Anjo de Luz

Informação é Luz , ajude a propagar

  AO FAZER TUDO O QUE O OUTRO QUER, QUEM CEDE SE PERDE A SI MESMO.(Texto de Célia Lima, no Personare)

Somos condicionados desde crianças a ser simpáticos, prestativos, amáveis e a atender às solicitações prontamente. Muitas pessoas passam uma vida inteira procurando uma forma de agradar primeiro seus pais, depois professores e amigos e, por fim, seus parceiros. Independentemente do amor que possa existir entre os pares, as relações muitas vezes se alicerçam na constante busca de aprovação e aceitação por parte dos envolvidos. No início dos relacionamentos tudo parece ser possível, principalmente transformar o parceiro naquela pessoa gentil, afetiva e atenciosa. Mas quando o encantamento dos primeiros tempos se esvai, cada um mostra a si mesmo e ao outro sua verdadeira e inconsciente intenção.

 

De forma incompreensível as brigas passam a ser a tônica da relação e os motivos brotam do nada: Por que aquele homem (ou mulher) estava olhando para você?", É assim que você quer? Depois não reclame!". Assim, a vida passa a ser um calvário de cobranças, agressões e ameaças. Por mais que se faça, nunca um dos dois ou ambos está satisfeito. As exigências são inatingíveis.

 

Quando um dos dois ousa fazer algo por si mesmo é acusado de ser egoísta. Por que sempre tem que ter alguém insatisfeito? Por que sempre um dos dois tem que se submeter aos caprichos e vontades do outro na obtenção de harmonia? Por que as pessoas colocam na mão de seus pares a responsabilidade por sua felicidade?

 

Ao fazer sempre o que o outro quer, quem cede se perde cada vez mais de si mesmo. Já não sabe onde está sua vontade, suas preferências, e passa o tempo todo tentando evitar brigas ao invés de viver a vida. Torna-se apático, triste, ansioso, tenta agradar o tempo todo para evitar desentendimentos. E se frustra.

 

Por que é que quando temos que escolher quem vai ficar chateado, escolhemos sempre a gente mesmo e nunca o outro? Por que o outro sempre tem que ser atendido? Parte dessas respostas está no condicionamento da infância: "se você não fizer o que estou pedindo, o papai (ou mamãe) vai ficar triste", "Você me desobedeceu então não gosto mais de você". São tantas as frases que ouvimos que nos levam a acreditar que para sermos amados, admirados, aceitos e não corrermos o risco do abandono, que acabamos levando para a vida adulta a crença de que é preciso ser generoso com o outro para não sermos punidos de alguma forma.

 

Mas ser generoso com o outro desta forma, anulando sua vontade, você não estará sendo extremamente egoísta consigo mesmo? Antes de tudo é preciso entender que fazer a vontade do outro esperando obter um retorno que supra suas necessidades de carinho, consideração e reconhecimento, não é uma atitude generosa, é apenas uma tentativa de obter alimento afetivo. E é preciso compreender também a necessidade de colocar limites em si mesmo. Dizer um basta para suas atitudes repetitivas é uma boa forma de mudar o foco, de colocar o holofote em você, de fazer com que você se torne o personagem principal de sua vida."Dizer um basta para suas atitudes repetitivas é uma boa forma de mudar o foco, de colocar o holofote em você, de fazer com que você se torne o personagem principal de sua vida."

 

É preciso entender que você está aparelhado para suprir suas antigas necessidades de afeto e atenção. Como esse comportamento foi forjado desde a infância, existe uma criança faminta que acredita que só poderá obter esse alimento afetivo a partir do outro, quando na verdade é você mesmo ? e só você - , que poderá nutri-la. Se ficar atento, perceberá que a sensação emocional que tem quando alguém grita com você, por exemplo, é idêntica à que tinha quando o pai ou a mãe gritavam. Por aí você pode perceber que é "sua criança" que tem medo, e não você. Fazer o exercício de deixá-la sentir-se segura do afeto que você tem por ela é um bom começo para que você mesmo sinta-se seguro de que é um gerador de atenção a você. Dizer sim a você mesmo não é ser egoísta com o outro, é ser generoso consigo. Se você se satisfizer, obterá do outro o respeito que tanto procura, pois estará se respeitando.

 

Experimente:

 

 

  • Não ir a lugares que não lhe dão prazer
  • Vestir as roupas que você gosta
  • Dizer não sem medo de brigar
  • Liberar o parceiro para fazer o que ele quer sem a sua companhia
  • Ser honesto com seus desejos e sentimentos
  • Negociar ao invés de ceder sempre
  • Não criar expectativas nas atitudes do outro
  • Fazer acordos de comportamento antes de sair para um passeio ou uma viagem
  • Fazer a sua comida predileta
  • Não ceder a provocações. Um bom "truque" é sair de cena, indo ao banheiro, por exemplo. Isso dá tempo do outro também esfriar a cabeça.
  • Ficar ligado nos seus desconfortos físicos, que irão sinalizar quando você está indo contra suas verdades. A região do umbigo ou estômago são geralmente as que se desestabilizam primeiro.
  • Pedir um carinho, uma massagem - e entregar-se sinceramente a esse momento.
  • Falar calmamente sobre suas necessidades e seus sentimentos sem clima de acusação, buscando soluções.

 

 

Seja generoso com você mesmo e estará dando um passo importante na harmonia do relacionamento. Lembre-se sempre que o medo é o maior inimigo do amor. Não é fácil mudar certos comportamentos, mas acredite que é possível. E se estiver encontrando dificuldades, procure ajuda profissional. Invista em você e no seu bem-estar.

 

 

OBRE O AUTOR
Celia Lima

Celia Lima

Psicoterapeuta Holística, utiliza florais e técnicas da psicossíntese como apoio ao processo terapêutico. Presta atendimento individual e em grupo, e serviços de coaching pessoal, profissional e organizacional. Saiba mais »

contato: celia80@ig.com.br

Exibições: 44

Comentar

Você precisa ser um membro de Anjo de Luz para adicionar comentários!

Entrar em Anjo de Luz

Seja um apoiador de Anjo de Luz

Para mantermos os sites de Anjo de Luz, precisamos de ajuda financeira. Para nos apoiar é só clicar!
Ao fazer sua doação você expressa sua gratidão pelo serviço! Lembre-se que dar e receber são aspectos diferentes do fluxo de energia no Universo.

 
Visit Ave Luz

 

PUBLICIDADE




Badge

Carregando...

Co-criando A NOVA TERRA

«Que os Santos Seres, cujos discípulos aspiramos ser, nos mostrem a luz que
buscamos e nos dêem a poderosa ajuda
de sua Compaixão e Sabedoria. Existe
um AMOR que transcende a toda compreensão e que mora nos corações
daqueles que vivem no Eterno. Há um
Poder que remove todas as coisas. É Ele que vive e se move em quem o Eu é Uno.
Que esse AMOR esteja conosco e que esse
PODER nos eleve até chegar onde o
Iniciador Único é invocado, até ver o Fulgor de Sua Estrela.
Que o AMOR e a bênção dos Santos Seres
se difunda nos mundos.
PAZ e AMOR a todos os Seres»

A lente que olha para um mundo material vê uma realidade, enquanto a lente que olha através do coração vê uma cena totalmente diferente, ainda que elas estejam olhando para o mesmo mundo. A lente que vocês escolherem determinará como experienciarão a sua realidade.

Oração ao Criador

“Amado Criador, eu invoco a sua sagrada e divina luz para fluir em meu ser e através de todo o meu ser agora. Permita-me aceitar uma vibração mais elevada de sua energia, do que eu experienciei anteriormente; envolva-me com as suas verdadeiras qualidades do amor incondicional, da aceitação e do equilíbrio. Permita-me amar a minha alma e a mim mesmo incondicionalmente, aceitando a verdade que existe em meu interior e ao meu redor. Auxilie-me a alcançar a minha iluminação espiritual a partir de um espaço de paz e de equilíbrio, em todos os momentos, promovendo a clareza em meu coração, mente e realidade.
Encoraje-me através da minha conexão profunda e segura e da energia de fluxo eterno do amor incondicional, do equilíbrio e da aceitação, a amar, aceitar e valorizar  todos os aspectos do Criador a minha volta, enquanto aceito a minha verdadeira jornada e missão na Terra.
Eu peço com intenções puras e verdadeiras que o amor incondicional, a aceitação e o equilíbrio do Criador, vibrem com poder na vibração da energia e na freqüência da Terra, de modo que estas qualidades sagradas possam se tornar as realidades de todos.
Eu peço que todas as energias e hábitos desnecessários, e falsas crenças em meu interior e ao meu redor, assim como na Terra e ao redor dela e de toda a humanidade, sejam agora permitidos a se dissolverem, guiados pela vontade do Criador. Permita que um amor que seja um poderoso curador e conforto para todos, penetre na Terra, na civilização e em meu ser agora. Grato e que assim seja.”

© 2019   Criado por Fada San.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço