Anjo de Luz

Informação é Luz , ajude a propagar

OLHA AQUI, ‘meu’ eguinho...!

Olha aqui, você quer saber?
- Nada mais me magoa,
Por mais que dantes a ofensa doa,
A incompreensão,
A indiferença do mundo...

Posso eu mudar a disposição das pessoas?
- Não, eu não posso.
Mas posso mudar a Mim, dizia uma mestra,
... e se um milhão de “Mins” podem mudar,
Assim podemos mudar o mundo, diz ela.
É verdade!
Para que chorar, se o leite já derramou?
Para que chorar o que passou
Abaixo dos céus milenares da Terra?

Não, de ora em diante nada me afetará.
Eu nada tenho e tudo possuo.
Nada tenho assim, vamos entender:
Eu tenho e Eu Sou o meu Espírito Imortal!
Então, se tenho comigo a Imortalidade,
Porque me abandonar em prantos de saudade,
Se sei que o amor verdadeiro,
Ao contrário do que dizem,
Jamais nos abandonará?
Se sabemos que aqueles que amamos
E que já passaram para outra dimensão,
São ainda e sempre serão
Unos, conosco?

Sim, e enquanto estagiamos por aqui,
- viajantes do infinito que somos,
Por que me deprimir,
Quando por todo lado vejo o mentir,
A tosca vaidade,
A superficialidade,
A ilusão,
A violência física, emocional, mental, moral...
A supervalorização do mal contra o mal...
A social demência,
A inconsciência em cada esquina,
As longas filas de espera
Que desespera...
Exaspera...
Tanta corrupção, corrompidos, corruptos e corruptores
As abandonadas mães e suas íntimas dores...
... ... ... ... !!!
A desilusão benfazeja...
Aqueles acorrentados em suas bandejas
De ouro sem trabalho...
Por que então, irmã, irmão,
Sentir-me magoado, ofendido, melindrado,
Se dentro do recôndito mais sagrado de meu Ser,
De Teu lindo e radiante e esplendoroso Ser,
Eu posso, tu podes, nós podemos em liberdade, em alegria,
Em cônscia e automática instantânea-autoterapia
Em verdadeira e alegre folia,
Viver?

Não, meu caro eguinho: Já chega de sofrer à toa.
Vamos nos entender, ‘ficar numa boa’?
Mesmo que a ignorância grasse na minha frente,
Seguirei os ditames de minha consciência contente,
Sabendo que nosso relacionamento e nossa paz,
É, em Deus inabalável,
É nossa real segurança,
E que jamais estaremos sós.

Que venha a dor, inevitabilidade da vida.
Que venha o sofrimento – para tal posso a ele dar um freio.
Que venha o que vier,
De bandeja e de colher
De prata, de ouro ou de latão
Seja como for, minha alegria, minha gratidão
Não se mensura por medidas comuns. Mas e também por
Minha feliz interação
Sempre harmônica com todos.
Minha alegria na verdade não pode ser mensurada pelo meu saldo Bancário, ou por estar ou não com alguém, por ter ou não ter...
Pois minha alegria interior, o prazer de viver,
Suplanta todo e qualquer obstáculo, é uma beleza de se ver!

Minha alegria também é o saber. E saber,
Que a ti posso ou não posso ter.
E que diferença nenhuma assim fará
Porque vivo dentro de minha alma,
Porque dentro da incessante mutação do mundo,
Posso ser até como um satélite vagabundo,
Um turista na Terra,
E sentir-me por tantas vezes em ‘inadequação social’,
Simplesmente porque meu Eu clama
Em autêntico e íntegro Ser!
Meu Ser, também o sei, também o Seu Ser, reclama
A fraternidade, a igualdade,
A respeitabilidade pelas diferenças e crenças.
Meu ser, como o mais íntimo do teu ser,
Clama, reclama, mas não deve mais fazer drama! ...
Na mutabilidade transacional de cada instante
Pelo respeito incondicional,
Pela fraternidade universal,
Pelo amor diuturnamente posto em ação.

Meu ser clama pela necessária e superior união dos povos,
Meu ser clama por justiça,
Meu ser clama pela distribuição equitativa do pão,
Meu ser parece que não é daqui,
Meu ser É felizardo porquanto é Grande Comunhão.
Mas resolveu agora nova diretriz seguir:
Não mais me tocar,
Não mais me magoar,
Não mais expectativas do outro alimentar,
Não mais me desesperar,
Não mais enfim me deixar
Ser levado de roldão pela corredeira e correria da loucura do mundo,
Mas, antes, meu ser clama pela bendita, tranquila, refazedoura, meditativa solidão e paz, também a interativa solidariedade no silêncio...
Quando assim posso ver e ter e ser todos em Mim,
Como também me projetar às minhas alturas e para todos ser:
Amorável, confiável, inofensivo, bondoso, humilde sem me rebaixar,
Um ser livre e liberto, libertador e distribuidor
De instrumentos de perdão,
De lenitivos para a individual e coletiva dor,
De alegrias autênticas,
Livres, leves, suaves, excêntricas e concêntricas...

E assim ao proporcionar carinho e liberdade, inclusão e amor absolutamente incondicional,
Tenho plena certeza,
Meu eguinho não mais se envolverá na dor, na mágoa, no desamor,
No contraste do mal;
Ao contrário, minha personalidade doravante,
Mesmo em meio a atual realidade mutante
Será sempre Luz.

Luz como uma candeia Crística a irradiar compreensão,
À distribuir paz, sorrisos, união...
E nada mais me pode afetar.
Nem o que vem de fora – tsunamis e vulcões,
Nem o que vem de dentro e mim, presságios, pensamentos, todos sentimentos enfim...
Porque – pode parecer
Simples assim...
A felicidade em mim
Já fixou residência,
Pela dádiva da Graça
Da Gratidão
E da Consciência.

E agora para ti, mundo,
Desejo mil édens inimagináveis, desejo mil édens de realizações,
Mil édens conscienciais em mil oásis de Paz...
Desejo a solar irradiação de amor de e para cada irmã, irmão,
Desejo sinceramente, para cada um de nós, para Gaia, a Ascensão rumo à quinta dimensão,
Que cada um de nós, feliz, contente,
Alcance sempre e sempre mais
Ricos patamares suprasensíveis
De elevação, de sublimação, de encontro com Deus,
E com nosso Deus Interno
Cada manhã,
Cada noite,
Independentemente do que aconteceu, do que acontece e do que possa vir a acontecer,
Sem mais tanto sofrer, para que?
- Mas todos respaldados na Fé,
No Amor, na insondável e sagaz
Paz
Interior e exterior,
Que ultrapassa de longe a premente dor,
E mais sem mágoas, oh meu eguinho querido,
Vamos tocando na Estrada,
Enquanto por aqui estivermos
Para a realização-concretização
De nossa comum missão,
Em humana e divina comunhão
Sempre sentindo e expressando gratidão,
Como a dinâmica da própria Vida,
A dinâmica do Serviço,
A dinâmica da Superior Sensação
A dinâmica da Oração,
A maravilhosa dinâmica da Sabedoria do Amor
Que dos olhos do coração,
Vê além, vive e convive agora
Com cada OM, nosso Irmão.

Ivanildo Falcão da Gama

emamoreluz@gmail.com
www.supraconsciência.blogspot.com

26.11.2015

“QUE TODOS OS SERES, DE TODOS OS MUNDOS,
SEJAM FELIZES E BEM AVENTURADOS!”
LOKAH SAMASTA SUKINO BHAVANTU

O serviço só se sustenta com clareza interior”
Trigueirinho

“A lei da mente é implacável. O que você pensa, você cria; o que você sente você atrai, o que você acredita torna-se realidade.”
Buddha

“Quando uma pessoa se desprende do conhecimento, ela entende as flores.”
Osho

Exibições: 26

Comentar

Você precisa ser um membro de Anjo de Luz para adicionar comentários!

Entrar em Anjo de Luz

Comentário de Célia Dourado em 6 dezembro 2015 às 22:42

MARAVILHOSO!!!!!!!

Que interação amorosa com o nosso eguinho... (E que a pessoa comece e  termine o seu dia com um solene e silencioso apelo ao EU SUPERIOR para orientá-la,  esclarecê-la e ajudá-la a dominar o ego...)

GRATIDÃO! GRATIDÃO!!! GRATIDÃO ao irmão Ivanildo Falcão da Gama, bem como à Consciência de Luz e Amor que o inspirou no ditado dos versos).

Seja um apoiador de Anjo de Luz

Para mantermos os sites de Anjo de Luz, precisamos de ajuda financeira. Para nos apoiar é só clicar!
Ao fazer sua doação você expressa sua gratidão pelo serviço! Lembre-se que dar e receber são aspectos diferentes do fluxo de energia no Universo.

 
Visit Ave Luz

 

PUBLICIDADE




Badge

Carregando...

Co-criando A NOVA TERRA

«Que os Santos Seres, cujos discípulos aspiramos ser, nos mostrem a luz que
buscamos e nos dêem a poderosa ajuda
de sua Compaixão e Sabedoria. Existe
um AMOR que transcende a toda compreensão e que mora nos corações
daqueles que vivem no Eterno. Há um
Poder que remove todas as coisas. É Ele que vive e se move em quem o Eu é Uno.
Que esse AMOR esteja conosco e que esse
PODER nos eleve até chegar onde o
Iniciador Único é invocado, até ver o Fulgor de Sua Estrela.
Que o AMOR e a bênção dos Santos Seres
se difunda nos mundos.
PAZ e AMOR a todos os Seres»

A lente que olha para um mundo material vê uma realidade, enquanto a lente que olha através do coração vê uma cena totalmente diferente, ainda que elas estejam olhando para o mesmo mundo. A lente que vocês escolherem determinará como experienciarão a sua realidade.

Oração ao Criador

“Amado Criador, eu invoco a sua sagrada e divina luz para fluir em meu ser e através de todo o meu ser agora. Permita-me aceitar uma vibração mais elevada de sua energia, do que eu experienciei anteriormente; envolva-me com as suas verdadeiras qualidades do amor incondicional, da aceitação e do equilíbrio. Permita-me amar a minha alma e a mim mesmo incondicionalmente, aceitando a verdade que existe em meu interior e ao meu redor. Auxilie-me a alcançar a minha iluminação espiritual a partir de um espaço de paz e de equilíbrio, em todos os momentos, promovendo a clareza em meu coração, mente e realidade.
Encoraje-me através da minha conexão profunda e segura e da energia de fluxo eterno do amor incondicional, do equilíbrio e da aceitação, a amar, aceitar e valorizar  todos os aspectos do Criador a minha volta, enquanto aceito a minha verdadeira jornada e missão na Terra.
Eu peço com intenções puras e verdadeiras que o amor incondicional, a aceitação e o equilíbrio do Criador, vibrem com poder na vibração da energia e na freqüência da Terra, de modo que estas qualidades sagradas possam se tornar as realidades de todos.
Eu peço que todas as energias e hábitos desnecessários, e falsas crenças em meu interior e ao meu redor, assim como na Terra e ao redor dela e de toda a humanidade, sejam agora permitidos a se dissolverem, guiados pela vontade do Criador. Permita que um amor que seja um poderoso curador e conforto para todos, penetre na Terra, na civilização e em meu ser agora. Grato e que assim seja.”

© 2019   Criado por Fada San.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço