Anjo de Luz

Informação é Luz , ajude a propagar

IVANILDO FALCÃO DA GAMA
  • 65, Masculino
  • CALDAS NOVAS - GOIÁS
  • Brasil
Compartilhar

Amigos de IVANILDO FALCÃO DA GAMA

  • Stela Rodrigues
  • Magda
  • Maria Madalena Fernandes Campos
  • Elaine Lucena Teles
  • charles marques
  • ANDREY NEZIK MOREIRA
  • Elizabete Avelino dos Santos
  • Cris Moura
  • sonia tereza brown scavarda
  • Osmar Fraga Minar
  • Luz dos Anjos
  • Silvana Rausis Fcachenco
  • NINNA ANGEL♥
  • Maria Elizabeth Pereira da Costa
  • Maria Paulo

Discussões de IVANILDO FALCÃO DA GAMA

NÃO HÁ...

Iniciou esta discussão. Última resposta de Luz Do Mar 6 Mar, 2010. 1 Resposta

QUE...

Started 25 Fev, 2010 0 Respostas

 

Página de IVANILDO FALCÃO DA GAMA

Informações do Perfil

Tem alguma informação de luz para compartilhar ?
SIM, VÁRIAS E VÁRIAS...
Quem é você ?
EU SOU, EU SOU, PROFESSOR, AUTODIDATA, LIVRE-PENSADOR, ALGUÉM QUE BUSCA A REALIZAÇÃO DE DEUS EM SI E DESCOBRIR DEUS EM CADA UM DE NÓS,
COM SEDE DE COMPARTILHAR.
Tem algum website ?
http://www.supraconsciencia.blogspot.com
Musicas e livros favoritos
DANÚBIO AZUL
AUTOBIOGRAFIA DE UM YOGUE
BHAGAVAD GITA
AOS PÉS DO MESTRE
"GRAÇAS A DEUS"

PENSAMENTOS - REFLETIR É LUZ! - AGOSTO DE 2011

 

PENSAMENTOS II – REFLETIR É LUZ!

 

 AGOSTO DE 2011

 

 

 

1. “Pensamentos de amor, de paz, de contentamento, de pureza, de perfeição, de divindade, o tornarão, e a outros à sua volta, perfeitos e divinos.

Swami Sivananda

 

2. “O único motivo de nossa existência na Terra é ser a luz do mundo, é mostrar aos outros que estão na busca como se elevar acima do sentido humano da existência.”

Joel Goldsmith

 

3. “A lâmpada que pode iluminar-lhe o mundo tem de ser acesa dentro de você mesmo.”

Paul Bruton

 

4. “A Natureza inteira sofre e geme aguardando que os Filhos de Deus se revelem.”

A Mãe

 

5. “O Eu individual e o Eu Universal, são um só, em cada mundo, em cada ser, em cada coisa, em cada átomo está a Presença Divina, e o homem tem por missão manifestá-la.”

A Mãe

 

6. “O impulso que conduz o ser à verdadeira cura é o que leva sua consciência a desbravar universos interiores, a libertar-se dos planos formais e ir ao encontro do espírito.”

Clemente

 

7. “A razão de ser a vida das pessoas tão sem graça e desinteressante é o fato de elas dependerem de canais pouco profundos para a sua felicidade, em vez de se dirigirem à Fonte Ilimitada de toda a alegria dentro delas mesmas.”

Yogananda

 

8. “As dificuldades se resolvem de forma simples quando nos é dado penetrar a essência das coisas, quando enfim conhecemos a Força Universal, do próprio coração!”

Trigueirinho

 

9. “Não seja amigo dos maldosos. O carvão, quando está quente, queima: e quando está frio, mancha os dedos.”

Helena P. Blavatsky

 

10. “Somente na perfeita quietude da mente, quando são banidos todos os pensamentos discursivos e invasores, pode-se alcançar a verdadeira pureza e o ego ser banido com eles.”

Paul Bruton

 

11. “Para quem dominou o eu inferior através do Eu Superior, o eu inferior é um amigo. Mas para aquele que não venceu os sentidos através da força mental, o eu inferior é um inimigo.”

Helena P. Blavatsky

 

12. “Dentro de nós encontra-se a essência do inferno e do céu. Devemos aprender a expressar mais as qualidades celestiais.”

Yogananda

 

13. “A calma vem facilmente para o homem que de fato confia em um Poder mais alto.”

Paul Bruton

 

14. “Duvida de tua mente se quiseres, mas não duvides de que Deus te conduz.”

Sri Aurobindo

 

15. “Que necessidade há de tantas notícias de fora, quando tudo o que está ligado à vida ou à morte ocorre e opera dentro de nós?”

William Law

 

16. “Felicidade é a capacidade de acreditar. Sabedoria é a capacidade de duvidar e discernir. Só o espírito pode uni-los.”

Tom Chung

 

17. “O que a mente faz a mente desfaz.”

                                                        A.D. 

 

18. “A mente precede todas as coisas, domina todas as coisas, cria todas as coisas.”

Gautama Buda

 

19. “Só existe uma Consciência, um Ser e uma Vida, o Um experienciando todas as suas próprias nuances.”

Intervenção-net

 

 

20. “Para chegarmos à consagração de nós mesmos, todos os meios são bons, todos os métodos têm seu valor, a única coisa realmente indispensável, é a perseverança na vontade de atingir o alvo.”

A Mãe

 

21. “Que as aves da aflição pairem sobre sua cabeça, isto não podes evitar... mas que façam ninhos nela, isto sim, poderás evitar.”

Confúcio

 

22. “Somente seguindo o caminho do amor você pode experimentar a bem aventurança. Assim como apenas ler os nomes dos pratos não pode aplacar sua fome, assim também você não poderá desfrutar a doçura da vida e ser feliz a não ser que fale palavras doces e realize ações sagradas.”

Sathya Sai Baba

 

23. “Esvaziai vossa mente dos porquês.”

Trigueirinho

 

24. “O conhecimento é necessário para que o Eu se torne livre e se conheça unicamente como Si mesmo.”

Annie Besant

 

25. “Aceite as adversidades com amor e nunca encontrará o sofrimento.”

Amma

 

26. “Não existe absolutamente nada, nenhum ato, que faça com que Deus nos abandone. Ele jamais se afastará de nós.”

Sri Daya Mata

 

27. “Jamais se identifique com os erros que cometeu. Você é um Filho de Deus. Afirme o seu relacionamento eterno com Ele.”

Yogananda

 

28. “Um homem bem ordenado não se vangloria de perfeições super-humanas.”

Helena Roerich

 

29. “Podemos nos tornar um hindu melhor, um muçulmano melhor, um católico melhor.”

Madre Teresa de Calcutá

 

 

30. “A Ciência sem a religião é aleijada, e a religião sem a ciência é cega.”

Sábios

 

31. “Quando se houver cessado de ouvir os muitos, poder-se-á discernir o Um.”

Trigueirinho

 

32. “Se podes olhar, vê, e se podes ver, repara!”

Saramago

 

33. “Todos os nossos problemas surgem de nós mesmos, por mais que eles possam parecer que vem de fora.”

William Judge

 

34. “Vocês pensam que Deus não fala porque não se ouve a Sua voz? Quando é o coração que reza Ele responde.”

Santa Teresa de Ávila

 

35. “O Cristo não pediu muita coisa, não exigiu que as pessoas escalassem o Everest ou fizessem grandes sacrifícios. Ele só pediu que nos amássemos uns aos outros.”

Chico Xavier

 

36. “... é possível ver a beleza e a perfeição, mas, para isso tendes de dar vosso testemunho de protesto contra as injustiças, a violência e a maldade que ferem a dignidade de vosso espírito, atuando como cidadãos para reverterem estas situações. Aqueles que se esforçam em servir são os verdadeiros arautos da nova era, comparados àqueles que além de não servirem à Verdade, só sabem julgar. Sereis merecedores de bênçãos e dádivas proporcionais às vossas obras, sem distinções.”

 

Mestre Morya

 

37. “Nem tudo o que é importante é prioritário e nem tudo o que é necessário é indispensável.”

Ad. Sonia Regina

 

38. “Dái-me Senhor, a sabedoria das ondas do mar que fazem do recuo a força para um novo avanço.”

Gabriela Mistral

 

39. “Pensa nas estrelas que sempre dão sua luz à humanidade. Sê como elas e dá teu amor, sabedoria e conhecimento a todos.”

Helena Roerich

 

40. “O fracasso é a prova que antecede ao êxito.”

A.D.

 

41. “A tolerância é o mais alto grau da força.”

                                                          A.D.        

 

42. “O desejo de vingança é a primeira manifestação da debilidade.”

A.D.

 

43. “De tanto construir aprendi a construir a mim mesmo.”

Fídias

 

44. “O segredo da saúde da mente e do corpo está em não lamentar o passado, em não se afligir com o futuro e em não antecipar preocupações; mas está no viver sabiamente e seriamente o presente momento.”

Buda

 

45. “Aquele que aprendeu a orar possui o maior segredo para uma vida santa e feliz.”

William Law

 

46. “Nenhum de nós é tão bom quanto todos nós juntos.”

A.D.

 

47. “Há dois pensamentos dos quais uma pessoa bem sucedida tem que abrir mão: “Não vou conseguir nunca” e “Já cheguei onde queria chegar.””

Yhuda Berg

 

48. “Os olhos são janelas, pelas quais se vê o coração. O cérebro é uma porta, pela qual o coração pode escapar.”

Helena P. Blavatsky

 

49. “Eu segurei muitas coisas em minhas mãos e perdi tudo, mas tudo que eu coloquei nas mãos de Deus, eu ainda possuo.”

Martin Luther King

 

50. “Sejamos como setas aspirando ao céu a partir de uma corda ardente do arco. Que o pensamento encontre em cada objeto terrestre a substância espiritual que criará uma imagem bela no infinito.”

Helena Roerich

 

51. “Os homens superiores são tranqüilos, silenciosos e anônimos. São homens que conhecem realmente os poderes do pensamento, sabem que mesmo vivendo numa caverna e só tendo cinco pensamentos em toda sua vida, esses cinco pensamentos viverão por toda a eternidade.”

 

Swami Vivekananda

 

52. “Veja o otimismo da Natureza. Somente o ego faz o ser humano pessimista e causa sofrimento.”

Amma

 

53. “A partir do momento em que seguirmos alguém, cessaremos de seguir a Verdade.”

Krishnamurti

 

54. “A cura nasce do silencio naquele que, tendo-se esvaziado, se volta ara o Alto e se deixa preencher pelo que lá encontra.”

Trigueirinho

 

55. “No mundo atual está-se investindo cinco vezes mais em remédios para virilidade masculina e silicone para as mulheres do que para a cura do mal de Alzheimer. Daqui a alguns anos teremos velhas de seios grandes e velhos de pinto duro, mas que não se lembrarão para que servem.”

Dr. Dráuzio Varella

 

56. “Estou aprendendo a maior das virtudes, a que agrada a Deus acima de todas as outras – a humildade.”

Mahavatar Babaji

 

57. “Já que os sentidos são incapazes de nos levar a Deus, o pensamento – que depende deles – é também incapaz de nos conduzir a Ele. Portanto, é para a intuição que teremos de nos voltar para conhecer Deus com bem-aventurança.”

Paramahansa Yogananda

 

58. “Todo homem aspira por felicidade e quer evitar o sofrimento. Mas neste mundo, verdade e mentira, justiça e injustiça, alegria e tristeza, passam mudam com o tempo. O homem deve ter fé no princípio último do qual tanto o bem e o mal surgem. O verdadeiro homem é aquele que trata a dor e o prazer da mesma forma. Você deve confiar no Divino e experimentar Seu amor em seu coração. Neste mundo, o proveito vindo da tristeza é maior do que o da felicidade. Os santos e sábios de outrora, que se tornaram imortais na historia, aspiravam por dificuldades em vez de felicidade. A alegria que nasce da superação de adversidades é mais duradoura que a obtida com felicidade. Portanto, não deverias ser avessos à tristeza, nem buscar somente a felicidade.”

 

Sathya Sai Baba

 

59. “Mantermo-nos conscientes de que nossa vocação mais íntima e profunda é servir desinteressadamente predispõe-nos à serenidade.”

 

José T. Neto

 

60. “Às vezes, nossa vida é colocada de cabeça para baixo, para que possamos aprender a viver de cabeça para cima.”

A.D.

 

61. “A cura não é uma questão de esforço, mas de amor e de graça. Saúde, abundância e harmonia – tudo vem da graça de Deus.”

 

Joel Goldsmith

 

62. “Transforma na personalidade universal o indivíduo dividido; que tudo em ti seja divino. Este é o teu alvo.”

Sri Aurobindo

 

63. “É mais fácil obter o que se deseja com um sorriso do que à ponta da espada.”

William Shakespeare

 

64. “Rezemos para que nossas vidas se tornem iguais às varetas de incenso, espalhando uma linda fragrância tanto em nossas vidas como na dos outros.”

Amma

 

65. “Se você vive julgando as pessoas, não tem tempo para amá-las.”

 

Madre Teresa de Calcutá

 

66. “O tempo numa dimensão acima da 3d, não é mais do que o movimento da energia através da densidade  da ilusão.”

Uriel

 

67. “Somos instrutores um dos outros.”

Mabell Collins

 

68. “Os únicos demônios neste mundo são aqueles que correm dentro do seu coração, e ali é onde todas as batalhas devem ser travadas.”

 

Mahatma Gandhi

 

69. “A Liberdade e a Autonomia requerem abandonar-se e precipitar-se de alguma forma no Desconhecido. Isso necessita transcender todos os apegos, todos os medos, o eu específico, todo apego ao seu ego.”

 

Irmão K

 

70. “Amar é Unir: Unir é expandir a Consciência, ampliar a relação com a Vida.”

Maria Flávia de Monsaraz

 

71. “A razão conduz os meus atos, mas o amor conduz a minha vida.”

Anônimo

 

72. “Na vida da oração vemos que o infinito é a nossa morada.”

Anônimo

 

73. “Desenvolve o equilíbrio. Sempre receberás elogios e culpas, mas não permite que nenhum dos dois afete o equilíbrio: segue a calma, a ausência de orgulho.”

Sutra Nipata

 

74. “Aprendi com as primaveras a me deixar ser cortada para poder brotar cada vez mais forte.”

       Gigi Fleming        

 

75. “Seja ativamente calmo e calmamente ativo.”

Sábios

 

76. “Quando se usa a própria Luz para fazer brilhar a Luz dos outros, ela um dia resplandecerá em todos.”

José Trigueirinho Neto

 

77. “Mesmo depois do leite derramado é importante pensar que a vida continua e a vaca não morreu.”

Eno T. Wanke

 

78. “Não existe autodisciplina sem coragem.”

Helena Roerich

 

79. “È inútil tratar de capturar o eco do oceano agarrando a concha do mar em que ele está oculto. É impossível capturar a essência dominando a forma na qual ela brilhou por um momento.”

H.B.Blavatsky

 

80. “Distingue entre aqueles que compreendem e aqueles que aceitam. Quem compreende, aplica o ensinamento na vida. Quem apenas aceita, nem sempre o faz.”

Helena Roerich

 

81. “Sua ortodoxia consiste em se rejubilar na heresia e sua heresia em substituir qualquer ortodoxia do mundo pela Verdade viva.”

G.R.S. Mead

 

82. “Penso que o universo se contém inteiramente dentro de si mesmo. Não há começo nem fim, não há criação nem destruição.”

 

Stephen Hawking

 

83. “Numa conclusão nua e crua: o estofo do mundo é de natureza mental.”

Eddington

 

84. “Para um mundo particular, há começo. Para o Cosmos como um todo, não.”

Dalai Lama

 

85. “O poder pertence àquele que sabe.”

Axioma antigo.

 

86. “Da ignorância depende o karma; do karma depende a consciência; da consciência dependem o nome e a forma, do nome e da forma dependem os órgãos do sentido; dos seis órgãos do sentido dependem o contato; do contato depende a sensação; da sensação depende o desejo; do desejo depende a ligação; da ligação depende a existência; da existência depende o nascimento; do nascimento dependem a velhice e a morte, a dor, a lamentação, a miséria, o pesar e o desespero. Assim começa todo este agregado de misérias...”

O Buda, Samyutta, Nikãya, XXII, 90

 

87. “Na serenidade do estado de Presença podemos sentir a nossa própria realidade sem forma e sem tempo, que é a vida não manifesta que dá vitalidade à nossa forma física. Conseguimos, então, sentir essa mesma vida lá no fundo de outro ser humano, de cada criatura. Conseguimos enxergar além do véu opaco da forma e da desunião. Essa é a realização da Unidade. Isso é amor.”

Eckhart Tolle

 

88. “Quando acabamos de fazer tudo o que viemos fazer aqui na Terra, podemos sair de nosso corpo, que aprisiona nossa alma como um casulo aprisiona a futura borboleta. E, na hora certa, podemos deixá-lo para trás, e não sentimos mais dor, nem medo, nem preocupações. – estamos livres como uma linda borboleta voltando para casa, para Deus...”

De uma carta a uma criança com câncer.

 

89. “A verdade pode ser afetada pelo que acontece no tempo.”

David Bohm

 

90. “O silêncio do homem sensato vale por todas as palavras do imprudente.”

Dalmar F. Souto

 

91. “É bastante provável que na história do pensamento humano os desenvolvimentos mais fecundos ocorram, não raro, naqueles pontos para onde convergem duas linhas diversas de pensamento. Essas linhas talvez possuam raízes em segmentos bastantes distintos da cultura humana, em tempos diversos, em diferentes culturas ou em tradições religiosas distintas. Dessa forma, se realmente chegam a um ponto de encontro – isto é, se chegam a se relacionar mutuamente de tal forma que se verifique uma interação real -, podemos esperar novas e interessantes desenvolvimentos a partir dessa convergência.”

 

Werner Heisenberg

 

92. “Não entesoureis para vós, mas daí em ramalhete de ternas flores e o jardim se estenderá.”

Trigueirinho

 

93. “Nem mesmo grandes tormentos exteriores podem afetá-lo quando você aprendeu a habitar sempre no seu Eu Interior.”

Yogananda

 

94. “O essencial é invisível para os lhos.”

Saint Exupéry

 

95. “Saber O QUE fazer é sabedoria; saber COMO fazer é bravura; FAZÊ-LO é virtude.

Mestre Hilarião

 

96. “LIBERDADE – A Liberdade começa quando percebemos que não somos a entidade dominadora, “o pensador”. No momento em que começamos a observar o pensador, ativamos um nível mais alto de consciência. Começamos a perceber, então, que existe uma vasta área de inteligência além do pensamento e que este é apenas um aspecto diminuto da inteligência. Percebemos também que todas as coisas importantes como a beleza, o amor, a criatividade, a alegria e a paz interior surgem de um ponto além da mente. É quando começamos a acordar.

Eckhart Tolle – O Poder do Agora

 

97. “A verdade não é aquela a qual se demonstra – é aquela que é inelutável.”

Saint Exupéry

 

98. “Quanto mais fortes as tempestades do inverno, mais ricas as belezas da primavera.”

Pio de Pietrelcina

 

99. “O sábio veste farrapos, mas usa jóias em seu coração, conhece a si mesmo, mas não se enaltece; ama a si mesmo, mas não se vangloria.”

Lao Tsé

 

100. “Seja profundo em tudo o que faz. Mesmo quando estiver rindo, não perca a calma interior. Seja alegre, mas mantenha sempre certa reserva. Concentre-se na alegria interior.”

Yogananda

 

 

 

 

 

 

(Seleção de Ivanildo Falcão da Gama para o mês de agosto-2011) 

 

 

 

 

NÃO HÁ...


Não há sofrimento que dure para sempre.
Não há lágrimas que não possa ser ofertadas ao Cristo, retornando em bênçãos...
Não há amor-paixão que um dia não possa se transformar em Amor Verdadeiro.
Não há nada que dure para sempre,
A não ser
O viver
Da própria eternidade, que reside dentro e fora de nós, neste AGORA infindo!
Não há situação aflitiva que perdure.
Não há problemas financeiros que não possam ter uma solução.
Não há nada que a Fé, a Esperança nos sábios processos que a vida nos traz,
Não possa dar a correta solução, preparando-nos para novo evento
Do aprendizado existencial. Não há nada que a gratidão e um sorriso não possam esclarecer-nos redirecionando nossa rota, iluminando faces, na vida. Em vidas...

Não há nada no mundo material que seja digno de apegos...
Não há estrela ou sóis que não estão também dentro do mais profundo de nossa Alma, não há a chamada morte – essa grande mentira inventada, não real.

Não há amor, que, se provisoriamente separados, não possa retornar reunindo corações amantes.
Não há espaço que não possa ser visitado pelo AMOR.
Não há desesperança para quem sabe orar, perdoar, vigiar, cuidar.
Não há quem não tenha sido uma criança inocente, feliz.
E que portanto não possa aprender com essa mesma criança que está em todos nós através da pureza, da inocência, das fadas, dos anjos que estão fielmente cumprindo suas missões na contínua assistência a todos nós...

Não precisamos de mais nada, senão de DEUS.
E seguir Suas Leis Divinas... E tudo o mais nos será dado por acréscimo,
Já nos exortava o Grande e Amado Mestre dos Mestres, CRISTO, em Jesus.

Não há nada estático, parado, estacionado no universo.
Portanto, precisamos ser dinâmicos, aproveitando com o sentido do útil, do oportuno, com amor e sabedoria, a dádiva de cada segundo vivido aqui na Terra.
Pois todos sabemos que é no doar-se que encontramos o retorno de todas as glórias, aos seres humanos sinceros, honestos, abertos para o aprendizado do dia-a-dia, e que assim em DEUS, em Jesus, no Amor, nada nos faltará...


Ivanildo Falcão da Gama
[Vando: E-mail: emamoreluz@bol.com.br – Site: www.supraconsciência.blogspot.com]
[Tel. Cel.: (64) 9219-5391]

SER > ESTAR > PERMANECER > FICAR > SER



SER


O que pode significar Ser? Em verdade, quem SOU eu? Eu sou bancário, eu sou professor, eu sou artista, eu sou motorista de praça, eu sou dona-de-casa, eu sou estudante, eu sou cabeleireira, eu sou ótimo comerciante, eu sou pai, eu sou mãe, eu sou filho, eu sou avô, avó... Eu sou linda, eu sou feia, eu sou gordo... Eu sou magro, eu sou ignorante, eu sou sábio... Eu sou o dono do pedaço... Eu sou péssimo para lembrar nomes, eu sou muito bom para... Eu sou alegre, eu sou triste, eu sou só...

Olha só: todos esses “eu sous” aí de cima, bem como uma infinidade a mais pertencem, não ao “Eu” de cada um de nós. Referem-se basicamente a posições, cargos, profissões, papéis que desempenhamos na família e na sociedade; estados psicológicos, padrões, estados mentais fixos... Que pertencem ao nosso euzinho-personalidade. Aí você pode me dizer: Certo amigo, mas nós sabemos que esses eusous representam mesmo nossos papéis, aquilo que fazemos aquilo que acreditamos, mas, eu sei que são papéis, cargos, etc. Como ser diferente disto? E na verdade não somos isto também?

Krishnamurti, para simplificar, divide a humanidade apenas em duas categorias: a) aqueles que sabem e b) aqueles que não sabem. Na maioria das vezes, mesmo sabendo que nos autorotulamos por nossa profissão, atividade, papeis e estados psicológicos ou mentais, nosso sistema de crenças ou posições políticas ou filosóficas, nós acabamos por acreditar, consciente e subconscientemente que verdadeiramente nós somos esses rótulos e papéis... E o que é pior: que nós somos essa ou aquela psicopatologia ou patologia... Somos “cegos”, somos “mudos”, somos “neuróticos”, somos “diabéticos”, somos “estressados”, somos “elétricos”, “introvertidos” ou “extrovertidos”, somos tenor ou contralto... Somos “metódicos” ou “sistemáticos”, somos jovens ou velhos... Você já entendeu. Muitos desses rótulos nos são colocados pela sociedade, pela família, já nos primeiros anos de nossa infante e desprotegida personalidade em formação. Mas, muitos deles, ao longo de nossa jornada terrena, somos nós próprios que, de boa intenção ou incautos, somos nós mesmos que nos colocamos... E passamos anos e anos... Senão a vida toda, acreditamos que somos isto ou aquilo.

Na verdade, esse primeiro “eu sou” representa apenas um primeiro estágio de autopercebimento por que passamos. E essa lista interminável lá de cima vai nos moldando, “formando” nossa personalidade e assim...nos trazendo grandes limitações a partir do instante em que damos força a esses rótulos, ou damos guarida a uma crítica irrefletida, aumentando inclusive a nossa coleção de medos, acreditando mesmo que somos esses rótulos e papéis. E repetindo, repetindo, repetindo para nós mesmos e muitas, muitas vezes para os outros... O que somos! Aí veio a máxima de Descartes que, invertendo completamente a valoração íntima de cada um, espalha no inconsciente coletivo de milhares, quiçá milhões de indivíduos que “Cogito, ergo sum” (Penso, logo existo)! Um cachorro pensa? – Talvez não. Uma planta pensa? – Acho que não como nós. E quando estamos, em raras ocasiões para a maioria, com a mente em branco, quando em estado de meditação nos encontramos sem pensamento na mente? – Ainda existimos? Endosso o pensamento que a máxima correta é exatamente o inverso: Ergo Sum, cogito. (Eu sou, portanto, penso)

Assim, na verdade, o que falamos até agora, não representa a essencialidade de nosso, ser, está, antes, ancorada no próximo verbo...:

ESTAR

Aquilo e muitos “aquilos” com que definimos nossa personalidade, posições e papéis, configura o nosso “ESTAR”. Você lembra das palavras sábias daquele ministro (Magri), quando, na mídia, disse: “Eu não sou ministro, eu ESTOU ministro”... Não é certo? – Amanhã não será mais, terá outro cargo, estará em outra. Portanto, é muito interessante que saibamos separar – conscientemente – as nossas posições e as rotulações com que agimos no mundo; mas, primacialmente, sabermos que não somos esses rótulos, diplomas ou estados de espírito. Se nós nunca questionarmos isto, vamos vivendo... Ao sabor dos ventos, como uma folha seca que caiu da árvore. Se toca uma música alegre, ficamos alegres, uma música melancólica ficamos melancólicos, se estamos trabalhando ou em companhia de quem gostamos, está tudo bem, mas, caso contrário...”Eu não posso viver sem você!” – E se o amigo, namorada, esposo (a) ou amante passa de plano, não está presente ou vai embora? O que será de nós? Você alimentou o pensamento, você disse milhares de vezes que só será feliz na companhia de sua outra metade da laranja... Você se autocolocou dentro de um compartimento estanque, dentro de um escaninho onde tudo na vida, no seu modo de ver é assim, ou assado... Você cristalizou seu pensar... Você tem uma opinião sobre tudo... Você caucionou sua felicidade em algo externo a você ou penhorou seu bem estar em valores muito superficiais, ilusórios e muito fugazes... E quando a própria vida lhe coloca em posição contrária às suas crenças... Quando você vê que está em cheque tudo aquilo que mais acreditou e difundiu, quando a realidade inesperada da vida ou as pessoas “puxam o seu tapete”, o que acontece com você? O que acontece conosco quando se dá a vida por uma idéia ou um pensamento mais forte do que concreto?

Você assim ESTÁ estático perante sua própria vida. Há quem mate. Há quem morra. Há quem entra em profundo estado de depressão... Porque os acontecimentos da vida não foram, ou não são do jeito que você sempre sonhou. Na forma cristalizada que sempre acreditou... Quando todos aqueles papéis, rótulos, autojustificativas, caem por terra, quando a vida lhe solicitou Algo mais e a ver mais longe. Quando a vida, generosamente, lhe ensina que é preciso fluir junto com ela... Que é preciso acordar e fluir no devir de cada instante. Que é preciso ser como um sol, uma nuvem, uma montanha, a chuva, o mar... Toda a natureza: Doação constante, Amor na ação sempre dinâmica e renovada.

PERMANECER-FICAR

Assim, quando você pensa-acredita que seu “eu sou” são aqueles rótulos, papéis, profissões, etc, você automaticamente se prende – e se limita, se confina – a eles. Muitas vezes nem querendo você consegue “pular o muro” de seus/nossos tão arraigados pré-conceitos. E aí vamos PERMANECER nessa ilusória situação: em parte porque a família, a cultura, a sociedade e os preconceitos científicos, filosóficos e religiosos assim ditaram a você. E em grande parte porque você se apropriou dessas idéias... Tendo-as, como irrevogáveis... ”Imexíveis”. Aí estamos permanecendo dentro de nosso velho edifício conceitual, nossas crenças inabaláveis, nossas opiniões “absolutamente inquestionáveis”...

Se você permanece, e FICA sempre assim, pergunto-lhe: O que aconteceria na consciência de alguém que, sessentão, oitentão... Num leito de hospital ou na solidão não cultivada de seu lar, já sabendo-se perto de seu desencarne, através da luz de sua alma que, “parado pela vida” lhe oferece agora preciosos insights... E ele/ela vê que tudo aquilo que acreditou serem incontestáveis verdades, tanto no terreno científico, filosófico, religioso, tanta coisa que pregou, aconselhou, brigou para manter sua opinião... Não é bem assim... Existe nele agora uma nova e mais clara visão, um novo enfoque, um ponto de vista mais abrangente, uma nova forma de ver em si o milagre da vida acontecendo a cada instante? E então ele ora fervorosamente a Deus pedindo mais um tempinho para viver. Na realidade um tempinho para renascer, qual linda fênix das cinzas de si mesmo! Tempinho esse que, se concedido, lhe fará viver de verdade, onde arranca de si todos os compartimentos estanques que pode e passa a fluir com a vida, passa a tomar banhos de chuva, a brincar com mais crianças, a não ser tão rígido em sua higiene em favor de mais tempo para realmente viver! Aí ele passa a contemplar nascer e pôr de sóis, a olhar para as estrelas, a sorrir muito mais do que se carrancutizar com posições dantes antagônicas de idéias ou pensamentos... Passa a dançar, a cantar, a sorrir, a não ligar mais tanta importância ao seu pequenino ego... Ele anda de carro, mas já não sofre se esse carro não for novo... Se não achou a marca de café que tanto gosta... Se as pessoas reconheceram ou não o seu trabalho... Ele descobre um grande poder interior. Poder que faz com que ele diga, afirme, decrete mesmo para si: Eu sou feliz! E nada, absolutamente nada que venha de fora de mim, ou de dentro de mim, pode tirar minha felicidade.

Quando ele transcende o seu PERMANECER e pula conscientemente para a vivência cotidiana de sua liberdade enquanto filho de Deus, quando assim alcança novo patamar de consciência e evolução, e procura de todas as maneiras, FICAR nessas elevadas freqüências do pensar, em esferas mais altas e sublimes de seu próprio Ser, ele intimamente sabe – veja, ele não acredita, ele sabe dentro de si – que nada nem ninguém têm mais poder de roubar sua alegria e felicidade interior. Nada nem ninguém podem matar ou anular seu verdadeiro Ser, seu Eu Real. Ele agora sabe que, com dinheiro ou sem dinheiro, na companhia de quem muito ama, ou não, só ou acompanhado, chuva ou sol, noite ou dia, domingo ou segunda-feira, ele agora sabe que é maravilhoso viver no rico agora... Que não precisa morrer para ir para o céu, basta que morra para o velho, o preconceitual, crenças superficiais... E que passe a efetivamente viver o grande presente que Deus nos deu: O momento Presente, minuto a minuto, hora a hora. Então, seja pela vida o “parando”, seja através da prática meditativa ou contemplativa, em sincera honestidade consigo mesmo, percebe que sempre esteve em companhia de Deus, que somos todos Um e que o Paraíso está mais perto que sua respiração e que, é através de mil atos de doação-contínua que recebe maior felicidade em seu coração.

Aí ele morre... Para esse “eu sou” do primeiro parágrafo: sabe-se não ser, mas estar nessa ou naquela contingência, não se identifica mais com papéis, status ou posições tão transitórias, e começa então a permanecer – atento e sereno - no FLUXO da vida. Sabe agora que a cada segundo está mudado, que avança agora sem as peias impostas pela sociedade, pela moral apenas grupal de hábitos e costumes, da religião que – transitória porém necessária como uma muleta - na verdade até então mais serviu para retê-lo do que lhe proporcionar a liberdade, a “salvação”. Mas, sente-se imensamente grato a todo o seu passado, a tudo aquilo que acreditou, que vivenciou, à vida generosa que lhe deu tanto... E deseja retribuir ao mundo, compartilhar e partilhar do coração de sua alma, com seus irmãos... Deseja sinceramente que saiam da platônica caverna e venham ver o infinito do brilho matutino de um orvalho iridescente espelhando os primeiros raios de sol, a borboleta, o vaga-lume, o beija-flor, as estrelas, os rios e os oceanos... Um “mundão” de novas e infinitas possibilidades para o Ser humano. Aí, neste ponto, ele/ela, conceitos e pré-conceitos sempre repensados, aperfeiçoados e transcendidos, em estado de paz e felicidade perene, passam para novo patamar evolutivo. Ele agora, apenas, É.

SER

Agora, ele se autosuperou. E não pára: continua autosuperando-se, quebrando limites, toda hora, todo dia. Foi necessário e importante cada etapa que viveu. Foram necessárias efêmeras alegrias e prazeres primários que no fundo não o satisfizeram. Foram necessárias as crenças. Foi necsssário vivenciar o amor e a dor. Agora, não tem mais “tempo” a perder. Porque foi necessário ver os sonhos de seus castelos na areia desmoronarem, um a um. Ele agora dá muito valor a des-ilusão, sentido positivo: Ele a cada novo dia não quer mais “ilusão” Ele anseia pela Des-ilusão, ou seja, roga aos céus, aos Mestres de Luz, ao Universo, que lhe retire “Maya”, que dos erros o conduza a acertos maiores, das trevas o conduzam à luz, do irreal lhe faça ver o real. Agora, seu novo Eu Sou lhe faz sentir e vivenciar a grande Verdade: Eu e o Pai somos Um. Eu Sou o Que Sou. Eu sou aquilo que sou. Eu sou Deus em ação. Cumpriu garbosamente um longo caminho na trilha de seu autoconhecimento. Vivenciando a unicidade, onde por enquanto apenas sabe que UM são todos e todos são Um e procura, neste novíssimo patamar evolutivo, ser efetivamente Um com todos os homens, mulheres, animais, plantas, minerais...E em seu coração renovado sente a dor de todos: A dor da morte para alimentar as pessoas. A dor da separatividade. Da exclusão A dor da ganância. A dor que vem das trevas dos homens que não sabem. A dor da ignorância.

Se agora ele sabe que foi criado à imagem e semelhança de Deus, e não o contrário. Agora ele quer ser como Deus. Quer ser um Portador da Luz, um co-criador da Realidade. Nele não há mais fronteiras: Vive no corpo e não para o corpo. Vive no mundo mas não é mais do mundo. Está simultaneamente dentro e fora da caverna de Platão. Está no coração do beija-flor, da Águia, no coração de todos seus irmãos menores, do animal esfaqueado, dos que padecem a fome e o sofrimento moral, está para além do bem e do mal. Ele agora está em Deus e todo o seu ser é Deus em ação. Percebe o que o amado Mestre Jesus quis dizer com “Assim na Terra como no Céu”. Assim, renovado, renascido, passa a ser como São Francisco de Assis, como Ghandi, como Buda, como Jesus, como um ser iluminado que esparge Amor e Luz para todas as criaturas. Agora que ele simplesmente, É – e o É só É sendo - pode efetivamente sentir aquela “Paz que ultrapassa todo entendimento”. Sabe que, como disse o apóstolo Paulo: “Tudo posso, mas nem tudo me convém” – E reinicia todo santo dia novos caminhos, nova prestação de serviço à humanidade. Humanidade que começa com o seu próximo mais próximo – família, amigos, clientes, todo e qualquer um que cruza seu caminho ou freqüenta mesmo por um átimo de segundo seus pensamentos. Sabe vivenciar papéis, rótulos, posições, padrões formais ou informais de comportamento e posturas, estados de espírito cambiantes... Mas não mais se identifica com eles. Na sua nova “fronteira”, ultrapassou todas essas limitadas porteiras.

Nesse novo autodescobrir-se no seu EU SOU, seu Eu Verdadeiro, vivencia o que bem disse GRS Mead:

“Sua ortodoxia consiste em se rejubilar na heresia. E sua heresia
em substituir qualquer ortodoxia do mundo pela Verdade Viva.”

E assim, pois, tornou-se para sempre identificado com o Ser do seu verdadeiro Ser -onipotente, onipresente, onisciente, oniamoroso – sua Herança Divina por primordial direito - onde agora está em Deus, onde É Deus, uno com Ele e com todas as criaturas, permanecendo em páramos superiores e sublimados da Vida e ficando “ad eternum” vivendo com sua novíssima “supraconsciência” ou “samadhi”. No dizer de Mabel Collins...:


“Não procura o prazer nem a dor: não pede céu algum nem teme o inferno; entretanto, entrou na posse de uma grande herança, que não é tanto uma compensação pelas coisas que renunciou, como um estado que simplesmente a risca em absoluto da memória. Ele não vive no mundo, mas com ele; e o seu horizonte se estendeu à amplidão de todo o universo.”



Ivanildo Falcão da Gama – Caldas Novas (GO), 12 de março de 2009.
Vando: emamoreluz@gmail.com – www.supraconsciencia.blogspot.com


Blog de IVANILDO FALCÃO DA GAMA

NÃO HÁ...

Postado em 12 outubro 2011 às 1:19 0 Comentários

 

 

NÃO HÁ...

  

Não há sofrimento que dure para sempre.

Não há lágrimas que não possa ser ofertadas ao Cristo, retornando em bênçãos...

Não há amor-paixão  que um dia não possa se transformar em Amor Verdadeiro.

Não há nada…

Continuar

RECEITA DE AMOR...!!!

Postado em 2 outubro 2011 às 1:12 0 Comentários

 

Receita de amor

Augusta Schmidt

 

Coloque Um Olhar profundo em Outro Olhar,

Colha um Mar…

Continuar

TODOS OS DIAS...

Postado em 28 setembro 2011 às 3:00 1 Comentar

 

 

 

Ofereço a você, Anjo de Luz, a todos nossos irmãos Buscadores, aos Trabalhadores da Luz e todos aqueles que se sentem diariamente tocados pelo Amor, segurando nas Mãos de Deus, em agradecimento, em aprendizado, em louvor. Namasthé amados! IFG

 

TODOS OS…

Continuar

URGÊNCIA!

Postado em 27 setembro 2011 às 15:33 1 Comentar

 

Urgência...

 

 

É uma palavra com que convivemos dia a dia em nossa vida agitada, e da qual perdemos todo o real significado de “prioridade".

É a maneira pequena de viver neste mundo, porque no dia em que partimos deixamos pendentes as…

Continuar

PENSAMENTOS-LUZ - Projeto L.E.C. - Laboratório de Expansão Consciencial

Postado em 19 setembro 2011 às 1:27 1 Comentar

 

AMADOS IRMÃOS E IRMÃS, COMPANHEIROS DE JORNADA QUE ME PRIVILEGIAM A VIDA E O VIVER...

 

QUERO, DE CORAÇÃO E MENTE AGRADECIDAS, OFERECER A CADA UM DE NÓS, À PARTIR DESTE MÊS, CEM PENSAMENTOS-LUZ. SÃO ENSINAMENTOS CONDENSADOS EM POUCAS LINHAS, PROVENIENTES DE GRANDES MESTRES E INSÍGNES PENSADORES DA HUMANIDADE, OS QUAIS, QUANDO…

Continuar

Caixa de Recados (141 comentários)

Você precisa ser um membro de Anjo de Luz para adicionar comentários!

Entrar em Anjo de Luz

Em 11:19am on maio 05, 2016, Marcia Carvalho deu para IVANILDO FALCÃO DA GAMA um presente...
Às 19:33 em 30 março 2015, Maria Miguel disse...

Às 20:05 em 27 dezembro 2014, Maria Miguel disse...

Às 16:15 em 17 dezembro 2014, Maria Miguel disse...



Neste Natal,quero comemorar o Amor,alegria,amizade,afinidade,carinho,paz,sabedoria...que cada um dos meus Amigos, me presenteou, durante todo o Ano .
Agradeço a Jesus, tê-los colocado ao meu lado,pois assim, a caminhada foi muito mais alegre e facilitada.
Gratidão a todos.
Beijos carinhosos.

Às 21:13 em 18 abril 2014, Maria Miguel disse...

Às 15:44 em 16 dezembro 2013, Maria Miguel disse...

Mensagens para Orkut - Feliz Natal
                                                                                                                                                   
Em 5:01pm on outubro 13, 2013, Maria Miguel deu para IVANILDO FALCÃO DA GAMA um presente...
Presente
Semaninha abençoada , sentindo Jesus no seu coraçãozinho . Um abraço
Às 10:49 em 14 setembro 2013, Maria Miguel disse...

BOM FINAL DE SEMANA !
ABRAÇO .

Photo Sharing

Em 6:03pm on agosto 30, 2013, Maria Miguel deu para IVANILDO FALCÃO DA GAMA um presente...
Presente
Há pensamentos que são orações. Há momentos nos quais, seja qual for a posição do corpo, a alma está de joelhos. Victor Hugo . AMOR , PAZ e ALEGRIA . Bom final de semana
Em 11:52am on agosto 27, 2013, Maria Miguel deu para IVANILDO FALCÃO DA GAMA um presente...
Presente
Dia de muita alegria ! Preocupações desnecessárias , limitam a vivência de alegrias do nosso dia-á-dia . Não devemos pois, sobrecarrega-nos "com algo"que nos desvie desta Graça ....a ALEGRIA . Bj
 
 
 

Seja um apoiador de Anjo de Luz

Para mantermos os sites de Anjo de Luz, precisamos de ajuda financeira. Para nos apoiar é só clicar!
Ao fazer sua doação você expressa sua gratidão pelo serviço! Lembre-se que dar e receber são aspectos diferentes do fluxo de energia no Universo.

 
Visit Ave Luz

 

PUBLICIDADE




Badge

Carregando...

Co-criando A NOVA TERRA

«Que os Santos Seres, cujos discípulos aspiramos ser, nos mostrem a luz que
buscamos e nos dêem a poderosa ajuda
de sua Compaixão e Sabedoria. Existe
um AMOR que transcende a toda compreensão e que mora nos corações
daqueles que vivem no Eterno. Há um
Poder que remove todas as coisas. É Ele que vive e se move em quem o Eu é Uno.
Que esse AMOR esteja conosco e que esse
PODER nos eleve até chegar onde o
Iniciador Único é invocado, até ver o Fulgor de Sua Estrela.
Que o AMOR e a bênção dos Santos Seres
se difunda nos mundos.
PAZ e AMOR a todos os Seres»

A lente que olha para um mundo material vê uma realidade, enquanto a lente que olha através do coração vê uma cena totalmente diferente, ainda que elas estejam olhando para o mesmo mundo. A lente que vocês escolherem determinará como experienciarão a sua realidade.

Oração ao Criador

“Amado Criador, eu invoco a sua sagrada e divina luz para fluir em meu ser e através de todo o meu ser agora. Permita-me aceitar uma vibração mais elevada de sua energia, do que eu experienciei anteriormente; envolva-me com as suas verdadeiras qualidades do amor incondicional, da aceitação e do equilíbrio. Permita-me amar a minha alma e a mim mesmo incondicionalmente, aceitando a verdade que existe em meu interior e ao meu redor. Auxilie-me a alcançar a minha iluminação espiritual a partir de um espaço de paz e de equilíbrio, em todos os momentos, promovendo a clareza em meu coração, mente e realidade.
Encoraje-me através da minha conexão profunda e segura e da energia de fluxo eterno do amor incondicional, do equilíbrio e da aceitação, a amar, aceitar e valorizar  todos os aspectos do Criador a minha volta, enquanto aceito a minha verdadeira jornada e missão na Terra.
Eu peço com intenções puras e verdadeiras que o amor incondicional, a aceitação e o equilíbrio do Criador, vibrem com poder na vibração da energia e na freqüência da Terra, de modo que estas qualidades sagradas possam se tornar as realidades de todos.
Eu peço que todas as energias e hábitos desnecessários, e falsas crenças em meu interior e ao meu redor, assim como na Terra e ao redor dela e de toda a humanidade, sejam agora permitidos a se dissolverem, guiados pela vontade do Criador. Permita que um amor que seja um poderoso curador e conforto para todos, penetre na Terra, na civilização e em meu ser agora. Grato e que assim seja.”

© 2019   Criado por Fada San.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço