Anjo de Luz

Informação é Luz , ajude a propagar

      Amigos,

 

      Todas as religiões, crenças e doutrinas populares, asseguram que o Supremo Legislador Universal é Onipotente, Onipresente e Onisciente. 

      Quanto à onisciência, afirmam: “Ora, Deus, que tudo sabe e tudo vê, já, antecipadamente, tem ciência de tudo q acontecerá em qualquer tempo q seja” (palavras da doutrina espírita).

      Com isso, é claro, estão afirmando q todos os eventos cheios de beleza ou de feiúra, agradáveis ou desagradáveis, q constroem ou destroem, q nos trazem felicidades ou infelicidades; q todos os erros, crimes e perversões, desamor, maldade ou bondade, enfim, q todas as nossas ações e pensamentos, por mais degradantes e absurdos q sejam; q todo o amor ou ódio que temos em nosso coração; toda conduta baixa, viciosa; todas as tragédias e desgraças q provocamos; todos os sofrimentos que teremos, afinal, q tudo do passado, presente e futuro Lhe são perfeitamente conhecidos desde sempre, desde antes que pratiquemos os absurdos que praticamos no dia-a-dia do mundo pois, para a Infinita Sabedoria, todo tempo é “agora”.  

      Se é Onisciente, sabe, portanto e <desde sempre>, desde antes de nos criar, quando, onde, como e em que circunstâncias “cada um de nós”, criaturas por Ele necessitadas, planejadas, desenhadas, produzidas, criadas e dele procedentes, fará de errado e de certo, em relação às Suas leis; bem como, sabe o que, cada um de nós, um a um, sofrerá devido a nossos desacertos, tanto que, conforme doutrinas, antecipadamente, criou leis punitivas e mundos ou locais para a imposição de penalidades expiatórias.

      Em Sua onisciência, está a ciência, exatamente e desde sempre, de q você será recompensado, porq seguirá pela estrada “preferida” pelo Criador; e q eu serei submetido a sofrimentos torturantes e insuportáveis, porq seguirei pela estrada para a qual o Criador me deu aptidões, possibilidades, habilidades, condições, disposição, liberdade total para q por ela siga, mas que não é aquela que Ele deseja que por ela eu siga. 
      Em Sua onisciência está, desde sempre, que vc e eu faremos isso e aquilo; q eu, pelos defeitos q apresentarei (e que, com absoluta certeza, Deus sabe, desde antes de me criar, q os apresentarei), provocarei lágrimas, tragédias e desgraças, coisas hediondas, tanto q, antecipadamente, promulga leis destinadas a me punir pelos desmandos q Ele sabe, desde sempre q eu, farei!

      Veja, amigo, se, pela onisciência, Deus tem ciência (ou determina, ou permite) q amanhã um terremoto destruirá a cidade “X”, não há como duvidar q amanhã “X” será destruída por um terremoto; se Deus sabe, ou disser q o mundo, amanhã,  se chocará com um asteróide, certamente se chocará. Se o mundo não se chocar, sua onisciência terá falhado, concordam? Coisa impossível de acontecer se Deus é, verdadeiramente, onisciente.

      Agora vamos à razão desta conversa: como é q a criatura poderá agir em desacordo com Sua onisciência? Como poderemos ir contra a previsão de Sua onisciência, pois se Ele sempre soube q eu matarei um desafeto e, se eu me transformo intimamente, moralmente e não mais o mato, modificando, portanto, aquilo q está, desde sempre, em Sua onisciência, que eu farei, isso significa q sua onisciência falhou redondamente. Pela Sua onisciência, eu faria uma morte mas, pela minha vontade, ou livre-arbítrio, não a faço; portanto “arruinei” a presciência do Onisciente!! Pelas religiões, isso é um absurdo sem nome! Pelas religiões, há uma lei criada, antecipadamente e especialmente, para nos “punir” pelos absurdos q, <sem poder deles nos esquivar>, obrigatoriamente, praticaremos, concordam? Se está na onisciência de Deus, se Ele sabe que matarei um desafeto, obrigatoriamente, sem sombra de dúvida, o matarei. Ou a onisciência pode falhar? Se Deus, por sua onisciência sabe o q cada um de nós fará, como poderemos não fazer? Como vc e eu poderemos agir de modo diferente ou de modo a contrariar aquilo q o Onisciente sempre soube que vc e eu faremos? É esta a questão. Conforme as doutrinas, Deus sabe que eu, um dia no futuro, matarei João, certo? Como eu posso não matar João, se estava na onisciência de Deus q eu o matarei??!!

      Dentro dessa constatação, todos, sem exceção, praticamos o bem e o mal, exatamente, do modo q o Criador sempre sabe q o praticaremos pois, por Sua onisciência, Ele sabe <tudo> q aconteceu, no passado e <tudo> q acontecerá no futuro, e não temos poder para ir contra Sua onisciência.  

       Deus cria você sabendo q vc cometerá tais e tais absurdos, lhe deu possibilidades de cometê-los e, depois, o castiga se vc os comete! Como você poderia não cometê-los se o Onisciente sabe, desde sempre, que vc os cometerá? Afinal, existe ou não a onisciência? Se Deus sabe q eu faria isso ou aquilo de errado, se eu resolvesse, pelo uso de meu livre-arbítrio, me reformar intimamente e não mais fizesse esses erros, teria falhado a sabedoria do Criador qto ao futuro! Deu para perceber?

      Logo, a existência da onisciência destrói a possibilidade da existência do livre-arbítrio. Ou onisciência, ou livre-arbítrio!

.......................................

 

Exibições: 15

Responder esta

Seja um apoiador de Anjo de Luz

Para mantermos os sites de Anjo de Luz, precisamos de ajuda financeira. Para nos apoiar é só clicar!
Ao fazer sua doação você expressa sua gratidão pelo serviço! Lembre-se que dar e receber são aspectos diferentes do fluxo de energia no Universo.

 
Visit Ave Luz

 

PUBLICIDADE




Badge

Carregando...

Co-criando A NOVA TERRA

«Que os Santos Seres, cujos discípulos aspiramos ser, nos mostrem a luz que
buscamos e nos dêem a poderosa ajuda
de sua Compaixão e Sabedoria. Existe
um AMOR que transcende a toda compreensão e que mora nos corações
daqueles que vivem no Eterno. Há um
Poder que remove todas as coisas. É Ele que vive e se move em quem o Eu é Uno.
Que esse AMOR esteja conosco e que esse
PODER nos eleve até chegar onde o
Iniciador Único é invocado, até ver o Fulgor de Sua Estrela.
Que o AMOR e a bênção dos Santos Seres
se difunda nos mundos.
PAZ e AMOR a todos os Seres»

A lente que olha para um mundo material vê uma realidade, enquanto a lente que olha através do coração vê uma cena totalmente diferente, ainda que elas estejam olhando para o mesmo mundo. A lente que vocês escolherem determinará como experienciarão a sua realidade.

Oração ao Criador

“Amado Criador, eu invoco a sua sagrada e divina luz para fluir em meu ser e através de todo o meu ser agora. Permita-me aceitar uma vibração mais elevada de sua energia, do que eu experienciei anteriormente; envolva-me com as suas verdadeiras qualidades do amor incondicional, da aceitação e do equilíbrio. Permita-me amar a minha alma e a mim mesmo incondicionalmente, aceitando a verdade que existe em meu interior e ao meu redor. Auxilie-me a alcançar a minha iluminação espiritual a partir de um espaço de paz e de equilíbrio, em todos os momentos, promovendo a clareza em meu coração, mente e realidade.
Encoraje-me através da minha conexão profunda e segura e da energia de fluxo eterno do amor incondicional, do equilíbrio e da aceitação, a amar, aceitar e valorizar  todos os aspectos do Criador a minha volta, enquanto aceito a minha verdadeira jornada e missão na Terra.
Eu peço com intenções puras e verdadeiras que o amor incondicional, a aceitação e o equilíbrio do Criador, vibrem com poder na vibração da energia e na freqüência da Terra, de modo que estas qualidades sagradas possam se tornar as realidades de todos.
Eu peço que todas as energias e hábitos desnecessários, e falsas crenças em meu interior e ao meu redor, assim como na Terra e ao redor dela e de toda a humanidade, sejam agora permitidos a se dissolverem, guiados pela vontade do Criador. Permita que um amor que seja um poderoso curador e conforto para todos, penetre na Terra, na civilização e em meu ser agora. Grato e que assim seja.”

© 2020   Criado por Fada San.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço