Anjo de Luz

Informação é Luz , ajude a propagar

Reverencie a Vida com a GRATIDÃO (Extraído do livro "Um Dia Minha Alma Se Abriu Por Inteiro", de Iyanla Vanzant

Comentário sobre a GRATIDÃO

 

Certa vez alguém me perguntou: "Qual foi a última vez que alguém lhe deu algo de valioso sem esperar coisa alguma em troca?" A pessoa acrescentou que valioso não queria dizer, necessariamente, caro, mas algo de valor inestimável. Eu realmente precisei parar para pensar. A maioria das coisas que eu considerava de valor inestimável me foram dadas por meus filhos.

Grande parte eram coisas que eles haviam dito ou feito para mim, mas normalmente havia a expectativa de receberem algo em troca, nem que fosse um "obrigada". Eu respondi que não me lembrava. E naquele momento me ocorreu o seguinte pensamento: "Foi Deus. Deus me deu a vida e eu não precisei fazer nada para recebê-la, nem Ele esperava algo em troca." Assim que essas palavras passaram pela minha mente, a pessoa disse: "Deus deu."

Não faz o menor sentido reclamar a respeito do papel quando você sabe que há um presente escondido por baixo dele. Todos nós gostamos de papel de presente bonito, com um laçarote para combinar e um cartãozinho simpático. Quando um presente vem bem embrulhado, abrimos bem devagar, com cuidado para não rasgar o papel, imaginando que haverá algo igualmente bonito lá dentro. Não é sempre esse o caso da vida que recebemos. As experiências que temos e as condições em que vivemos são o papel. Outra coisa é a essência da vida, este presente de valor inestimável.

Muitas das coisas sobre as quais reclamamos, com as quais nos preocupamos, sobre as quais fazemos drama e que tememos, não passam de um papel de presente feio. Podem não ser muito bonitos de olhar ou de passar, mas não afetam a essência da vida. Quando pensamos no significado verdadeiro e no valor do presente da vida, a única resposta digna é a gratidão. Da forma que é expressada aqui, a gratidão é mais do que uma palavra ou um gesto. Ser verdadeiramente gratos pela dádiva da vida deve ser uma experiência concreta.

Aos quarenta anos eu fiquei bastante deprimida com as coisas que havia feito e deixado de fazer. Eu vivia fazendo ou esquecendo de fazer alguma coisa. No minuto em que eu parava de fazer uma coisa, precisava encontrar outra para fazer. Às vezes, eu não encontrava a menor satisfação no que havia feito, então continuava a fazer.

É fácil nos envolvermos tanto em fazer o que acreditamos que precisa ser feito, que esquecemos de ser gratos pela capacidade defazer. Andar. Respirar. Pensar. São dádivas. Ver. Ouvir. Sentir. São presentes de valor inestimável. Cada uma dessas dádivas é um elemento inerente à vida que nada fizemos para merecer e pela qual jamais nos foi pedida retribuição.

Recebemos tantas dádivas, que há momentos em que agimos como crianças mimadas. Não lhes damos o devido valor. Somos ingratos. Quando aprendemos- a sentir plenamente a gratidão, começamos a notar as menores coisas.» Coisas como o piscar de nossos olhos, o crescer de nossos cabelos, a flexibilidade de nossos músculos.

Quando somos gratos, prestamos atenção no bater de nosso coração e nos maravilhamos com o crescer das unhas das mãos ou dos pés. Prestamos atenção em tudo aquilo que é nosso e, mais importante ainda, reconhecemos quem somos.

Somos expressões vivas do Criador do universo. Somos vinte e dois trilhões de células e dentro de cada uma dessas células somos milhões de moléculas. Cada molécula de nosso ser contém um átomo, que oscila mais de dez milhões de vezes por minuto. Toda essa atividade é controlada por um cérebro de 1,360 kg que contém três bilhões de células que controlam quatro milhões de estruturas sensíveis à dor, quinhentos mil detectores de toque e duzentos mil de temperatura.

Se alguém lhe desse um carro novo em folha no seu aniversário, você provavelmente ficaria muito grato. Você por acaso sente gratidão pela máquina esplêndida que é o seu corpo e pela atividade da vida nele?

A gratidão é um estado de consciência. É a experiência de viver num estado de alegria. Ao observar a expressão exasperada das pessoas presas num engarrafamento, muitas vezes eu me pergunto: quantas se sentem gratas por estarem num carro? Por terem uma casa que em algum momento vai acolhê-las? A gratidão significa também viver sem o medo da morte. Podemos nos preocupar de tal forma com a morte — quando vamos morrer, o que precisamos realizar antes de morrer, quem cuidará disso ou daquilo quando morrermos —, que nos esquecemos de viver plenamente agora, no instante que é nosso.

Se escolhermos viver com o pânico, o drama e o medo, a vida fará os devidos ajustes para responder às nossas expectativas! Ela nos dará exatamente o que for preciso para experimentarmos o estado de espírito que escolhemos para nós. Mas se queremos viver pacífica, alegre e plenamente, devemos procurar ter ao máximo experiências de paz, alegria e plenitude, e agradecer por elas.A gratidão é como um imã que atrai para si elementos positivos. Quanto mais gratidão você demonstrar, mais razões terá para sentir gratidão.

A eletricidade não se importa se você acredita nela ou não, se gosta ou não dela, se sabe como ela funciona. Quando você quer ter luz num cômodo, basta dar um leve toque no interruptor. A luz reage à conexão dos circuitos que se completam quando você liga o interruptor. A vida funciona da mesma forma. Para que tenha uma vida plena e valiosa só é preciso que você dê um leve toque no interruptor para completar a conexão. A gratidão é a conexão entre quem e o que você é e a magnificência da vida.

 

Fazei com que Eu me Lembre de...

 

AGRADECER pela dádiva inestimável que é a vida.
AGRADECER por ser um instrumento vivo do Divino.
AGRADECER pelo milagroso funcionamento de meu ser.
AGRADECER cada experiência vivida até este dia.
AGRADECER por tudo o que recebi na vida.

Exibições: 39

Respostas a este tópico

Olá Célia, acredita que eu tenho este livro, mas não me pergunte o por que, eu já comecei a leitura a muito tempo, mas não consigo terminar de jeito algum. Não cheguei ainda nem na metade. Bem quem sabe agora eu consiga.... Um abraço.

RSS

Seja um apoiador de Anjo de Luz

Para mantermos os sites de Anjo de Luz, precisamos de ajuda financeira. Para nos apoiar é só clicar!
Ao fazer sua doação você expressa sua gratidão pelo serviço! Lembre-se que dar e receber são aspectos diferentes do fluxo de energia no Universo.

 
Visit Ave Luz

 

PUBLICIDADE




Badge

Carregando...

Co-criando A NOVA TERRA

«Que os Santos Seres, cujos discípulos aspiramos ser, nos mostrem a luz que
buscamos e nos dêem a poderosa ajuda
de sua Compaixão e Sabedoria. Existe
um AMOR que transcende a toda compreensão e que mora nos corações
daqueles que vivem no Eterno. Há um
Poder que remove todas as coisas. É Ele que vive e se move em quem o Eu é Uno.
Que esse AMOR esteja conosco e que esse
PODER nos eleve até chegar onde o
Iniciador Único é invocado, até ver o Fulgor de Sua Estrela.
Que o AMOR e a bênção dos Santos Seres
se difunda nos mundos.
PAZ e AMOR a todos os Seres»

A lente que olha para um mundo material vê uma realidade, enquanto a lente que olha através do coração vê uma cena totalmente diferente, ainda que elas estejam olhando para o mesmo mundo. A lente que vocês escolherem determinará como experienciarão a sua realidade.

Oração ao Criador

“Amado Criador, eu invoco a sua sagrada e divina luz para fluir em meu ser e através de todo o meu ser agora. Permita-me aceitar uma vibração mais elevada de sua energia, do que eu experienciei anteriormente; envolva-me com as suas verdadeiras qualidades do amor incondicional, da aceitação e do equilíbrio. Permita-me amar a minha alma e a mim mesmo incondicionalmente, aceitando a verdade que existe em meu interior e ao meu redor. Auxilie-me a alcançar a minha iluminação espiritual a partir de um espaço de paz e de equilíbrio, em todos os momentos, promovendo a clareza em meu coração, mente e realidade.
Encoraje-me através da minha conexão profunda e segura e da energia de fluxo eterno do amor incondicional, do equilíbrio e da aceitação, a amar, aceitar e valorizar  todos os aspectos do Criador a minha volta, enquanto aceito a minha verdadeira jornada e missão na Terra.
Eu peço com intenções puras e verdadeiras que o amor incondicional, a aceitação e o equilíbrio do Criador, vibrem com poder na vibração da energia e na freqüência da Terra, de modo que estas qualidades sagradas possam se tornar as realidades de todos.
Eu peço que todas as energias e hábitos desnecessários, e falsas crenças em meu interior e ao meu redor, assim como na Terra e ao redor dela e de toda a humanidade, sejam agora permitidos a se dissolverem, guiados pela vontade do Criador. Permita que um amor que seja um poderoso curador e conforto para todos, penetre na Terra, na civilização e em meu ser agora. Grato e que assim seja.”

© 2020   Criado por Fada San.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço