Anjo de Luz

Informação é Luz , ajude a propagar

Ano Maya Lua Harmônica ( antes tarde do que nunca...)

Ano Lua Harmônica

No período correspondente entre 26 de julho de 2010 à mesma data em 2011 estaremos em plena ativação nos campos mais sutis, um salto quântico em nossa consciência pois neste ano, entre a união da Serpente Magnética ( terceira dimensão ) e a Águia Auto-Existente ( quinta dimensão ), abre-se a fresta para a elevação de nossa mente, conectada ao espírito e liberta dos grilhões limitadores de todas as formas de padrões de crença através da transubstanciação de nosso corpo de memória, recordando os códigos da Luz.
A lua tem como significado central as emoções e os novos começos. E, sendo o tom harmônico, ela vem potencializar o que construímos dentro de nós durante o ano semente auto-existente.
Este é um ano propício a reinventar a si mesmo através da observação de seus padrões emocionais controlados por suas crenças limitadoras, para que, através do livre-arbítrio e do encontro consigo mesmo dentro de seu silêncio interior, o velho se desmanche e o novo tenha oportunidade de florescer.
É o ano do reencontro do caminho da sobrevivência com o serviço planetário.

A sabedoria da Serpente

A serpente no calendário maya simboliza o instinto vital, a sobrevivência, o prazer e a alegria. Presente em praticamente todas as manifestações religiosas das culturas antigas ( fazendo par com a águia e por vezes, crian do uma tríade com o touro na região da Europa e Oriente Médio e com o jaguar na América do Sul ) ela é também , por possuir venenos mortais , aquela que nos leva de encontro à imortalidade.
Sobreviver à uma picada de cobra é entrar e sair de outros reinos dimensionais, é ir ao limite do encontro com a morte, o nosso portal de saída desta dimensão e reconexão com outras. Por isto todos os ritos iniciáticos, em todos os tempos são uma morte simbólica , com técnicas que alteram radicalmente a percepção e a mantém alinhada a esta nova realidade, reconectada através dos rituais, em todas as culturas, latitudes e longitudes ( Mircea Eliade – o xamanismo e as técnicas arcaicas do êxtase ).
Reencontrar a sabedoria da serpente de penetrar em nosso submundo e deixar as peles antigas para trás.... resgatando a energia necessária para alçarmos vôo junto com a águia.
Falar é fácil, mas cadê o mapa ?
Meditação, yoga, artes marciais, danças sufis, tai chi, teste estas antigas artes de consciência e veja a que lhe dá mais prazer e...mergulhe!
Mergulhe em uma ou duas, não se disperse querendo abarcar o mundo, pois este desejo tem a ver com o ego, não com a necessidade premente de todos de refinarem a sua capacidade de amplificar a consciência para os reinos de luz mais sutis.
Cada um de nós tem um caminho único, uma beleza única e uma contribuição única, exerça o respeito pelas escolhas alheias, e busque o que realmente lhe toca o coração e lhe dá prazer.
Ah, vale experimentar, rever, como uma criança brinca com os elementos à sua volta.
Deixe ao menos uma hora ao dia para estar só consigo mesmo, examinando todas as suas atitudes durante o dia, em um trabalho de recapitulação que ajude a desmanchar a teia do carma, ao assumirmos ver a nós mesmos sem máscaras de justificação, para irmos de encontro às nossas sombras interiores e nossos desafios, para ousarmos sonhar um ser livre.
Desmanche as ilusões.

Estamos no ano de retorno de Quezacoalt, uma forma de manifestação de consciência que traduz a nossa essência primordial como seres do Planeta Terra unidos com a nossa ancestralidade das estrelas ( praticamente todas as culturas arcaicas contém mitos sobre a união do céu e da terra ).
Na entrada do ano Lua Harmônica foi terminada a escavação de um túnel que leva a várias galerias logo abaixo do tempo do Quetzalcoalt no México.
Há uma inscrição em um templo de Palenque que fala do retorno desta comunhão de consciência para 24.12.2010.
No calendário maya a serpente magnética ( terceira dimensão ) corresponde à águia auto-existente ( quinta dimensão ), ou seja, existem sincronicidades que apontam para esta possibilidade.

Estarmos nos conectando com estas “waves” de Luz é muito fácil e parte de nosso legado, basta se desapegar por algum tempo ( minutos,horas ) de tudo o que está na sua cabeça, tranqüilizar mente e coração, respirar suavemente e intentar conectar a sua atenção à esta vibração, sem querer criar uma forma de como isto vai acontecer ( querer antecipar a forma de algo que não conhecemos é uma técnica inconsciente de controle ), apenas deixar o silêncio chegar. Se por vezes é difícil porque nossa atenção ( para onde mandamos e amarramos a nossa energia ) está entupida com mil coisas, dá preguiça mesmo.
Mas se a gente quer....tem que correr atrás.
Isto não é exclusividade de nenhum grupo esotérico ou religioso, simplesmente “está no ar” para ser percebido, vivenciando. E, a cada mergulho na luz – que todos temos o direito de nascença – fica muito mais fácil se imiscuir da rede do matrix que se sustenta na falta de amor por nós mesmos, ensinada como regra na nossa sociedade, afinal, se não for para ter o amor e admiração de outrem a gente estaria pouco se lixando para ser o maioral, querer ter atenção e nos vendermos como micos de circo na busca desta nutrição ilusória que vem do outro. Bom , ai provavelmente ninguém daria 90% da sua energia para conseguir coisas que em realidade não precisa, né? A autofagia consumista global que está destruindo os recursos do planeta iria começar a se desmanchar...
E então conseguiríamos com mais facilidade entrar na roda da equanimidade de respeito ao planeta e todos os seres, buscando criar uma escolha de vida autosustentável e não consumista.
A sobrevivência nestes próximos anos dependerá de nosso instinto de solidariedade com a vida, ao contrário da sobrevivência matrix, a luta de todos contra todos, a competição em busca de glória pessoal, o não se importar a não ser consigo mesmo e seu pequeno núcleo de relações pessoais afetivas.
Quem continuar por ai terá que se desumanizar cada vez mais para garantir o seu lugar no status quo frente a este momento de transição, no qual as forças do governo oculto tentam impingir o máximo de danos a todos nós, fabricando uma crise econômica global para esconder a própria derrocada.
Há muita agitação em torno deste tema, mas basta lembrar que em um coração puro e forte o mal não consegue se enredar. A nossa chance reside no resgate de nossa coragem em ousar revelar a nossa alma e viver o nosso sonho não importa o quanto somos massacrados para nos tornarmos servos ignorantes de um sistema autofágico.
Purifique o seu coração.
Deixe de acreditar em valores que separam, julgam, para justificar o seu desejo de reparação por alguma dor, ao invés de humildemente olhar e ver o que esta experiência pode lhe ensinar.
A mágoa, o medo, a raiva, a insegurança não tem lugar na alma de um ser livre, e dor, oras, ela é da experiência humana ( temos dores físicas durante o processo de crescimento ). A grande sabedoria dos povos antigos era restituir a integridade dos indivíduos através de seus rituais de cura para que a vida pudesse seguir em frente na plenitude com alegria , curiosidade e confiança.
Ah sim, quase todos extintos como idolatria pagã, lógico...
Encontre as técnicas e os meios necessários, intente, peça para a sua guiança espiritual pois nós jamais estamos sós e desamparados, apenas nos iludimos com o discurso de vitimização planetária. Não há injustiça, mas a arrogância de se negar a compreender as lições da vida.
Se vemos tanto horror e barbárie à nossa volta, é porque estamos sendo chamados a agir em prol da vida, de tomarmos em nossas mãos novamente a responsabilidade por nós mesmos e, em conseqüência, por sermos pontos em uma tapeçaria, unidos ao Todo, por todas as nossas relações.
A serpente também nos ensina em sua sabedoria, que o caminho para o céu, para a luz, passa pelo submundo. Não dá para querer conhecer Deus sem travar contato com os nossos demônios pessoais.
Muitos grupos new age perpetuam a forma de dominação das grandes religiões institucionalizadas ocidentais, negando a sombra e querendo alcançar o que está além de nossa dualidade sem querer tocar no que nos prende e que ajudamos a sustentar justamente por “não querermos olhar”, esta mesma divisão , de nos negarmos a passar pela noite escura da alma porque somos arrogantes e achamos que a iluminação é um prêmio de loteria que vamos ganhar sem nenhum esforcinho de nossa parte, só porque somos bonzinhos.
Ano de desobstruir e jogar luz em nosso submundo, com profundo perdão em nossos corações por nós mesmos, com a leveza de saber que está entrando e um território que você pode recriar através do contato e da observação amorosa, deixar-se desmanchar pela consciência, para, enfim, se libertar desta ilusão-base que nos atém ao mundo do sofrimento.

A águia que sustenta o sonho

A energia da quinta dimensão que nos é trazida neste ano é a águia, um ser impecável que jamais se deixa desviar de seu objetivo, um ser que vive nas alturas, que tem visão ampla, que não vive o jogo social e que almeja o infinito.
Dentro do calendário maya ela representa o serviço planetário.
É aprendermos a ver que somos parte do Todo, ao mesmo tempo em que nosso lugar na roda da vida é desvelado e o que alegra o nosso coração se torna a nossa doação.
Por vezes entendemos o serviço como trabalhadores em técnicas de cura ou serviços caritativos.
Um espetáculo, uma música, uma dança, um livro, a arte em geral, se são expressões da alma, se tornam uma fonte de cura coletiva.
Um ato de coragem e de defesa dos que são mais frágeis nos fazem lembrar de nossa nobreza de Alma inata.
Um gesto de delicadeza traz leveza e boa vontade.
Uma atitude integra basta para nos relembrarmos que não somos seres à venda .
Ouvir, dar atenção real e respeitar ao outro realinham as relações sociais, trazem profundidade e proporcionam cura para nós e para os outros.
Ou seja, um monte de ações que podemos fazer aqui e agora, do jeito que somos, sem titulo nem graduação em qualquer caminho, apenas exercendo a nossa real humanidade.
Deixar de gastar saliva e energia em julgamentos, mais, menos, melhor, pior, etc., e guiarmos as nossas palavras e verdades para o que é tangível. Querer saber da vida dos outros, é buscar nutrir o vazio interior e o medo da vida com os modelos existentes no mercado, é desistirmos de nós mesmos.
Fazemos isto o tempo todo, assistindo aos filmes de aventura de Hollywood e levando aquela vida sem sal de trabalho, trânsito, casa....baladinha no fim de semana para desopilar...ou quem sabe mais um workshop de sei lá o quê...

Recrie-se e seja o herói da sua vida.

Quando você começar a viver pelas suas verdades sem pedir desculpas por ser quem você é e do jeito que você é, em um mundo conformista como o nosso, podiscrê que você vai começar a ter orgulho de si mesmo e a restabelecer a sua autoconfiança. E bom, provavelmente vai perder a atenção e a companhia daquelas pessoas que só te aceitam se você for a recriação perfeita das fantasias delas.
Liberdade de não se importar com o que os outros pensam e se restringir ao que é aceito socialmente em seu grupo, ou seja, não tomar as suas decisões pessoais em cima do que os outros vão pensar mas do que você sente que deve ser, se resulta numa baita burrada você aprende, se dá certo, do mesmo jeito você aprendeu algo novo e não se conformou em escolher na prateleira do supermercado. Você deu vazão à sua agilidade mental e emocional. De vero, sua vida vai passar por uma revolução, mas, se você for íntegro consigo mesmo, em breve outras pessoas que vibram na mesma freqüência aparecerão em sua vida para lhe dar suporte.
Esta é uma manifestação da tal da lei da atração.
Ou você pode se conformar a viver de migalhas de atenção alheia desprezando a imensa beleza que reside no teu ser, tudo é uma questão de opção, cada um se liberta e aprende no próprio ritmo.
E uma opção pode ser feita ou refeita a cada minuto de nossas vidas.

Trilhar o caminho do autoconhecimento é se deixar levar pelas descobertas, não cumprir uma agenda de trabalho.

E é assim que o design de nossa missão de alma se delineia frente aos nossos olhos, dia a dia, momento a momento, quando estamos prestando atenção a nós mesmos, nossas sensações corporais, energéticas, nossos sentimentos, que tipo de pensamento criamos, sem julgamento, com amor e atenção e, a partir daí nos relacionamos com o mundo, sem nada exigir .
Porque tendo a nós mesmos já temos tudo.
Passamos boa parte de nossas vidas, como seres afetivos lutando doidamente para termos a atenção, a aceitação e o amor dos outros quando tudo o que precisamos é encontrar o amor pela gente mesmo.
E, para encontrá-lo, crie um tempo para falar e estar consigo mesmo, se dar atenção, escutar as suas partes – pois a nossa “consciência constructo” tem várias vozes, muitas de algozes mesmo, e ainda temos as vozes de nossa criança interna, as facetas de nosso self, enfim, só somos tediosos quando estamos presos em nosso dialogo interno – criado pelas vozes do constructo – quando silenciamos para ouvir as nossas vozes mais profundas e percorrermos o caminho da cura de nossas feridas, ai sim, ganhamos o encontro com nós mesmos e todo o material necessário à nossa evolução.
Técnicas transpessoais como as viagens xamânicas e meditação são excelentes meios para abordarmos as vozes mais profundas, somos em geral muito condicionados a dar atenção ao dialogo interno, então precisamos de uma técnica para alterarmos a atenção do foco da superfície para um nível mais profundo.
Para alcançarmos o vôo da águia basta aceitarmos quem somos, como somos, e trabalharmos conscientemente dentro de todo este amálgama para compreendermos que por vezes, nossa maior força é também a nossa maior fraqueza, nossa sombra nossa maior aliada para nos ajudar no caminho da liberdade, ou seja, juntamos os pólos para encontrar uma nova dança interior no qual a separatividade e a negação de partes de si mesmo não tem mais lugar, mas o acolhimento e a compreensão para nos prepararmos para o salto em uma nova espiral de consciência.
O grande engodo é dizer ou pensar que precisamos alcançar algo fora de nós, quando tudo está dentro e pode ser acessado com simples técnicas de atenção, ninguém precisa ser um santo bíblico para ter o direito de resgatar o que está inscrito em nosso próprio corpo de memória.
Como já dizia quele carinha altamente revolucionário há dois mil anos atrás, o carma pode ser trocado pela graça, instantâneamente, basta ter fé ( uma grande emissão de energia gerada a partir da ativação do chackra cardíaco que nos leva à uma consciência de amor e união, mas se a gente insiste em carregar a nossa história pessoal como uma sacola de dramas, com o coração trancado, como vai dar para acessar isso? Simples. Joga fora a sacola ).
E tem trilha sim para a graça, mesmo se formos “cheios de pecado” e “imperfeições” – não se iluda, estes conceitos subliminares ainda guiam a nossa auto imagem, derivada do que chamamos de consciência ordinária que é um constructo social aplicado através de técnicas do tipo compensação e castigo e este “peso” inventado pela Igreja para nos dominar saiu de moda há menos de 50 anos – tudo é uma questão de quanta atenção e energia você coloca no intento de transcender, não tem nenhum segredo.
O resto é desculpa para ficar parado onde está.

Good surfing in the wave of conscienciouness !

Wise Buffalo Woman

Exibições: 20

Comentar

Você precisa ser um membro de Anjo de Luz para adicionar comentários!

Entrar em Anjo de Luz

Seja um apoiador de Anjo de Luz

Para mantermos os sites de Anjo de Luz, precisamos de ajuda financeira. Para nos apoiar é só clicar!
Ao fazer sua doação você expressa sua gratidão pelo serviço! Lembre-se que dar e receber são aspectos diferentes do fluxo de energia no Universo.

 
Visit Ave Luz

 

PUBLICIDADE




Badge

Carregando...

Co-criando A NOVA TERRA

«Que os Santos Seres, cujos discípulos aspiramos ser, nos mostrem a luz que
buscamos e nos dêem a poderosa ajuda
de sua Compaixão e Sabedoria. Existe
um AMOR que transcende a toda compreensão e que mora nos corações
daqueles que vivem no Eterno. Há um
Poder que remove todas as coisas. É Ele que vive e se move em quem o Eu é Uno.
Que esse AMOR esteja conosco e que esse
PODER nos eleve até chegar onde o
Iniciador Único é invocado, até ver o Fulgor de Sua Estrela.
Que o AMOR e a bênção dos Santos Seres
se difunda nos mundos.
PAZ e AMOR a todos os Seres»

A lente que olha para um mundo material vê uma realidade, enquanto a lente que olha através do coração vê uma cena totalmente diferente, ainda que elas estejam olhando para o mesmo mundo. A lente que vocês escolherem determinará como experienciarão a sua realidade.

Oração ao Criador

“Amado Criador, eu invoco a sua sagrada e divina luz para fluir em meu ser e através de todo o meu ser agora. Permita-me aceitar uma vibração mais elevada de sua energia, do que eu experienciei anteriormente; envolva-me com as suas verdadeiras qualidades do amor incondicional, da aceitação e do equilíbrio. Permita-me amar a minha alma e a mim mesmo incondicionalmente, aceitando a verdade que existe em meu interior e ao meu redor. Auxilie-me a alcançar a minha iluminação espiritual a partir de um espaço de paz e de equilíbrio, em todos os momentos, promovendo a clareza em meu coração, mente e realidade.
Encoraje-me através da minha conexão profunda e segura e da energia de fluxo eterno do amor incondicional, do equilíbrio e da aceitação, a amar, aceitar e valorizar  todos os aspectos do Criador a minha volta, enquanto aceito a minha verdadeira jornada e missão na Terra.
Eu peço com intenções puras e verdadeiras que o amor incondicional, a aceitação e o equilíbrio do Criador, vibrem com poder na vibração da energia e na freqüência da Terra, de modo que estas qualidades sagradas possam se tornar as realidades de todos.
Eu peço que todas as energias e hábitos desnecessários, e falsas crenças em meu interior e ao meu redor, assim como na Terra e ao redor dela e de toda a humanidade, sejam agora permitidos a se dissolverem, guiados pela vontade do Criador. Permita que um amor que seja um poderoso curador e conforto para todos, penetre na Terra, na civilização e em meu ser agora. Grato e que assim seja.”

© 2021   Criado por Fada San.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço