Anjo de Luz

Informação é Luz , ajude a propagar

Mensagens dos Anjos

“Esta secção recolhe as Mensagens doadas pelos Anjos, através dos channeling canalizados de Satya, para acompanhar-nos num Caminho de consciência, de crescimento e de evolução.

O objetivo destas Mensagens é o de nos ajudar a viver felizes cá e agora, na paz, totalmente livres e em harmonia connosco, com os outros, com tudo o que nos envolve.

Estas Mensagens foram recolhidas nos livros de Satya, divulgadas da Associação Cultural Suoni di Luce”.

http://www.suonidiluce.com/pt

Como viver o quotidiano

 

 

 

“... No quotidiano tens a possibilidade de te lembrares do Antigo, de redescobrires muitas coisas em ti; no quotidiano existem contínuas possibilidades para aprenderes, para treinares, para verificares o que aprendeste, para exprimires a tua Essência, para doares, amares, ajudares.

Pede-Me para te ajudar nisto, e depois observa o teu quotidiano com atenção, somente com o coração, não com a mente.

Vive o teu quotidiano sentindo-o como um conjunto de grandes oportunidades, somente assim o poderás viver sempre serenamente.

Pede-Me para te ajudar em tudo, para o tudo viveres como uma ocasião, e depois abandona-te na onda da vida, entre os Meus braços, ao saberes que tudo o que viveres é útil para ti, para a tua Alma, ao lembrares-te que  todo o teu quotidiano, a tua Alma escolheu.

Agora o teu quotidiano pode tornar-se um meio para doares ao teu redor as consciências que aprendeste, os conhecimentos da tua Alma, as tuas experiências.

Vive intensamente tudo, seguindo a tua Alma, protegendo o teu coração.

Observa tudo do alto com aquele distanciamento que te permite ver tudo, compreender tudo, ao manteres-te distanciado de tudo.

Quando não souberes compreender nada do que estás a viver diz:

Agora não consigo compreender, mas estou certa que o que estou a viver é necessário para a minha Alma – .

Pede-Me ajuda e vive serena, abandonada. Assim à noite poderás adormecer com a paz no coração, entre os Meus braços.

Reconhece que dentro de ti existem grandes tesouros, grandes capacidades e pede-Me para te ajudar a doares os teus tesouros, a exprimires as tuas capacidades.

Fica certa que isto vai acontecer, mesmo que tu o percebas ou não.”

 

 

 

 

“… Com Amor abre-te à Luz, e ao Céu eleva o teu olhar: assim vais viver o teu quotidiano com menor dificuldade. E isto trará a força que precisas para o viveres serenamente.

Sente a coragem que está dentro de ti, porque é necessária uma grande coragem quando escolhemos viver o quotidiano com consciência e sem nenhuma ligação.

Muitas são as coisas que podem sobrecarregar o coração, muitas são as coisas que poderiam desviar o teu olhar do Céu, ofuscar a tua Luz, tirar-te o sorriso.

Mas isto não acontecerá se, quando encontrares uma dificuldade, disseres:

Sei que isto é útil para a minha evolução. Ajuda-me a compreender o que esta dificuldade me quer ensinar, que passo me empurra a dar. Estou certa que conTigo tudo se derreterá, cada obstáculo superarei – .

Esta é a chave que criará a magia de viver tudo em serenidade, de transformar tudo em oportunidades, de criar muitas mudanças.

Se sentires que não estás pronta para viveres aquela dificuldade, leva as mãos ao coração e pede-Me para incutir dentro de ti, força, Luz e Amor.

Sente as Minhas mãos em cima do teu coração e imagina grandes raios luminosos a entrarem dentro do teu corpo, do teu coração e a envolverem a tua Alma.

Assim estarás pronta para viveres tudo com distanciamento, a colheres tudo, a doares tudo.”

 

 

 

 

“... Observa o teu quotidiano como uma única, grande, contínua, possibilidade de crescimento, de evolução.

Faz tudo para descarregares o teu coração esvaziando-o do passado, para Me permitires assim descarregá-lo ainda mais, de enchê-lo com a Luz e o Amor.

Fica consciente que em cada dia no teu coração pode cair um grão de pó por causa do que vives, é por isso que o coração deve ser continuamente esvaziado de tudo.

Mantem aberto o teu coração a tudo, e pede-Me para o proteger de tudo.

Vive com entusiasmo tudo, sonhando sempre coisas bonitas, para ti, para o teu coração, para a tua Alma.

Vive na Luz para a poderes expandir onde está escuro.

Sei que o teu coração gostaria de viver diferentemente e está a  chamar-te para outros lugares.

É por isso que quem segue a Alma, quem conheceu a Luz, tentou sempre se afastar de tudo e de todos, mas esta não é a tua história.

Vê o teu corpo como um grande meio para fazeres voar a tua Alma cada vez mais alto: ama-o, respeita-o, porque te pode fazer viver as experiências que a tua Alma escolheu, porque através do corpo podes concluir um Antigo e viver um Novo.

Assim observa e vive o quotidiano.

Com Amor distancia-te dele cada vez mais. Não dês demasiada importância a tudo o que  até agora te parecia importante.

Vive no quotidiano principalmente o que sentes importante para ti, para o teu coração, para a tua Alma.

Sabes que através do quotidiano realizarás o projeto da tua Alma.

Por isso, quando sentires opressões ao teu redor, ou encontrares dificuldades, diz:

Tudo isto cedo passará.

Agora aceito esta opressão, esta dificuldade, e amo-a como grande oportunidade, sabendo que cada opressão pode tornar-se numa leveza que faz voar a minha Alma  – .

Não é fácil encontrar o equilíbrio entre o Amor pelo quotidiano e o distanciamento com o qual é preciso vivê-lo.

Mas é exatamente ao viveres o quotidiano que isto aprendes.

E assim viverás o teu quotidiano com leveza e não o sentirás mais como um limite para a tua Alma, mas como um meio para a elevar, para a levar a viver ainda mais livre.”

 

 

 

“... Se estiveres pronta para cada mudança que pode acontecer, faz tudo para tornares mais simples o teu quotidiano, para o poderes viver em lugares e de maneiras que te permitam caminhar com o coração leve, dar espaço à tua Alma.

Ajudar-te-ei a aceitá-lo e amá-lo assim como  é, mas lembra-te que poderá sempre existir o tempo, o momento, quando o poderás viver em lugares, de maneiras, que tornarão fácil o saciar o coração, o curar o corpo, o seguir a Alma, o nutrir o coração e a Alma.

O primeiro passo é sempre aceitar, porque senão podem ser criadas vibrações que sobrecarregam o coração, ofuscam a Alma, que mantem afastadas as Minhas ajudas.

Depois, com felicidade leva o olhar ao Céu, sorri e pede-Me tudo o que te pode tornar o quotidiano menos difícil, menos cansativo.

Depois, age sempre intensamente, com felicidade, com a certeza que tudo pode mudar, que tu mesma podes criar a mudança no teu quotidiano.

Isto é manifestares-te como uma guerreira que luta para viver tudo intensamente, para superar tudo, para ganhar tudo, mantendo o coração leve.

Isto é viveres na entrega, sabendo que Eu caminho contigo e em tudo te ajudarei, de tudo te protegerei.

Vive cada lugar como um lugar onde podes aprender, crescer, doar, espalhar os teus tesouros.

E quando uma mudança te levar a viver  noutro lugar, lembra-te novamente de tudo isto.

E assim amarás cada lugar, e viverás com entusiasmo por poderes viver em lugares novos, ao sentires-te pronta para isto, com a felicidade de saberes que cada mudança leva a algo melhor.”

 

 

 

“... E sempre sementes novas podes levar ao teu coração, tesouros novos à tua Alma.

Durante o Caminho podes encontrar situações que te fazem crescer, podes viver experiências que te levam a evoluir, mas podem também haver desafios, provas, riscos.

Corremos o risco de nos sentirmos acordados, prontos, realizados, e de não reparar assim nos jogos subtis que a mente faz, nas provas menos claras que a Alma escolhe viver.

Ter despertado pede ainda mais consciência, atenção, sagacidade, humildade.

É importante observar com felicidade e orgulho os passos dados, as conquistas feitas, as mudanças acontecidas, mas ser igualmente prudente e humilde.

Podes dizer:

Porque grandes passos dei, mudanças aconteceram, ainda mais a minha Alma me pede agora para estar vigilante, para estar em alerta – .

Pede-Me ajuda para isto e depois manifesta toda a tua Luz, doa todo o teu Amor.”

 

 

 

 

“… Lembra-te que quanto mais cresces, mais podem chegar do mundo chamadas cada vez mais subtis, a tua mente pode criar jogos cada vez mais subtis.

Não tentes fugir do mundo, mas caminha no mundo, observando tudo do alto, ao sentires-te Filha do Céu.

Vive no mundo, as coisas do mundo, com felicidade e entusiasmo, sem te sentires do mundo, ao sentires-te parte do Universo.

Fica atenta a distanciar-te das tuas necessidades, para poderes assim reconhecer e saciar as necessidades da Alma.

Fica atenta a não te perderes no coração por um ‘Coração’ que encontras.

Somente assim poderás saciar realmente o teu coração, doar Amor a todos os ‘Corações’ que encontrares, e deles muito receber.

É fácil perder-se no mundo, ou pelo mundo.

É fácil perder-se nas próprias necessidades, colocando em segundo lugar as necessidades da Alma.

Mas é somente ao saciarmos a Alma que saciamos o coração. Senão, vivemos apenas saciedades momentâneas, ficando depois insatisfeitos.”

 

 

 

 

“... Com Amor te ajudo a aprender como ler o teu quotidiano.

Aprenderás a sentir os pedidos da tua Alma, a aprender uma lição nova, a adquirir uma consciência nova, a lembrar-te de um Antigo luminoso.

E tudo na serenidade. Assim saberás recolher tudo, viver tudo, com a felicidade.

Fica vigilante em tudo, leva o quanto mais puderes de felicidade, de entusiasmo, ao teu quotidiano, e chegarão grandes meios, grandes possibilidades.

Encontra sempre espaço para a tua Alma, para o teu coração, para o teu corpo e para brincar, porque a Criança que está em ti terá sempre a necessidade de brincar.

Na brincadeira, felicidade nova entrará; com a brincadeira, muitas coisas podes exprimir e o teu coração podes tornar leve.

É assim que aprenderás a viver serenamente tudo o que acontece e a amar o quotidiano, sentindo que tudo tem um sentido, um significado.

E enquanto viveres tudo na harmonia, ajudarás quem está ao teu redor a viver na harmonia, porque emanarás vibrações de calma, de paz.

Não sufoques nada, porque sufocar torna o mar tempestuoso.

Vive tudo, exprime tudo o que no teu coração existe, e assim o teu mar se tornará calmo.

Vê as dificuldades, os obstáculos, como ondas que chegam e que vão.

Se o teu mar sentires tempestuoso, não te esqueças que estará novamente calmo uma vez superado aquele obstáculo, vivida aquela dificuldade, com consciência e serenidade.

Não afastes o olhar do Céu por causa do que no quotidiano não podes viver ou não podes fazer. Sabes que existe uma razão também para isso.

Nos momentos mais difíceis mantem o olhar no Céu, porque isto fará desenrolar tudo ao teu redor.

Segue a tua Alma com felicidade, e conhecerás a felicidade de viveres tudo como um meio para a Alma elevar, torná-la ainda mais bonita, mais luminosa.”

 

 

 

 

“... Sente dentro de ti a felicidade pelo teu caminhar no mundo, sente que este teu andar te permite levar Luz e Amor.

Esta felicidade te ajudará a viver o teu trabalho, e encontrar a força para viveres tudo o que há no teu quotidiano. Sente que o teu trabalho é uma oportunidade para amares, para levares Luz, para ajudares.

Vivendo-o com esta felicidade, terás toda a força para o viveres, e o viverás na leveza, porque tudo te pesará menos, te cansará menos.

Quando te levantares de manhã, pensa nisto, e exprime um pensamento de gratidão por poderes caminhar no mundo, por teres um quotidiano para viveres, um trabalho que te pode permitir exprimires-te a ti mesma, que te pode permitir exprimires a tua Essência de Alma Luminosa.

E assim tudo viverás de maneira diferente, sentirás que tudo pode ser uma ajuda para o teu crescimento, para o teu Caminho, um meio para te doares a ti mesma, para despertares quem encontras.

Sentires tudo isto, teres gratidão por tudo isto, criará um quotidiano sereno, que te permitirá viver o teu trabalho com felicidade.

Se no quotidiano, no teu trabalho, acontecer algo que te cria dificuldade ou perturbação, eleva o olhar ao Céu e diz:

Obrigada por esta ocasião de treino, de aprendizagem. Aqui tenho a possibilidade de viver o que tornará a minha Alma cada vez mais luminosa – .

Nós conhecemos os cansaços, as dificuldades, os esforços, às vezes muito grandes, que o quotidiano pede ou cria, e é por isso que, com infinita compreensão, vos ajudamos a viver o quotidiano, o trabalho, de forma nova.

Vos ajudamos a viver a vida com mais leveza possível, para fazer com que a vida seja uma fonte de felicidade.

Ama o teu quotidiano, ama o teu trabalho como fonte de tudo o que agora te falei, faz tudo para o tornar cada vez mais leve. Depois, vive-o juntamente coMigo, pedindo-Me para te ajudar a compreender o que no teu quotidiano, no teu trabalho, te pode ajudar, te pode fazer crescer, onde podes doar, onde podes despertar.

Mas sonha também com um quotidiano sem dificuldades, sem cansaços, sem fadigas, um quotidiano para viveres na liberdade. Isto cria espaço para o Novo, isto atrai a mudança.

E depois fica atenta a cada ocasião, cada oportunidade, para criares um quotidiano que seja o mais leve possível.

E segue serena no mundo, vive tudo com gratidão, com Amor, na felicidade.”

 

 

 

Pergunta:

 

Sinto sempre mais a necessidade de me distanciar do quotidiano para ficar comigo mesma.

 

Resposta:

 

“Isto é natural, e cada vez mais sentirás esta necessidade de estares perto da tua Alma para a descobrires, para exprimires mais a tua Essência.

Com serenidade observa o teu quotidiano do alto, para ver se alguma coisa pode ser mudada. Como uma hábil ilustradora do alto olha o teu quotidiano como se fosse um desenho, para saberes assim deixar o que no desenho deve ficar, o que pode ser apagado, o que pode ser substituído.

Quem caminha num Trilho luminoso, sente cada vez maior a necessidade de se distanciar de muitas coisas do mundo, para viver as coisas do coração, da Alma.

Ele sente cada vez mais o desejo de descobrir a própria Essência, de manifestá-la, de doar o que aprende.

Fica atenta a usar bem o teu tempo para criares espaço ao teu corpo, ao teu coração, à tua Alma.

Lembra-te porém que, às vezes, o pouco tempo pode ser também um impulso para aprenderes a correr em vez de caminhar…

Às vezes há a urgência de aprender ou de experimentar rapidamente alguma coisa.”

 

 

 

 

“... Procura com felicidade, como se fosse uma brincadeira, as possibilidades de alguma coisa que te possa criar mais tempo, algo que possas mudar.

E aceita esta necessidade de tempo para ti, para o teu coração, para a tua Alma.

Esta é uma necessidade que podes valorizar, mas cria-lhe mais espaço, porque na realidade é o desejo da Alma.

Sente que podes ser amante do Tudo, então sente a necessidade de ficar perto do Tudo que contém o Amor, que contém a Luz.

É por isso que o teu tempo se está a tornar cada vez mais precioso.

Vive-o intensamente, totalmente, pedindo-Me sempre para te ajudar também aqui.”

 

 

 

Pergunta:

 

Podes ajudar-me a compreender melhor como observar o plano da minha Alma?

 

Resposta:

 

“Não somente o podes observar como uma hábil ilustradora  olhando-o do alto, mas podes também sentir com o coração o que podes apagar, mudar ou deixar.

E se estiveres incerta, podes em cada ação, passo, expressão, ou escolha, perguntar-te:

Isto é realmente importante para o meu corpo, o meu coração, a minha Alma? Isto é realmente necessário, ou está a desviar o meu olhar do Céu, da minha Alma? –

E isto faz sempre coMigo, porque esta tua pergunta criar-Me-á espaço, criará espaço para a Minha ajuda, para compreenderes a resposta do teu coração.

Com serenidade olha todo o teu quotidiano, reconhecerás a quantidade de tempo que é fácil tirar ao coração, à Alma, para pensamentos inúteis, para expressões e ações não necessárias, para hábitos.

Descobrirás muitas coisas não indispensáveis, muitas ilusões.

Ao dares grande espaço ao coração, muito tempo à Alma, no coração entrará a paz que estás a procurar, o Amor que te sacia.

É assim que deixarás de lado muitos hábitos, muitas coisas, porque sentirás aquelas que realmente te levam à paz, à felicidade, ao Amor.

Vive tudo intensamente, em tudo faz-te esta pergunta, e saberás criar as prioridades, reconhecer o Tudo, escolher conscientemente.

E quando chegar algo que muda o teu programa, sorrirás, ao sentires que aquele algo é muito importante para a tua Alma, quer tu o compreendas ou não naquele momento.”

 

 

 

 

“… Protege o teu coração, a tua Alma, a tua serenidade.

Tens necessidade de paz, de calma, de Amor.

O quotidiano deve ser vivido, mas aprende também a proteger-

-te das coisas do quotidiano, quando estas te tiram a serenidade, te tiram a calma, a paz.

Respira conscientemente levando dentro de ti o Amor, a Luz, que sempre continuarei a incutir dentro de ti.

Alivia cada dia mais o teu coração, atenta para não deixar que nada nem ninguém o sobrecarreguem, para deixar livre as tuas asas.

Com consciência e responsabilidade vive o teu quotidiano.

Presta atenção ao teu corpo e cura-o, protege o teu coração, a tua Alma do que não é Luz, do que não é Amor.

Lembra-te que és livre para escolher tudo, também para te afastares ou mudares de direção.”

 

 

 

Pergunta:

 

Muitas vezes no trabalho tenho dificuldades com os meus colegas, pode-me ajudar?

 

Resposta:

 

“Observa estes ‘Corações’ como Almas que te podem treinar, te podem ajudar a lembrar o Antigo, Almas com as quais podes manifestar os teus conhecimentos da Alma, exprimir a tua Essência.

Sente que estás ali por muitas razões, que estás ali para ti, mas sente também que estás ali para estes ‘Corações’, estás ali para a Luz e o Amor.

Se te sentires ao serviço da Luz e do Amor, serás feliz não  somente ali, mas em qualquer lugar que fores, porque sentirás que Eu estou ali contigo, para doar juntamente contigo, para levar Luz através de ti, para encher aqueles ‘Corações’ de Amor, envolver aquelas Almas com a Luz, e tudo através de ti.

Tantos são os ‘Corações’ que têm fome, têm sede, tantos são os lugares que te esperam.

Se te lembrares disto, o teu coração ficará leve, e cada vez mais força terás para viveres tudo serenamente.”

 

 

 

Pergunta:

 

Daqui a poucos dias vou começar um trabalho novo, o que é que me espera?

 

Resposta:

 

“Uma diferença, porque agora o viverás como Alma despertada.

Agora tens a capacidade de criar muitas ocasiões para levares Luz, para doares Amor, para levares as sementes do despertar, para doares as consciências da Alma.

Cada dia, de manhã, pede-Me ajuda para poderes ser quem és, para poderes exprimir a tua Essência naquele trabalho.

Pede-Me para te ajudar a compreender onde podes levar tudo isto, como é que podes criar as possibilidades para que isto aconteça, e pede-Me para te levar às situações para poderes viver tudo isto.

Não olhes para o trabalho como algo que te permite viver o teu quotidiano, ou como uma responsabilidade da tua vida, mas olha-o como um grande meio para doares o que tens, para exprimires o que és, para cooperares coMigo.

E ai, muitas ocasiões terás.

Pensa antes de tudo nisto, não te preocupes por nada, e vás serena.”

 

 

 

Pergunta:

 

Estou procurando tanto um trabalho que possa aquecer o meu coração, mas não o consigo encontrar. Talvez isto tenha pouca importância no meu Caminho?

 

Resposta:

 

“Tudo o que vives tem importância, porque faz parte do desígnio da Alma, e o que é importante, é que tu não lhe dês demasiada importância.

Isto é diferente. Mesmo que te pareça que a diferença é subtil, pelo contrário, ela é muito grande.

Assim, vive com responsabilidade e age intensamente em todas as coisas, pequenas e grandes, e nada alentecerá o Caminho que escolheste, afastará o teu olhar do Céu.

O grande crescimento é nas pequenas coisas de todos os dias, é por isso que é necessário estarmos atentos a tudo o que vivemos.

Também um breve encontro, uma simples situação, um pequeno acontecimento, podem conter uma lição, uma ocasião para mudares ou doares.

Isto é observar, isto é crescer, isto é aprender, e depois deixar correr o tudo para fluir no Tudo, com o único objetivo de deixar livre a Alma, de crescer e evoluir.

Isto leva-nos a vivermos tudo com grande responsabilidade, sem nos agarrarmos a nada, sem sentirmos que nada é mais importante do que nós mesmos, do que a Alma, do que o nosso Caminho.

Isto é deixar que nada possa perturbar o coração.

Não é fácil encontrares um trabalho que aqueça o teu coração, mas, por mais que o teu quotidiano te possa parecer frio, podes aquece-lo ao o aceitares, observando tudo do alto, vivendo tudo como oportunidades.

É ao aquecer os ‘Corações’ que encontrares, que o teu coração se aquecerá.

E se viveres assim, se te apresentares assim, muitos ‘Corações’ depois aquecerão o teu coração.

E assim é, e será, com o teu trabalho.

Vive com simplicidade, com felicidade, mantendo aberto o coração para cada mudança.

Depois, age para encontrares um trabalho mais indicado para ti, mais leve para o teu coração.

E também nisso pede-Me para te ajudar, para Me permitires assim, de fazê-lo totalmente.”

 

 

 

Pergunta:

 

Pergunto-te se o trabalho que estou a fazer agora é compatível com o meu crescimento, porque sinto o desejo de ter mais espaço para mim, mais tempo livre para a minha Alma.

 

Resposta:

 

“Este trabalho é bom para o teu crescimento, mas não é indispensável para ele.

Observa-o para colheres tudo o que ali podes viver, exprimir, doar, aprender, ajudar.

Depois, olha ao teu redor para ver se há outros lugares mais confortáveis, para encontrares um trabalho que te possa permitir ter mais tempo para a tua Alma.

Se realmente desejares mudar o teu trabalho somente para o teu coração, para a tua Alma, as ocasiões não faltarão.”

 

 

 

Pergunta:

 

Não me sinto bem no meu trabalho e não sei que outro poderia fazer.

 

Resposta:

 

“Quanto mais caminhares num Trilho de Luz, com o coração aberto, seguindo a tua Alma, menos será fácil continuares a viver o quotidiano, trabalhar em situações onde não te podes exprimir a ti mesma, viver a tua Essência.

Ao cresceres, ao te elevares, afastar-te-ás naturalmente do mundo, das vibrações emitidas dos ‘Corações’ muito agarrados ao mundo e às coisas do mundo.

Com Amor aceita este trabalho, e vive o tudo com as consciências que tens.

Leva o teu pensamento, as tuas ações, a tua energia, em direção às oportunidades novas, pedindo-Me para te ajudar.

E lembra-te que tudo muda e mudará, tudo podes criar e viver, de forma nova, em lugares novos, que te permitam caminhar com mais leveza, viver com mais simplicidade, se estiveres pronta a mudar, a deixar.”

 

 

 

Pergunta:

 

Ultimamente não me sinto bem no ambiente onde trabalho.

 

Resposta:

 

“Bem poucos serão os ambientes onde te poderás sentir bem.

Ao amares cada vez mais a liberdade, a integridade, a harmonia, a felicidade, o Amor, que naqueles lugares dificilmente se pode encontrar, ao seguires um Trilho de Luz, cada vez mais vives com dificuldade nos lugares onde tudo é criado para objetivos bem distantes do coração e da Alma.

Estás a sentir que a tua Alma te pede outro, que o teu coração te pede vibrações muito diferentes, às vezes opostas.

Tudo observa do alto, com as consciências que tens, pede-Me para te ajudar e observa se existem possibilidades para mudanças.

Isto, mesmo continuando a aceitares e amares o teu quotidiano, o teu trabalho, as pessoas ao teu lado.”

 

 

 

Pergunta:

 

Procurei muito, mas não consigo mudar este trabalho que não aguento mais.

 

Resposta:

 

“A chave é antes de tudo aceitá-lo e fazer tudo para conseguires também amá-lo.

Sente-o como uma ocasião, uma ajuda, como o trabalho muitas vezes é.

Não o vivas mais com ansiedade, porque ela ofusca tudo e ofusca também as possibilidades que estão perto de ti. Leva a serenidade dentro do teu coração, doando-Me estas dificuldades.

Depois, chama-Me e diz:

Ajuda-me a sentir e viver este meu trabalho, como um treino, uma ocasião, como uma oportunidade para mim, para doar o que tenho, o que conheço, aos ‘Corações’ que ali encontro. Ajuda-me a viver tudo com intensidade e com serenidade – .

Lembra-te que quando ali não existirem mais ocasiões para aprenderes ou doares o que a tua Alma escolheu, chegará a oportunidade de mudares.

Vive tudo na entrega.

A entrega verdadeira, cria espaço ao novo, a escolha de seguir a Alma antes de tudo, cria ocasiões novas.

Fica pronta não somente para mudar o trabalho, mas para qualquer mudança.

Sonha o que gostaria de mudar, sabendo que as mudanças depois poderão ser diferentes, muito maiores, muito mais bonitas, com mais possibilidades de te tornares feliz, de viveres serena, em paz.”

 

 

 

Pergunta:

 

Estou consciente que o meu trabalho pode ser uma grande oportunidade para mim e para a minha Alma, mas existem fortes tensões, maneiras de agir injustas, faltas de respeito, que me empurram a deixá-lo.

 

Resposta:

 

“Estás a sentir que tudo isto torna o teu coração pesado, e que não podes mais aceitar o que ali acontece.

Exprime o que sentes certo para ti, pede o respeito que desejas, compartilha a maneira como escolheste viver.

Isto pode mudar muito as situações e as vibrações de quem está ao teu redor.

Faz tudo sorrindo, e observa se esta tua serenidade, a paz que levas ao compartilhares, provoca alguma mudança.

Se isto não acontecer, sabes que chegou o momento para dizeres:

Isto não aceito mais, porque escolhi viver com serenidade, em paz, na liberdade – .

Então, não exprimas juízos e vive a tua Essência de guerreira que luta pela verdade, pela Luz e pelo Amor.

É indispensável exigir o respeito e poder ser livre para agir na Luz, com o Amor: isto é viver o Poder do Ser.

Se estiveres sempre pronta a deixares tudo de lado, conseguirás levar clareza e exigir respeito, em qualquer lugar e com qualquer pessoa.

É quando tememos deixar, perder, que sufocamos a nossa expressão, aceitamos os compromissos, não vivemos o nosso poder iluminado.

Isto leva-nos também a ver as prisões como proteção, leva-nos a procurar seguranças nas ilusões do mundo.

Mas a Alma não pode ser livre de se elevar ao Céu, se aceitarmos estas prisões, que para cada um podem ser diferentes.

Nas prisões o guerreiro não pode combater, a criança não pode correr feliz, a flor não pode desabrochar, porque ali não chegam os raios do sol.

Agora podes compreender como pode ser uma ocasião para cresceres, para aprenderes, para doares, para exprimires, o aceitares e viveres uma situação, o saberes transformar aquela situação, e o distanciar-te daquela situação.

Vive tudo, exprime tudo, sem nenhum temor, ao saberes que tudo o que é bom para a tua Alma levarei até ti, também uma mudança agora inimaginável para ti.”

 

 

 

Pergunta:

 

Temo que ir de férias seja agora arriscado para mim, para o meu Caminho.

 

Resposta:

 

“É arriscado tendo em conta o lugar que escolheres, à maneira como viveres as tuas férias.

Podes escolher um lugar onde viver as coisas que tornam ainda mais leve o teu coração, onde podes ter mais tempo ou espaço para a tua Alma, e assim exprimires ainda mais a felicidade e a gratidão.

Podes escolher um lugar onde tens a possibilidade de levar ainda mais Amor e atenções ao teu corpo, e reforçá-lo.

Podes escolher um lugar onde podes estar em contacto com  a Natureza, com a tua Alma, coMigo.

Assim os momentos de férias não vão ser arriscados, mas podem-se tornar grandes possibilidades.

Podem ser momentos para regenerar e nutrir o corpo, o coração e a Alma.

Fica vigilante ao escolheres o lugar que te permita tudo isto, fica atenta à maneira como vives esse tempo.

E pode acontecer que, também o momento de férias, se torne uma ocasião para treinares, para exprimires a tua Essência, para doares o teu Amor, para doares sementes do despertar às Almas que ali encontrares.

Vive o tudo na felicidade total, brincando.

Lembra-te que a Criança que está dentro de ti, tem a necessidade de brincar, de cantar, de correr livre.”

 

 

Comentário

 

Amada Alma Luminosa,

                                         o que agora leste poder-te-ia fazer pensar que a vida do ‘despertado’ não é simples.

As consciências pedem empenho.

As escolhas responsáveis podem criar temores.

O pedido de atenção contínua ao que vivemos, ao que nos rodeia, pode-nos parecer stressante.

A coerência que o Caminho do crescimento pede, pode fazer com que se sinta tudo demasiado laborioso.

Mas na realidade não é assim…

Naturalmente, também a vida de quem está num Caminho luminoso, nem sempre é fácil ou simples, mas pode-se torna-lo, ao vivermos o que os nossos Anjos nos indicam. E assim a vida pode também ser muito feliz e gratificante.

Por experiência própria, e de muitas pessoas que encontrei no meu Caminho, posso dizer que é muito mais difícil e cansativo vivermos sem as consciências da Alma.

O quotidiano muitas vezes sobrecarrega, entristece, magoa.

Observando do alto, o facto de nos tornarmos testemunhas do que nos acontece e do que acontece ao nosso redor, torna-se numa fonte de serenidade contínua, que nada nem ninguém nos pode tirar.

Conquistar um alto topo pede sempre empenho, atenção e esforço, mas todo o cansaço desaparece quando chegares ao topo e te deixares embriagar da felicidade, das emoções que ali sentes, enquanto o teu olhar se perde no horizonte infinito do Céu.

Alma Luminosa, não é uma utopia vivermos entregues sorrindo ao Céu, amarmos o Universo com a felicidade de sabermos que somos conduzidos, protegidos, ajudados pelos Anjos. Sentirmos que tudo podemos deixar fluir e não nos deixarmos tocar por nada.

Não é uma ilusão vivermos no mundo, mas sem nos sentirmos do mundo, amarmos tudo, sem nos agarrarmos a nada.

Isto pode-se tornar realidade ao vivermos as palavras dos Anjos, dia após dia.

A chave está aqui: vivermos o aprendido.

Esta é uma grande conquista que pede tempo e paciência.

Pede muita compreensão de nós mesmos, sobretudo quando não conseguimos pôr em prática as sugestões dos Anjos, (que criam as grandes alquimias em tudo) porque estamos envolvidos nas emoções, nas situações.

Pede constância no treino para nos lembrarmos o quanto conhecemos, exatamente no momento em que o precisamos.

Esta não é uma conquista somente grande, é também maravilhosa, porque nos leva a despertar sorrindo, a caminharmos na felicidade, a adormecermos serenos nos braços dos Anjos com a paz no coração.

 

 

Baseado no livro:  Estou perto de ti

 

http://www.suonidiluce.com/pt/livros/livros/os-livros-de-satya/

 

 

 

Exibições: 40

Comentar

Você precisa ser um membro de Anjo de Luz para adicionar comentários!

Entrar em Anjo de Luz

Seja um apoiador de Anjo de Luz

Para mantermos os sites de Anjo de Luz, precisamos de ajuda financeira. Para nos apoiar é só clicar!
Ao fazer sua doação você expressa sua gratidão pelo serviço! Lembre-se que dar e receber são aspectos diferentes do fluxo de energia no Universo.

 
Visit Ave Luz

 

PUBLICIDADE




Badge

Carregando...

Co-criando A NOVA TERRA

«Que os Santos Seres, cujos discípulos aspiramos ser, nos mostrem a luz que
buscamos e nos dêem a poderosa ajuda
de sua Compaixão e Sabedoria. Existe
um AMOR que transcende a toda compreensão e que mora nos corações
daqueles que vivem no Eterno. Há um
Poder que remove todas as coisas. É Ele que vive e se move em quem o Eu é Uno.
Que esse AMOR esteja conosco e que esse
PODER nos eleve até chegar onde o
Iniciador Único é invocado, até ver o Fulgor de Sua Estrela.
Que o AMOR e a bênção dos Santos Seres
se difunda nos mundos.
PAZ e AMOR a todos os Seres»

A lente que olha para um mundo material vê uma realidade, enquanto a lente que olha através do coração vê uma cena totalmente diferente, ainda que elas estejam olhando para o mesmo mundo. A lente que vocês escolherem determinará como experienciarão a sua realidade.

Oração ao Criador

“Amado Criador, eu invoco a sua sagrada e divina luz para fluir em meu ser e através de todo o meu ser agora. Permita-me aceitar uma vibração mais elevada de sua energia, do que eu experienciei anteriormente; envolva-me com as suas verdadeiras qualidades do amor incondicional, da aceitação e do equilíbrio. Permita-me amar a minha alma e a mim mesmo incondicionalmente, aceitando a verdade que existe em meu interior e ao meu redor. Auxilie-me a alcançar a minha iluminação espiritual a partir de um espaço de paz e de equilíbrio, em todos os momentos, promovendo a clareza em meu coração, mente e realidade.
Encoraje-me através da minha conexão profunda e segura e da energia de fluxo eterno do amor incondicional, do equilíbrio e da aceitação, a amar, aceitar e valorizar  todos os aspectos do Criador a minha volta, enquanto aceito a minha verdadeira jornada e missão na Terra.
Eu peço com intenções puras e verdadeiras que o amor incondicional, a aceitação e o equilíbrio do Criador, vibrem com poder na vibração da energia e na freqüência da Terra, de modo que estas qualidades sagradas possam se tornar as realidades de todos.
Eu peço que todas as energias e hábitos desnecessários, e falsas crenças em meu interior e ao meu redor, assim como na Terra e ao redor dela e de toda a humanidade, sejam agora permitidos a se dissolverem, guiados pela vontade do Criador. Permita que um amor que seja um poderoso curador e conforto para todos, penetre na Terra, na civilização e em meu ser agora. Grato e que assim seja.”

© 2020   Criado por Fada San.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço