Anjo de Luz

Informação é Luz , ajude a propagar

COMPAIXÃO POR AQUELES QUE FAZEM MAL .Mensagem de Julie Redstone.

COMPAIXÃO POR AQUELES QUE FAZEM MAL


COMPAIXÃO POR AQUELES QUE FAZEM MAL
Mensagem de Julie Redstone

O que eu estou compartilhando com você aqui, não é exatamente um Boletim Informativo, mas um manifesto espiritual que pertence ao futuro da Terra. Trata-se do mundo como ele será e como chegaremos “lá” a partir “daqui”.

Por favor, leia-o com o seu coração e o compartilhe com os outros, como se sentir guiado. Eu lhe ofereço com o mais profundo amor.


Olhamos à nossa volta e vemos montanhas, riachos, o céu, o nascer do sol, as árvores e grande beleza. No entanto, nesta grande beleza e, continuamente, em um processo de auto-cura, a Terra está tentando se libertar das energias negativas que ela tirou de nossas ações, de nossas palavras e de nossos pensamentos.

Temos de aprender a ter compaixão por aqueles que fazem o mal, cujos corações estão cobertos pela ilusão, de modo que eles não podem acessar a verdade do seu próprio ser mais profundo que é sempre positivo, que é sempre amor.

Esta verdade pode estar enterrada por baixo de uma nuvem de escuridão, de modo que se torna tudo praticamente inacessível, e que a pessoa em tal situação não pode sentir a sua própria humanidade, nem a humanidade dos outros e quando os outros se tornam irreais, ou irreais ao coração, então, o coração não pode interferir, quando uma tendência surge de tratá-los como objetos.

O mesmo é verdade pelo dano feito à Terra. Tratamos a Terra como um objeto, porque não temos um conhecimento melhor. Estamos começando a conhecer melhor, mas para a maioria de nós, não existimos ainda no relacionamento direto com a Terra, um relacionamento que é um relacionamento de família, tão importante para o nosso coração, como são os nossos filhos, ou como são alguns dos nossos amados membros da família.

Devemos fazer da Terra a nossa família, em uma realidade viva que lhe dá importância, mas não fizemos isto ainda. Conhecemos um pouco sobre a importância da Terra com a nossa vida, mas não fizemos da Terra um membro da família. Não nos importamos com a Terra, como nos importamos com os nossos filhos.

E o que dizer do mal que fazemos uns aos outros, de maneiras que parecem leves, mas que têm consequências das quais não estamos conscientes, e das quais podemos ainda optar por estarmos inconscientes.

Emitimos palavras ríspidas, sarcásticas, iradas ou degradantes, e pensamos: “Elas são apenas palavras e isto é o que os seres humanos fazem.”

Temos pensamentos de raiva, de ofensa, de vingança, de ciúmes ou de críticas e pensamos: “Estes são apenas pensamentos. Eles não prejudicam os outros e é isto o que os seres humanos fazem.”

Estamos ainda adormecidos. Estamos ainda inconscientes com o fato de que as nossas palavras e os nossos pensamentos podem fazer mal aos outros e à Terra porque todo pensamento é energia.

Todas as palavras e todos os pensamentos criam uma energia que se irradia de nós, expressemos as palavras ou não. Embora seja verdade que palavras expressas tenham mais efeito do que palavras silenciosas, não é verdade que não sejam prejudiciais. Estamos apenas ainda adormecidos com a nossa própria capacidade de sermos gentis ou de prejudicarmos os outros e a Terra.

Tudo o que pensamos, tudo o que sentimos, tudo o que dizemos, torna-se parte da atmosfera espiritual da Terra. Isto permanece nesta atmosfera, e quando os pensamentos que são negativos se reúnem e ganham massa, eles começam a alcançar uma potência que faz com que sejam absorvidos pelo corpo da Terra.

Olhamos à nossa volta e vemos montanhas, riachos, o céu, o nascer do sol, as árvores e grande beleza. No entanto, nesta grande beleza e, continuamente, em um processo de auto-cura, a Terra está tentando se libertar das energias negativas que ela tirou de nossas ações, de nossas palavras e de nossos pensamentos.

Mantemos a ilusão que porque somos uma pessoa em um corpo físico, que somos pequenos em comparação à Terra, que nossos pensamentos e nossas palavras não são de grande importância, exceto aqueles com quem falamos, ou exceto com quem estamos em um relacionamento íntimo. Isto nunca é verdade.

Isto é uma ilusão que apoiamos por causa de quanto temos valorizado a perspectiva física de nossos cérebros e sentidos físicos, em vez da perspectiva espiritual de nossa alma e de nosso ser mais profundo. É o nosso ser mais profundo que nos transmite o conhecimento de que toda a vida está interligada, Sabemos disto com o nosso ser mais profundo. Não sabemos ainda disto com os nossos corpos.

E assim, cometemos danos à Terra e aos outros, sem a intenção de cometer danos e sem saber que estamos fazendo isto. Entretanto, uma parte nossa sabe que é indelicado expressar palavras ásperas. Sabemos disto e nos perdoamos porque somos “somente seres humanos”.

Esta raiva, este ciúme, este egoísmo, este julgamento, este desejo de vingança, esta raiva, tornaram-se o que parece natural para a nossa perspectiva de ser apenas “humano”. E, assim, aceitamos a insensibilidade dentro de nós, por causa de nossas crenças sobre o que somos capazes de fazer e porque nós, como pessoas individuais, sentimo-nos muito insignificantes para fazer uma diferença para o futuro da Terra, a qual parece, em sua concepção, tão grande e tão além de nós.

Fazemos uma diferença e afetamos a Terra com as nossas palavras, pensamentos e ações, e colocamos na Terra a energia do que liberamos de nossos lábios e ao que damos voz, bem como liberamos os pensamentos que mantemos como mais invisíveis.

E, no entanto, eles não são, porque eles se movem a partir de nós como uma força radiante que afeta a atmosfera ao nosso redor. Sabemos que isto é verdade porque tivemos a experiência de estarmos perto de outras pessoas mais negativas que nos afetam com o que levam interiormente. E, contudo, continuamos a nos reduzir a “sem importância”.

Viemos aqui para importar. Viemos aqui para escolher. Viemos aqui para celebrar a vida, não para diminuí-la. Em nossas almas, fizemos um compromisso profundo com este propósito, ainda que não o estejamos cumprindo com os nossos corpos. Em nossas almas, nós sabemos quando estamos fora de alinhamento com a celebração da vida.

E, assim, devemos começar a ser mais honestos conosco e mais observadores, reconhecermos com a honestidade de nossos corações quando sentimos que atravessamos a linha entre a bondade e a maldade em palavras, pensamentos ou ações. Quando sentimos que não mais estamos no domínio de nos importarmos com os outros ou com a Terra; quando sentimos que o que pensamos ou dizemos não mais importa, porque somos “apenas uma pessoa”.

Esta é a ideia errônea que deve nos deixar, a fim de que a vida se torne mais rica e para que as pessoas sejam capazes de experienciar o nosso amor. Devemos dar aos outros a parte de nosso ser que contém este amor, e apagarmos de nossa doação o que sabemos ser doloroso ou menos do que amor.

Isto é verdade em nosso relacionamento com os outros, e é verdade em nosso relacionamento com a Terra. Ao fazê-lo, criamos uma profunda cura e transformação. Não apenas para nós mesmos, mas para a vida da Terra. Tornamo-nos a vida da Terra, e honramos o propósito sagrado que vive mais profundamente em nossos corações.

Compartilhe com Ética mantendo todos os créditos
Formatação - DE CORAÇÃO A CORAÇÃO 
https://www.decoracaoacoracao.blog.br/
https://lecocq.wordpress.com
http://lightomega.org
Tradução: Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br
Grata Regina!

LUZ!
STELA

***
Gratidão.
Paz e Luz!

Exibições: 493

Comentar

Você precisa ser um membro de Anjo de Luz para adicionar comentários!

Entrar em Anjo de Luz

Comentário de elizabeth castedo em 30 abril 2019 às 1:05

Gratidão pelo texto tão esclarecedor para todos nós!!!!!!

Muita luz e amor !!!

Comentário de maria cristina garmatter em 21 abril 2019 às 16:53

Muito grata pelas explicações deste manifesto espiritual de grande valor para todos nós que amamos a Terra como nosso Planeta Azul.

Gratidão!!

Comentário de Dulce Varela em 16 abril 2019 às 20:50

Muito grata, Paz, Amor e muita Luz.

Comentário de angela tavares de castro em 16 abril 2019 às 20:40

Gratidão. Muita Luz, Paz e Amor...

Comentário de Alodir de Oliveira em 16 abril 2019 às 19:22

Obrigado   ..   muita  gratidão   ..   AMOR,PAZ   e  LUZ....

Seja um apoiador de Anjo de Luz

Para mantermos os sites de Anjo de Luz, precisamos de ajuda financeira. Para nos apoiar é só clicar!
Ao fazer sua doação você expressa sua gratidão pelo serviço! Lembre-se que dar e receber são aspectos diferentes do fluxo de energia no Universo.

 
Visit Ave Luz

 

PUBLICIDADE




Badge

Carregando...

Co-criando A NOVA TERRA

«Que os Santos Seres, cujos discípulos aspiramos ser, nos mostrem a luz que
buscamos e nos dêem a poderosa ajuda
de sua Compaixão e Sabedoria. Existe
um AMOR que transcende a toda compreensão e que mora nos corações
daqueles que vivem no Eterno. Há um
Poder que remove todas as coisas. É Ele que vive e se move em quem o Eu é Uno.
Que esse AMOR esteja conosco e que esse
PODER nos eleve até chegar onde o
Iniciador Único é invocado, até ver o Fulgor de Sua Estrela.
Que o AMOR e a bênção dos Santos Seres
se difunda nos mundos.
PAZ e AMOR a todos os Seres»

A lente que olha para um mundo material vê uma realidade, enquanto a lente que olha através do coração vê uma cena totalmente diferente, ainda que elas estejam olhando para o mesmo mundo. A lente que vocês escolherem determinará como experienciarão a sua realidade.

Oração ao Criador

“Amado Criador, eu invoco a sua sagrada e divina luz para fluir em meu ser e através de todo o meu ser agora. Permita-me aceitar uma vibração mais elevada de sua energia, do que eu experienciei anteriormente; envolva-me com as suas verdadeiras qualidades do amor incondicional, da aceitação e do equilíbrio. Permita-me amar a minha alma e a mim mesmo incondicionalmente, aceitando a verdade que existe em meu interior e ao meu redor. Auxilie-me a alcançar a minha iluminação espiritual a partir de um espaço de paz e de equilíbrio, em todos os momentos, promovendo a clareza em meu coração, mente e realidade.
Encoraje-me através da minha conexão profunda e segura e da energia de fluxo eterno do amor incondicional, do equilíbrio e da aceitação, a amar, aceitar e valorizar  todos os aspectos do Criador a minha volta, enquanto aceito a minha verdadeira jornada e missão na Terra.
Eu peço com intenções puras e verdadeiras que o amor incondicional, a aceitação e o equilíbrio do Criador, vibrem com poder na vibração da energia e na freqüência da Terra, de modo que estas qualidades sagradas possam se tornar as realidades de todos.
Eu peço que todas as energias e hábitos desnecessários, e falsas crenças em meu interior e ao meu redor, assim como na Terra e ao redor dela e de toda a humanidade, sejam agora permitidos a se dissolverem, guiados pela vontade do Criador. Permita que um amor que seja um poderoso curador e conforto para todos, penetre na Terra, na civilização e em meu ser agora. Grato e que assim seja.”

© 2019   Criado por Fada San.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço