blog às 17h08
[ envie esta mensagem ] [ link ]



Bem-vindo seja esta mudança; bem-vinda seja esta possibilidade de ingressar em uma dimensão, limpos e livres de toda negatividade.

Eu sou o ACONCAGUA.





Alexiis: Eu sou ADAMA (da Terra Interna) e neste momento simplesmente quero saudá-los porque dentro de pouco vamos estar em condições de nos abraçar, de nos olhar nos olhos uns aos outros, de receber junto conosco aos irmãos tão longamente perdidos.

Vocês sabem que somos provenientes da Lemuria; vocês ficaram na superfície e nós fomos para debaixo da terra. Mas igualmente, nossas origens estão irmanadas e disso é que venho relembrá-los.

Aqueles seres que agora estão atentos a tudo o que lêem e escutam neste sentido, é porque são nossos irmãos.

Venho relembrar que somos todos irmãos, não apenas nós, os lemurianos, mas também aos atlantes - somos UM e essa irmandade é a que devo realçar. A irmandade do ser humano, a irmandade com outros reinos, com toda a natureza. A irmandade, o UM, que nos vai levar de retorno ao Tudo O Que É. Eu os saúdo e digo: até muito em breve! Realmente, até muito em breve!.

Eu Sou ADAMA, Supremo sacerdote de Telos (Terra Interna)





Alexiis, 7 de agosto de 2009

AlexiisS: Amados Mestres, são sete e quinze da noite; parece que soou a campainha... Antes, tinha-me deitado um momento, pareceu-me escutar algo, mas não sei... não me avisaram. Assim, se vocês me chamaram e não respondi, desculpem, realmente estava muito esgotada. Aqui estou, disposta a receber a mensagem que seja. Com todo meu amor.

Sou YESHUA, Alexiis. Venho fundamentalmente dizer a você e ao Aztón e a todos outros: não permitam que a dúvida se introduza em vocês; as mudanças acontecerão.

Na melhor das hipóteses vocês não as verão diretamente na fisicalidade, amanhã, mas elas estão acontecendo. Por favor, aceitem isto. Nós precisamos contar com a plena confiança de vocês e vocês não serão defraudados.

Eu sei que o stress é grande – em seu caso, Alexiis, sei que não descansaste nada a noite toda - mas eu tinha que vir principalmente porque nós percebemos e escutamos seus comentários sobre "será que aconteceu mesmo?...", e não podemos deixar que uma trabalhadora da luz como você fique com dúvidas.

Eu sei que não são "dúvidas" propriamente ditas e sim ‘um certo medo que não seja realidade’ o que durante tantos dias estiveram enfatizando. É realidade! É tão real, vale dizer em redundância, "como o ar que respiram".

Permitam-se ver, porque aqui é extremamente importante não estar cegos (NC: o pior cego é aquele que não quer ver), não ficar com viseiras, como os cavalos. Permitam-se ver as mudanças que estão acontecendo, e as verão! Estão acontecendo!

Amamos todos vocês profundamente e eu pessoalmente, tendo vivido neste planeta, sei quão fácil é deixar que a decepção os vençam.. Não permitam que isso aconteça. Todos estamos lutando juntos para que isto se realize.

Com todo meu amor, eu sou YESHUA.





Alexiis, 8 de agosto, 2009

Bom dia, são sete e meia da manhã, estava sem querer me levantar, por que, não sei.. Sinto um esgotamento grande e estou vendo que tudo parece exatamente igual ao que era antes. Já sei, não devo perder o ânimo, mas sinceramente não o estou conseguindo elevá-lo... Ontem à noite acredito, acredito haver sentido um chamado duas vezes e não pude responder.

Bom, entretanto me levantei para ver se consigo reverter esse estado de ânimo. Fico esperando, fico esperando porque não sei, não sei.....

Ai minha filha, minha filha, sou a MÃE MARIA, você não pode esgotar suas forças físicas tanto assim!. Isso não pode ser, porque essa é a sua ‘parte-Anita’ e ela não pode, não pode à primeira investida abandonar-se e deixar-se abater.

Se nem sequer sabes com certeza o que se produziu, o que espera ver? Tem que se permitir ver as coisas, tem que se permitir, você e os que são a vanguarda como você. Não podem se dar "o luxo" de se sentirem desencorajados porque não estão conseguindo ver as mudanças prognosticadas ao seu redor.


Escrito por Colaborador(a) do Blog às 17h07
[ envie esta mensagem ] [ link ]



Onde está a fé de vocês?, Onde está toda a fortaleza que parece que têm?, Sei que você a tem, mas hoje parece que faz falta uma sacudida, faz falta uma sacudida a você e estou segura que a muitos outros humanos.

Esperem ver e vejam, esperem ouvir e ouçam. Agora me manifesto como uma Mãe Maria bastante 'zangada, bastante zangada' embora saiba que o que está acontecendo é conseqüência de um grau muito elevado de expectativa, que acabou provocando um cansaço excessivo. E mais, saiba que você (vocês) é um farol de luz, é um farol de luz que não se pode abater à primeira tormenta. É outra prova pela que têm que passar, e não será a última, mas sei que sairá (sairão) vitoriosa porque essa é você e assim são também muitos outros.

Muitos outros nesta manhã (manhã do sábado) estarão em dúvida sobre o que aconteceu, por que "não vemos nada". Já o vão ver, mas têm que permitir-se fazê-lo. Vocês sabem que tudo, como ontem foi amplamente explicado, é um holograma, então permitam-se ver através dele, permitam ver mais à frente do véu, vocês têm que tirar o véu, esse véu já não deve existir mais.

Assim por favor, reúnam suas próprias energias, reúnam tudo "o que são" e em seguida já conseguirão ver a mudanças.

Mando-lhes todo meu amor e toda minha energia e lamento ter vindo assim, mas toda essa arenga é necessária, era necessário sacudi-los e aos que se esgotaram trabalhando. Vão ter que seguir fazendo-o e não depender de que cada vez que o cansaço (ou desânimo) os abata eu deva vir a sacudi-los. Simplesmente não se permitam esse esgotamento.

Bom, volto para minha normalidade, envolvo-os com todo meu amor.

Eu Sou a MÃE MARIA.





Sergio, 8 de agosto de 2009 (AZTÓN)

Queridos

Por sugestão de Alexiis, escrevo-lhes estas linhas para contar-lhes de que forma o evento destes três dias passados me ajudou, com a intenção de apoiá-los e a mim também e tirar o positivo com respeito ao crescimento interior.

Ontem terminei o dia quase a meia-noite de hoje; estava totalmente extenuado, pedindo aos Mestres que não me chamassem para canalizar porque a única coisa que tinha condições de fazer era deitar e dormir.

Apesar desse estado físico eu queria que os Mestres me contatassem porque me dava conta de que tinha deixado entrar a dúvida: "e se nada mudasse no dia seguinte?" Senti que esta dúvida empanou toda a alegria e júbilo que senti durante todo esse dia com o trabalho extenuante que compartilhei com Alexiis.

Yeshua veio através de Alexiis nos chamando a atenção para que não alimentássemos a dúvida. Enfim, terminei o dia cansadíssimo e me sentindo mal comigo mesmo por ter dado espaço à dúvida. Senti que essa tinha sido minha prova e que não a tinha superado.

Esta manhã, ao despertar, revisei como me sentia - além de ainda muito cansad0 - e notei que não estava alegre, como é habitual. Levantei-me, olhei pelas janelas e percebi que estava totalmente escuro, apesar da hora avançada que já era. Isso me levou a prestar mais atenção - e sim, estava mais escuro do que a essa mesma hora tinha estado no dia anterior. Perguntei-me, será parte do que mudou?

Logo fui me localizando dentro do dia e ao procurar informação, percebi que “tudo seguia mais ou menos igual até agora”. Temi que assim fosse, então me permiti entrar conscientemente em um estado de desânimo e desgosto. Sabia que estava me sentindo assim, apesar do chamado de atenção que tinha recebido de Yeshua e, esta manhã, da Mãe Maria.

Falei com os Mestres e lhes disse que me sentia frustrado, desanimado, e que não conseguia sair deste estado só porque eles nos disseram que não nos devíamos permitir isso.

Não vou contar-lhes tudo que compartilhei com eles, porque certamente muitas e muitos de vocês terão feito algo parecido. Coisas como: “outra vez "pizza"?; o que aconteceu?; no que me equivoquei?” circularam por minha mente. Procurava a causa de não ver as mudanças que eu mesmo tinha expressado através de minha voz, canalizando aos Mestres.

Mas, revisando bem em meu interior, não senti dúvidas do que canalizei ontem, então: por que não percebia as mudanças nem me sentia bem, animicamente falando?

Então, recordei as explicações dadas pelo Albert Einstein sobre o holograma que cada um constrói e sustenta em um coletivo onde vivemos uma suposta ‘realidade que não é real’.

Voltei para minha pergunta: no que me equivoquei? e acrescentei: o que estou deixando fora de minha observação? Segui, continuei falando com os Mestres enquanto lavava a roupa, incorporando o conteúdo da mensagem da Mãe Maria.

Veio-me à mente o comentário do Albert sobre o holograma… e me caiu a "ficha"!

Ao dar lugar à dúvida e ao desânimo, invalidei minha possibilidade de mudança. Albert foi muito claro em sua explicação: experimentamos o que sustentamos como real. Quer dizer que ainda não abandonei esse holograma; não me retirei dessa projeção para me introduzir na outra projeção chamada Nova Terra.

Esta Nova Terra já existe e é uma realidade, mas eu não a acesso, pois ainda estou sustentando o holograma de uma Terra em processo de mudança, não o da Terra mudada. É tão simples... Se recordarmos que somos responsáveis por absolutamente tudo o que experimentamos e vivemos, então, como posso recriminar aos Mestres sobre a mudança que, aos meus olhos, "não aconteceu"? Eu devo fazer essa mudança dentro de mim para então acessar a essa Nova Terra que já existe. Vejo-o tão claramente agora e compreendo um pouco mais este assunto.

Perceber tudo isso foi o mais formoso que me pode acontecer. Imediatamente me localizo em um lugar melhor, mais fresco, mais folgado, alegre. Assim, eis aqui o que queria compartilhar com vocês. Obrigado por fazerem parte de tudo isto.

Sergio (AZTÓN).



Extraído de http://soy-naturaleza-viva.blogspot.com

Colaboradores: equipe do blog

Exibições: 5

Comentar

Você precisa ser um membro de Anjo de Luz para adicionar comentários!

Entrar em Anjo de Luz

Seja um apoiador de Anjo de Luz

Para mantermos os sites de Anjo de Luz, precisamos de ajuda financeira. Para nos apoiar é só clicar!
Ao fazer sua doação você expressa sua gratidão pelo serviço! Lembre-se que dar e receber são aspectos diferentes do fluxo de energia no Universo.

 
Visit Ave Luz

 

PUBLICIDADE




Badge

Carregando...

Co-criando A NOVA TERRA

«Que os Santos Seres, cujos discípulos aspiramos ser, nos mostrem a luz que
buscamos e nos dêem a poderosa ajuda
de sua Compaixão e Sabedoria. Existe
um AMOR que transcende a toda compreensão e que mora nos corações
daqueles que vivem no Eterno. Há um
Poder que remove todas as coisas. É Ele que vive e se move em quem o Eu é Uno.
Que esse AMOR esteja conosco e que esse
PODER nos eleve até chegar onde o
Iniciador Único é invocado, até ver o Fulgor de Sua Estrela.
Que o AMOR e a bênção dos Santos Seres
se difunda nos mundos.
PAZ e AMOR a todos os Seres»

A lente que olha para um mundo material vê uma realidade, enquanto a lente que olha através do coração vê uma cena totalmente diferente, ainda que elas estejam olhando para o mesmo mundo. A lente que vocês escolherem determinará como experienciarão a sua realidade.

Oração ao Criador

“Amado Criador, eu invoco a sua sagrada e divina luz para fluir em meu ser e através de todo o meu ser agora. Permita-me aceitar uma vibração mais elevada de sua energia, do que eu experienciei anteriormente; envolva-me com as suas verdadeiras qualidades do amor incondicional, da aceitação e do equilíbrio. Permita-me amar a minha alma e a mim mesmo incondicionalmente, aceitando a verdade que existe em meu interior e ao meu redor. Auxilie-me a alcançar a minha iluminação espiritual a partir de um espaço de paz e de equilíbrio, em todos os momentos, promovendo a clareza em meu coração, mente e realidade.
Encoraje-me através da minha conexão profunda e segura e da energia de fluxo eterno do amor incondicional, do equilíbrio e da aceitação, a amar, aceitar e valorizar  todos os aspectos do Criador a minha volta, enquanto aceito a minha verdadeira jornada e missão na Terra.
Eu peço com intenções puras e verdadeiras que o amor incondicional, a aceitação e o equilíbrio do Criador, vibrem com poder na vibração da energia e na freqüência da Terra, de modo que estas qualidades sagradas possam se tornar as realidades de todos.
Eu peço que todas as energias e hábitos desnecessários, e falsas crenças em meu interior e ao meu redor, assim como na Terra e ao redor dela e de toda a humanidade, sejam agora permitidos a se dissolverem, guiados pela vontade do Criador. Permita que um amor que seja um poderoso curador e conforto para todos, penetre na Terra, na civilização e em meu ser agora. Grato e que assim seja.”

© 2019   Criado por Fada San.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço