Anjo de Luz

Informação é Luz , ajude a propagar

Afinal, a ciência oficial parece ter descoberto o Cinturão de Fótons.


Afinal, a ciência oficial parece ter descoberto o Cinturão de Fótons.


A ciência demonstra pela primeira vez a existência do Cinturão de Fótons mencionado em mensagens canalizadas.

A Nasa descobre que nosso Sistema Solar atravessa uma “nuvem cósmica” muito magnetizada que ‘não deveria existir’.

Tem trinta anos-luz de largura e contém uma mescla tênue de átomos de hidrogênio e hélio a uma temperatura de 6.000º C

É muito possível que este descobrimento da Nasa se refira ao Cinturão de Fótons de que falam as mensagens canalizadas.

Quinta-feira 24 de dezembro 2.009

O sistema solar está atravessando uma nuvem interestelar que a física diz que não deveria existir. Na edição de 24 de dezembro da revista ‘Nature’,uma equipe de cientistas revela como as naves Voyager da Nasa resolveram o mistério:

“Utilizando os dados das Voyager, descobrimos um forte campo magnético nos subúrbios do sistema solar”, explica o autor principal, Merav Opher, uma investigadora em heliofísica convidada da Nasa, da George Mason University.

O descobrimento tem implicações para o futuro, quando o sistema solar finalmente topará com outras nuvens similares no braço da galáxia, a Via Láctea.

Tem trinta anos luz de largura e contém uma mescla tênue de átomos de hidrogênio e hélio a uma temperatura de 6000º C.

O fato da Borbulha estar fortemente magnetizada significa que as outras nuvens na vizinhança galáctica poderiam assim estar também.

Finalmente, o sistema solar se encontrará com algumas delas, e seus fortes campos magnéticos sobre a heliosfera poderiam comprimir ainda mais do que está comprimida agora.

A compressão adicional poderia permitir a mais raios cósmicos alcançar o interior do sistema solar, possivelmente afetando o clima terrestre e a capacidade dos astronautas a viajar com segurança através do espaço.

Por outro lado, os astronautas não teriam que viajar tão longe, porque o espaço interestelar estaria mais perto que nunca.

Estes eventos costumam acontecer em escalas de dezenas a centenas de milhares de anos, que é o tempo que demora o sistema solar para passar de uma nuvem a seguinte.


http://www.warianoz.com/foros/showthread.php?t=367249

http://oraculodeoccidente.wordpress.com/2009/12/24/la-Nasa-reconhec...ência-da-nuvem-cosmica/

Não que precisássemos desta notícia científica para acreditar na existência do Cinturão de Fótons, mas esta divulgação nos inspirou a publicar um material sobre o Cinturão, que consideramos bem abrangente e pertinente para este momento especial que atravessamos.

Vale a pena recordar.

Estaremos fazendo isso em 3 ou 4 partes.



A IMPORTÂNCIA DO CINTURÃO DE FÓTONS


Ultimamente tem havido muita conversa sobre o Cinturão de Fótons e a radiação manásica que o acompanha, ambos os termos científicos para esse espetacular acontecimento.

A ciência admitiu ter conhecimento desse fenômeno, pela primeira vez em 1962 e agora, em 2009, volta a falar sobre ele.

Progresso lento...mas bem vindo.

No que diz respeito ao público a consciência desse acontecimento veio muito tempo depois, e infelizmente, apenas para um número muito pequeno de pessoas, e mesmo dentre elas havia muito descrédito a respeito.



O QUE É O CINTURÃO DE FÓTONS


O Cinturão de Fótons e a radiação manásica possuem um impacto maior do que se poderia imaginar.

Do ponto de vista científico, é a procissão de nosso Sistema Solar e dos planetas que o acompanham ao redor do Sol Central, chamado Alcyone, localizado na Constelação das Plêiades.

Essa procissão cíclica, em sentido anti-horário, ao redor de Alcyone requer 25.860 anos para completar uma órbita.

Nosso Sol, a Lua e os planetas atuais devem passar duas vezes pelo Cinturão de Fótons durante esse tempo, isto é, uma vez para o norte e uma vez para o sul.

Durante esse ciclo há dois períodos de trevas e dois períodos de luz.

Os períodos de trevas, que constituem a maior parte da rotação ao redor do Sol Central, consistem em dois períodos de 10.500 anos cada, mais um período extra – e aparentemente opcional – de 430 anos para cada um dos períodos de 10.500 anos.

Depois de cada período de 10.500 anos de trevas, emergimos então em dois mil anos de luz total, que na verdade constituem o Cinturão de Fótons.

Qual é, afinal, a importância espiritual desse fenômeno?



IMPORTÂNCIA ESPIRITUAL


Você talvez esteja com uma pergunta na cabeça:

“Por que predominam as trevas, ou aspecto negativo, de nossa jornada de 26 mil anos ao redor do Sol Central? Por que não mais luz?”.

Como todas as coisas nos omniuniversos do Criador, tudo tem um propósito e uma razão divinos.

Todos os aspectos estão em sincronia uns com os outros.

É importante entender que a lei divina possui intenção e propósito.

As relações espirituais proporcionarão maior compreensão e aceitação individual de fatos que, de outra maneira pareceriam punitivos ou irracionais.

Experimentamos uma quantidade maior de trevas em nossa jornada ao redor do Sol Central porque os poderes divinos, de comum acordo com aqueles de nós que foram escolhidos, concordaram em criar e experienciar um mundo de negatividade (trevas), polaridades e ilusão, revestido de medo, julgamentos, controle, ódio, cobiça, morte e muito mais.

Foi um plano idealizado que facilitou o desejo do Criador de compreender melhor a verdadeira natureza da negatividade – o lado sombra.

Este mundo imprevisível e explosivo, semelhante a um verdadeiro campo minado, tem por objetivo testar o caráter de tudo o que se associa a este planeta especial, o planeta Terra.

Somos o veiculo através do qual o divino pode experienciar a si mesmo e, por meio de nossas experiências coletivas e individuais, pode dominar as complexidades e os perigos das trevas.

Fomos seletivamente escolhidos para vir para cá.

Muitos, ao ouvir isso, diriam que é loucura.

No entanto, é verdade.

Somos únicos, sem igual.

Somos o veiculo escolhido (o planeta) para recolher, assimilar e transformar toda a negatividade para todo o nosso Sistema Solar.

Somos o “terreno baldio” e a “área de refugo” para todo o Sistema Solar.

Através de nossos pensamentos, ações e reações servimos de transformadores para toda a negatividade jogada em nós.

Que tarefa!

Então, vejam que o que poderia ser considerado algo totalmente negativo e indesejado é, na verdade, dotado do espírito e de sua divina missão aqui na Terra.

Essa missão é experienciar, através de nós, a negatividade para o ser e, no decorrer do processo, aprender como se descartar dela de maneira mais rápida e permanente, tornando tudo ao redor um lugar melhor para viver e trabalhar.

Como podem ver, nós e nosso planeta somos únicos e especiais.

Sem dúvida, a pergunta seguinte é:

“Qual a relação disso tudo com o Cinturão de Fótons?”.

É uma questão complexa, mas antes de nos ocuparmos de seus múltiplos ângulos, estabeleçamos primeiro que o Cinturão de Fótons e a vibração manásica que o segue são, em si e por si mesmos, veículos de transformação e de transmutação.

Constituem a barreira protetora e o veiculo que cuidam para que nenhuma negatividade da Terra escape e contamine os níveis superiores de Consciência.

Presidindo tudo isso está o Cristo e, ao saber disso, podemos rapidamente compreender que o Cinturão de Fótons e a radiação manásica são a eminência do Cristo e de suas Energias Crísticas.

Somente se estivermos em harmonia com essas energias, à medida que nos aproximamos do Cinturão de Fótons e nele entramos, poderemos esperar ser parte dele e escapar das influências negativas do planeta Terra.

Nesse sentido teríamos que retornar à terceira dimensão e fazer tudo de novo. Pode parecer irônico, mas antes de cada um de nós chegarmos ao planeta Terra, tínhamos plena consciência dos perigos inerentes a vir para a Terra e viver e experienciar sua negatividades brutais.

Fomos também informados de que somente poderíamos fugir da influencia da negatividade quando a dominássemos, o que, lógico, era a intenção divina o tempo todo, pois, como pode o divino aprender e experienciar o ser, senão através de nós?

Infelizmente, alguns aprendem mais devagar do que os outros, e são necessárias repetidas voltas (reencarnações) ao redor da “roda” (o Sol Central) até que a lição seja aprendida.

Normalmente, em dada época (como a nossa atual) cerca de 1/3 da população total do planeta tem êxito em cada período de 10.500 anos.


O CINTURÃO DE FÓTONS E A CONSCIÊNCIA CRÍSTICA

Retornemos ao assunto do Cristo e sua relação com o Cinturão de Fótons.

O Cristo e suas energias são mencionados repetidamente em escritos antigos, sugerindo que, a menos que nos tornemos unos com essas energias Crísticas, não teremos esperança de sobreviver às calamidades futuras e de passar pelo Cinturão de Fótons.

As profecias maias demonstram esse fato claramente através de uma afirmação profunda que diz:

“o governo, a ciência e a religião entrarão em colapso, a não ser que estejam preparados para aceitar

e facilitar a Consciência Crística”.


Mais uma vez trata-se de uma referencia obliqua ao Cinturão de Fótons e suas energias Crísticas (a radiação manásica).

Todas as coisas negativas, arcaicas e obsoletas, inclusive você, sucumbirão face às energias Crísticas entrantes, a menos que você aceite e viva essas verdades sagradas.

O Grande Avatar Jesus, quando estava na Terra deixou isso bem claro quando disse:

“Eu, através do Cristo, separarei o joio do trigo” Subtende-se que a humanidade, à medida

que se aproximam os dias finais (atualmente) e do Cinturão de Fótons, será dividia em dois

grupos:

os que podem e aceitarão a Consciência Crística vindoura, e os que não podem ou não a aceitarão.


À medida que nos aproximávamos da entrada no Cinturão de Fótons, que se deu por volta do ano 2000, tudo isso foi se tornando cada vez mais claro.

Lembrem-se que por volta desta data, nós, como povo, planeta e consciência, entramos na quarta dimensão.

O destino de nosso planeta é ter garantida sua passagem segura para o interior e através do Cinturão.

A única questão é, receberemos – você e eu – o mesmo consentimento?

A resposta é ‘sim’, contanto que também consigamos aceitar, acomodar e realizar a consciência Crística entrante.


Revisando rapidamente:

O Cinturão de Fótons é algo bem maior que os postulados astronômicos ou científicos sobre

como o Sistema Solar e seus planetas giram ao redor de Alcyone, nosso Sol Central, e como,

nesse processo, nosso Sistema Solar e seus planetas experienciam 21.860 anos de trevas e

4.000 anos de luz.

O processo todo é uma experiência espiritual seqüencial profunda, lidando diretamente com

a Consciência Crística.




Continua Amanhã...

===================================================================
http://www.comandoestelar.locaweb.com.br/content/home/default1.asp
===================================================================

Exibições: 23

Comentar

Você precisa ser um membro de Anjo de Luz para adicionar comentários!

Entrar em Anjo de Luz

Seja um apoiador de Anjo de Luz

Para mantermos os sites de Anjo de Luz, precisamos de ajuda financeira. Para nos apoiar é só clicar!
Ao fazer sua doação você expressa sua gratidão pelo serviço! Lembre-se que dar e receber são aspectos diferentes do fluxo de energia no Universo.

 
Visit Ave Luz

 

PUBLICIDADE




Badge

Carregando...

Co-criando A NOVA TERRA

«Que os Santos Seres, cujos discípulos aspiramos ser, nos mostrem a luz que
buscamos e nos dêem a poderosa ajuda
de sua Compaixão e Sabedoria. Existe
um AMOR que transcende a toda compreensão e que mora nos corações
daqueles que vivem no Eterno. Há um
Poder que remove todas as coisas. É Ele que vive e se move em quem o Eu é Uno.
Que esse AMOR esteja conosco e que esse
PODER nos eleve até chegar onde o
Iniciador Único é invocado, até ver o Fulgor de Sua Estrela.
Que o AMOR e a bênção dos Santos Seres
se difunda nos mundos.
PAZ e AMOR a todos os Seres»

A lente que olha para um mundo material vê uma realidade, enquanto a lente que olha através do coração vê uma cena totalmente diferente, ainda que elas estejam olhando para o mesmo mundo. A lente que vocês escolherem determinará como experienciarão a sua realidade.

Oração ao Criador

“Amado Criador, eu invoco a sua sagrada e divina luz para fluir em meu ser e através de todo o meu ser agora. Permita-me aceitar uma vibração mais elevada de sua energia, do que eu experienciei anteriormente; envolva-me com as suas verdadeiras qualidades do amor incondicional, da aceitação e do equilíbrio. Permita-me amar a minha alma e a mim mesmo incondicionalmente, aceitando a verdade que existe em meu interior e ao meu redor. Auxilie-me a alcançar a minha iluminação espiritual a partir de um espaço de paz e de equilíbrio, em todos os momentos, promovendo a clareza em meu coração, mente e realidade.
Encoraje-me através da minha conexão profunda e segura e da energia de fluxo eterno do amor incondicional, do equilíbrio e da aceitação, a amar, aceitar e valorizar  todos os aspectos do Criador a minha volta, enquanto aceito a minha verdadeira jornada e missão na Terra.
Eu peço com intenções puras e verdadeiras que o amor incondicional, a aceitação e o equilíbrio do Criador, vibrem com poder na vibração da energia e na freqüência da Terra, de modo que estas qualidades sagradas possam se tornar as realidades de todos.
Eu peço que todas as energias e hábitos desnecessários, e falsas crenças em meu interior e ao meu redor, assim como na Terra e ao redor dela e de toda a humanidade, sejam agora permitidos a se dissolverem, guiados pela vontade do Criador. Permita que um amor que seja um poderoso curador e conforto para todos, penetre na Terra, na civilização e em meu ser agora. Grato e que assim seja.”

© 2021   Criado por Fada San.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço